InícioEconomiaSaquarema é destaque nacional em ranking de Competitividade dos Municípios

Saquarema é destaque nacional em ranking de Competitividade dos Municípios

Na Região dos Lagos, a cidade está na primeira posição. Em relação ao Brasil, o município é o que mais apresentou evolução comparado ao ano de 2022

Saquarema despontou como destaque no ranking de Competitividade dos Municípios, que avalia a capacidade de um governo em proporcionar um maior bem-estar social e elevar o padrão de vida da sua população. A pesquisa, que é de nível nacional e foi divulgada nesta quarta-feira (23) pelo Centro de Liderança Pública (CLP) em parceria com a Gove, abrange 410 cidades com mais de 80 mil habitantes.

De acordo com o estudo divulgado, Saquarema subiu 154 posições em relação ao ano de 2022, sendo a cidade com maior evolução em todo o Brasil.

No caso, os fatores que impulsionaram esse avanço foram o salto de 323 posições no segmento de instituições composta por dois pilares: sustentabilidade fiscal e funcionamento da máquina pública, além do progresso de 114 posições na categoria economia, composta pelos pilares inserção econômica, inovação e dinamismo econômico, capital humano e telecomunicações.

Saquarema no cenário regional e estadual

Com o resultado, Saquarema ficou em 6º lugar entre as cidades do Rio de Janeiro e em 175º no ranking nacional. Na Região dos Lagos, ocupa a primeira posição.

Levando em consideração o cenário estadual, Saquarema ficou atrás somente da cidade do Rio de Janeiro, que permanece como o município do estado melhor posicionado no ranking geral; Niterói, Resende, Volta Redonda e Macaé completam o ‘top 5’. Já na Costa do Sol, Saquarema consolidou-se como o município mais competitivo nessa área geográfica, sendo acompanhando por São Pedro da Aldeia, na 224ª posição nacional, Maricá, na 253ª posição nacional, Cabo Frio na 298ª posição nacional e Araruama na 300ª colocação nacional.

O Ranking

A iniciativa do Ranking de Competitividade dos Municípios visa fornecer suporte aos líderes públicos do Brasil em suas decisões, focando o aprimoramento da gestão das cidades. Para isso, são avaliados 65 indicadores organizados em 13 pilares temáticos, abrangendo três dimensões: instituições, sociedade e economia.

O propósito central inclui incentivar uma competição positiva entre os municípios, impulsionando os agentes locais a aprimorar o fornecimento de serviços públicos e atrair empresas, trabalhadores e estudantes para enriquecer o ambiente urbano. Além disso, a ferramenta atua como um instrumento para fomentar a qualificação do cenário de negócios na cidade, assim como orientar o setor privado na tomada de decisões de investimento.

Graduada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Universidade Veiga de Almeida.

Já atuou como apresentadora na Jovem TV Notícias, em 2021. Escreve pelo Portal RC24h há três anos e atua, desde julho de 2022, como repórter do Jornal Razão, de Santa Catarina.

É autora publicada, com duas obras de romance e mais de 500 mil acessos nas plataformas digitais.

- Advertisement -
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Mais Lidas

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -
- Advertisement -spot_img
Pular para o conteúdo