InícioRegião dos LagosCabo FrioDecisão sobre realização do Carnaval gera impasse em Cabo Frio

Decisão sobre realização do Carnaval gera impasse em Cabo Frio

Prefeito se comprometeu a tomar uma decisão até dia 17; secretário de Turismo chegou a confirmar cancelamento do evento nesta terça-feira (4), mas recuou e disse que “tendência é cancelamento”

A realização – ou não – do Carnaval 2022 em Cabo Frio virou motivo de impasse na Prefeitura. Nesta terça-feira (4), o secretário de Turismo, Carlos Cunha, chegou a confirmar o cancelamento das festividades.

Contudo, na sequência, Cunha recuou e disse que “tendência é pelo cancelamento”.

O Portal RC24h entrou em contato com o prefeito cabo-friense, José Bonifácio (PDT), nesta quarta (5) para saber qual a posição final. Zé informou que vai se reunir com outros prefeitos da região a fim de tomar uma decisão conjunta.

Segundo ele, o posicionamento oficial deve ser feito até dia 17 de janeiro.

A reunião comentada pelo prefeito de Cabo Frio deve ser, sobretudo, com as cidades vizinhas, como São Pedro da Aldeia, Armação dos Búzios e Arraial do Cabo.

Bonifácio acredita que, limitando o carnaval de rua, dá para controlar o contágio já que bailes em clubes e boates podem exigir passaporte vacinal, uso de máscara e limitar o público, ao contrário das avenidas abertas.

Nesse sentido, o cancelamento estudado é do desfile de blocos.

Contexto

A terça-feira foi de cancelamento da folia de rua em cidades importantes do Estado do Rio. A primeira foi Maricá, na Região Metropolitana.

O prefeito Fabiano Horta (PT) usou o Twitter para informar a suspensão da programação de carnaval na cidade devido ao avanço da Ômicron, variante da Covid-19, no estado.

Na sequência, foi a vez do prefeito carioca, Eduardo Paes (PSD), se posicionar. Folião de carteirinha, Paes confirmou que não haverá desfiles de blocos, mas o carnaval na Sapucaí segue confirmado.

O prefeito disse que chegou a ser oferecido aos patrocinadores realizar os blocos em locais fechados, como o Parque Olímpico, para controle das regras sanitárias de combate à Covid-19, contudo a proposta não seduziu representantes dos blocos, que enfatizam a ligação com os territórios tradicionais por onde desfilam.

A Prefeitura de Niterói seguiu as vizinhas e não vai realizar carnaval de rua. O município foi além e vetou até mesmo festas privadas.

A única atração mantida é o desfile das escolas de samba na rua Conceição, no Centro. Contudo, os foliões terão que apresentar o passaporte da vacina e deverão usar máscaras para acompanharem os desfiles das arquibancadas. O cancelamento do desfile também não é descartado.

“Vamos seguir acompanhando a situação da pandemia na cidade e na Região Metropolitana ao longo das próximas semanas, podendo restringir, inclusive, o desfile das escolas da rua da Conceição”, afirmou a Prefeitura niteroiense.

Panorama de Cabo Frio

Em um momento delicado de avanço da Covid-19 e surto de gripe, Cabo Frio informou, nesta terça, que foram registrados quatro óbitos por influenza na cidade no mês passado.

Com relação à doença causada pelo SARS-CoV-2, foram 924 óbitos desde o inicio da Pandemia, em março de 2020. Sete dessas mortes foram confirmadas entre 28 de dezembro e 03 de janeiro.

O Portal RC24h continua em contato com a Comunicação e com o prefeito cabo-friense para saber da decisão final sobre a realização do carnaval no município.

Luiz Felipe Rodrigues
Estudante de Jornalismo pela Universidade Veiga de Almeida. Atuou como estagiário do G1 na InterTV, afiliada da Rede Globo. Desde junho de 2020, escreve para o Portal RC24h.
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content