InícioRegião dos LagosMacaéVereadores de Macaé cobram melhorias em serviços públicos

Vereadores de Macaé cobram melhorias em serviços públicos

Vereadores fizeram propostas nas áreas de saúde, transporte e urbanismo

A sessão desta quarta-feira (18), na Câmara de Macaé, foi marcada pela solicitação de diversos serviços públicos para a população. Foram aprovados requerimentos e indicações realizadas por diferentes vereadores. As principais reivindicações ao governo municipal foram nas áreas de saúde, mobilidade urbana e abastecimento de água.

O professor Michel (Patriota) sugeriu ao prefeito Welberth Rezende (Cidadania) que seja construído um ‘Hospital do Olho’ para atendimento dos moradores da cidade.“Precisamos de um centro de referência para tratar os problemas oftalmológicos e isso pode ser feito com recursos próprios ou por meio de parcerias e convênios com os governos estadual e federal, informou o vereador, acrescentando que Duque de Caxias dispõe de serviço semelhante, sendo que tem quatro vezes a população macaense e o mesmo orçamento.

Para a melhoria do transporte público, Tico Jardim (Pros) pediu a criação de um portal de entrada na Região Serrana e um terminal de ônibus para a integração em Córrego do Ouro. “Facilitaria a locomoção dos que circulam pelos distritos e localidades da Serra, assim como a fiscalização do serviço de transporte”.

Segundo o parlamentar, essa é uma demanda dos moradores, pois algumas linhas têm poucos horários e passam por muitas localidades antes de chegar ao destino final, tornando a viagem longa e deixando os ônibus cheios em partes do trajeto. “Isso dificulta a vida dos moradores e também o turismo, que é limitado pela falta de um transporte mais eficiente”.

Rond Macaé (Patriota) solicitou a instalação de redutores de velocidade na Avenida Luiz Lírio, na Barra de Macaé, e a resolução do problema de abastecimento de água na localidade das Palmeiras, na extensão do bairro Jardim Franco. Iza Vicente (Rede) cobrou esclarecimentos sobre o orçamento destinado para as reformas dos banheiros públicos que permanecem inutilizados, por exemplo, nas praças Veríssimo de Mello e do bairro Visconde.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content