InícioSaúdeCovid-19SÃO PEDRO: Drive-thru solidário vacina mais de mil moradores e arrecada cerca...

SÃO PEDRO: Drive-thru solidário vacina mais de mil moradores e arrecada cerca de 470 kg de alimentos

Mutirão de vacinação continua neste domingo (18), das 8h às 13h, no estacionamento da Havan

Para dar celeridade à imunização contra a Covid-19, a Prefeitura de São Pedro da Aldeia realiza, neste fim de semana, a segunda edição do drive-thru de vacinação. Neste sábado (17), primeiro dia do evento, foram aplicadas mais de 1.300 doses e arrecadados cerca de 470 quilos de alimentos não perecíveis, além de 24 cestas básicas completas, agasalhos e cobertores. O mutirão de vacinação continua neste domingo (20), das 8h às 13h, no estacionamento da Havan, no Campo Redondo.

O prefeito, Fábio do Pastel, que tem 43 anos, foi o primeiro vacinado do dia. “É um alívio, uma alegria tão grande depois de esperar tanto tempo. Eu sei da felicidade de quem está se vacinando, sinto a mesma coisa. Não deixem de tomar a vacina, independente da marca”, afirmou. Antes da abertura do evento, o prefeito reuniu toda a equipe presente para uma palavra de incentivo. “Agradeço a cada profissional e voluntário que está aqui neste fim de semana ajudando a salvar vidas. Que deixaram as famílias e estão aqui com esse sorriso no rosto. Isso é muito importante para mim, para os nossos familiares e para todos que estão à espera. Tenho certeza que esse evento será um sucesso, assim como foi o outro drive-thru”, disse.

João Henrique Castro dos Anjos, morador do bairro Alecrim, era o primeiro motorista aguardando na fila quando o portão do estacionamento foi aberto aos veículos. “Quero deixar longe da minha casa essa doença, que tirou a vida de tantas pessoas. Espero que melhore para todo mundo, que todos sejam vacinados o mais rápido possível. Não vejo a hora de ninguém mais perder a vida para essa Covid”, relatou.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Maria Márcia Fontes, a previsão é que o número de doses aplicadas na primeira edição do evento drive-thru seja ultrapassado neste fim de semana. “A nossa expectativa para os dois dias é bater o número de vacinados no drive-thru anterior. Nós convidamos, mais uma vez, para que as pessoas venham tomar a segunda dose da vacina. Também estamos efetuando a aplicação da D2 de todas as vacinas aqui. Venha completar o ciclo vacinal para que você tenha um percentual maior de imunidade, de segurança sanitária. Também quero agradecer a solidariedade das pessoas que estão trazendo doações de alimentos e agasalhos”, completou Maria Márcia.

Os alimentos, agasalhos e cobertores arrecadados serão destinados pela Secretaria Municipal de Assistência Social aos cidadãos aldeenses assistidos por dispositivos oficiais da administração municipal. “O objetivo da arrecadação é conseguir atender um número maior de pessoas. Com a pandemia, tivemos um crescimento do número de famílias em vulnerabilidade alimentar e, com essa ajuda, conseguimos atender melhor essas pessoas”, explicou a secretária responsável pela pasta, Diana Alves.

Durante o evento, os veículos foram organizados em seis fileiras, com cerca de seis profissionais realizando o cadastro dos vacinados e uma mesa ao final de cada fila para a imunização. O fluxo de carros ocorreu sem entraves durante todo o evento, com tempo de espera na fila variando de 10 a 15 minutos durante a maior parte do evento.

Exemplos de solidariedade

Uma das características dos mutirões de vacinação organizados pelo município é a dedicação e empenho das equipes de profissionais e voluntários. Nesta ocasião, o engajamento dos cidadãos na campanha de arrecadação também se destacou, a exemplo do aldeense Evandro Vieira. Ele demonstrou alegria ao falar sobre o gesto de solidariedade. “Tem muita gente precisando. A gente não pode dar muito, mas ajuda com o pouco que pode. Eu trouxe dois quilos”, contou satisfeito.

A agente comunitária de saúde, Deusa Helena Rodrigues, que trabalhou no evento, contou um pouco da sua história ao ressaltar a importância das doações. “Eu lutei muito na vida. Tenho um filho autista, hoje com 26 anos, passei fome, mas fui vencendo e fiz minha faculdade, sou formada em Assistência Social. Meu filho caçula é técnico em enfermagem e tenho muito orgulho disso. Hoje eu trouxe os meus três quilos de alimento para doar porque, um dia, eu tive fome e muita gente não abriu a porta pra mim, sei o que é”, contou emocionada.

Vacinação continua neste domingo (18)

Neste domingo (18), o drive-thru solidário terá continuidade das 8h às 13h no estacionamento da loja de departamentos Havan. O mutirão atende pessoas com 35 anos ou mais, todos os grupos inseridos anteriormente no calendário e os cidadãos aptos a receberem a segunda dose (D2).

A Secretaria de Saúde destaca que todos os moradores devem apresentar documentação pessoal com foto, Cartão do SUS e comprovante de residência nominal no ato da vacinação. Alguns casos necessitam, ainda, de comprovantes específicos. 

 A entrada no estacionamento será pela Estrada dos Passageiros, na área de carga e descarga aos fundos da loja, com saída pela RJ-140. A vacinação em sistema drive-thru é voltada para carros e motos.

A prefeitura ressalta que todos os cidadãos que forem ao local deverão seguir os protocolos de segurança sanitária, como o uso de máscara e higienização frequente das mãos com álcool em gel.

O mutirão contou com o apoio da Defesa Civil, guardas Municipal e Ambiental, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. A Marinha do Brasil prestou auxílio com a cessão de dois técnicos de enfermagem por meio da Policlínica Naval de São Pedro da Aldeia. A Terceiro-Sargento Enfermeira Mariana Fernandes da Silva ressaltou o papel da instituição militar. “A Marinha tem o papel perante a sociedade de prestar apoio a toda a população. A presença da instituição aqui hoje é importante por isso, por ser um momento de união em prol do combate à pandemia”, afirmou.  

 

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content