InícioDestaqueFamília de São Pedro da Aldeia pede ajuda depois de perder tudo...

Família de São Pedro da Aldeia pede ajuda depois de perder tudo em enchente

Moradora do bairro São João, Priscila Moura tem três filhos e teve a casa inundada na chuva que atingiu a região na última semana

A forte chuva que atingiu a Região dos Lagos durante a madrugada desta segunda-feira (6) pegou muita gente de surpresa. Pouco mais de três horas de chuva intensa foram suficientes para alagar ruas e causar estrago em residências. Um dos lugares afetados foi o Bairro São João, em São Pedro da Aldeia, onde Priscila Moura teve a casa invadida pela água.  

A água suja que retornou de canos fez com que a dona de casa perdesse tudo. Entre os itens, móveis, roupas, televisão, cama, colchão e comida estragaram. Nos cômodos só sobraram móveis revirados, lama e mal cheiro, o marido de Priscila conta que a casa ficou inabitável.

“Na madrugada que choveu, acordei duas vezes para cuidar do meu bebê que estava doente. Na primeira estava tudo seco. Na segunda, assim que levantei com meu bebê no colo estava tudo alagado. Por Deus não morri eletrocutada”, conta.

Como eles tinham se mudado há apenas três dias, tudo ainda estava no chão, onde as crianças também estavam dormindo. Ela conta ainda que o caçula estava com quadro de febre, diarreia e vômitos, e por isso, estava indo constantemente ao hospital, sem tempo para organizar os itens.

Com três filhos, um de 16, uma de 10 e outro de pouco mais de dois anos, os pais buscam ajuda para conseguir recuperar o que foi perdido. Priscila conta que já conseguiu cama e colchões para as crianças, agora faltam móveis de quarto, cozinha e, se possível, roupas.

Quem puder ajudar pode entrar em contato com o telefone (22) 99232-9256 ou 22 99225-8416, ambos também funcionam como whatsapp.  A família aceita doação de itens novos e usados, além de alimentos.

Chuva voltou a assustar aldeenses nesta quinta-feira (16)

Uma chuva rápida e intensa voltou a assustar os aldeenses na noite desta quinta-feira (16). No centro, a Rua Camerindo Santos ficou completamente alagada. Conforme relatos de moradores, motoristas chegaram a ter problemas com os automóveis e casas foram invadidas pela água. A RJ-140, no bairro Campo Redondo, na altura de um posto de combustíveis, e no Baixo Grande, próximo à passarela, no sentido Cabo Frio, também ficou debaixo d’água.

Também foram registrados pontos de alagamento na RJ-140, no bairro Campo Redondo, na altura de um posto de combustíveis, e no Baixo Grande, próximo à passarela, no sentido Cabo Frio.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content