EXCLUSIVO/ Número de contaminados por Covid-19 em Cabo Frio cresce 500% após o Réveillon

Dados da prefeitura indicam que, em dois dias, entre segunda (3) e quarta-feira (5), houve 18 casos, sendo um grande aumento comparado a antes do ano novo, que em quatro dias, seis pessoas testaram positivo

1581

Em Cabo Frio, a grande quantidade de turistas na virada do ano – cerca de 800 mil, de acordo com a prefeitura -, além da polêmica do Carnaval – se vai acontecer ou não -, trouxe à tona um questionamento: e os casos de Covid-19? Continuam estabilizados ou não? Principalmente levando-se em consideração que um morador está com suspeita de ter contraído a nova variante Ômicron.

A resposta é preocupante. Conforme boletim da prefeitura, apesar da queda nas internações, em dois dias, entre segunda (3) e quarta-feira (5), houve 18 casos confirmados, conferindo aumento de 500% se comparado ao período anterior ao Réveillon: em quatro dias, seis pessoas testaram positivo. Vale lembrar ainda que esses números podem ser maiores, pois os resultados são enviados para o Lacen (Laboratório Central) e o município depende desses resultados chegarem para atualizar os dados.

Dados levantados pelo Portal RC24h indicam que, em pelo menos dois hospitais privados da cidade, os números aumentaram exponencialmente. Em apenas um dia, de terça (4) para quarta-feira (5), em um deles, foram 30 swabs (exame para detectar a doença) positivos. No início da semana, segundo um funcionário, “foram 18 casos em um dia e 12 no outro”.

Já na outra clínica privada, as procuras por testes cresceram aproximadamente 30%, conforme servidores. “Devido às férias, tivemos um aumento absurdo, muita gente está buscando fazer o teste, até mesmo para poder voltar à sua terra”, afirma.

Além disso, outra doença também tem preocupado bastante a cidade. Informações divulgadas pela prefeitura nesta terça-feira (4) constam que quatro moradores morreram de síndrome gripal – o vírus influenza. Somente no mês de dezembro, houve 6.487 atendimentos, o que equivale a um aumento de 307,21% comparado ao mês anterior.

Após reunir essas informações, o Portal realizou uma pesquisa questionando se o Carnaval deve ou não acontecer em Cabo Frio. Mais de 85% dos internautas responderam negativamente. Contudo, os moradores apenas saberão do veredito final no dia 17 de janeiro, quando o prefeito José Bonifácio (PDT) já terá se reunido com gestores das cidades da Região dos Lagos e chegará a uma decisão em conjunto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui