A cadela Toya, da raça golden retriever, viajou para Petrópolis, na manhã desta sexta-feira (18), com o objetivo de ajudar nas buscas dos desaparecidos no desastre provocado pelas chuvas na região serrana na última terça (15).

A cachorrinha foi acompanhada de seu instrutor e tutor Willian Almeida, o Russo. Toya já é conhecida por participar de grandes buscas como, em novembro de 2018, quando ajudou a localizar o corpo de Fabiane Fernandes, turista de Florianópolis assassinada em Arraial do Cabo.

Outra participação importante dela foi em 2019, no rompimento da barragem em Brumadinho. Nos quatro dias que trabalhou lá, a cadela identificou os locais e achou seis corpos.

A cadela, inclusive, já ganhou uma medalha de honra ao mérito, por toda a sua contribuição.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui