Réveillon em Cabo Frio vai ter queima de fogos e reforço na segurança

Virada do ano vai contar com operações conjuntas entre a Guarda Municipal, Fiscalização de Posturas, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Capitania dos Portos

643

A festa de Réveillon em Cabo Frio terá queima de fogos na Praia do Forte, com duração de 10 minutos. O espetáculo pirotécnico será custeado por patrocínio de empresa privada. Nenhum palco será montado na cidade para apresentações musicais.

A expectativa da Prefeitura é que o município receba cerca de 800 mil visitantes. A ocupação hoteleira, de acordo com a Secretaria Municipal de Turismo, Esporte e Lazer, é de 99%, a maior desde 2018. A Prefeitura orienta para que todas as pessoas que saiam às ruas na virada do ano utilizem máscara de proteção.

Para garantir mais espaço para a circulação de pessoas, a orla da Praia do Forte será fechada para o trânsito de veículos. As duas pistas da Avenida Litorânea e da Avenida Macário Pinto Lopes, assim como as ruas do entorno, estarão interditadas das 5h do dia 31 de dezembro até as 7h do dia 1º de janeiro.

Segundo o secretário municipal de Direitos Humanos e Segurança, Ruy França, o período vai contar com operações conjuntas entre a Guarda Municipal, Fiscalização de Posturas, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Capitania dos Portos. 

“Todas as ações foram previamente acordadas em conjunto com as demais instituições e vão contar com toda a estrutura do governo municipal. Teremos aumento de efetivo nas praias, ordenamento no trânsito e nas vias, fiscalização, ações para coibir atividades irregulares e outras iniciativas. Tanto a Prefeitura de Cabo Frio como o 25º Batalhão de Polícia Militar vão adotar um trabalho para proporcionar mais segurança neste período”, destaca Ruy França.

NOVA ESTRUTURA REÚNE FORÇAS DE SEGURANÇA

Para garantir mais segurança na Praia do Forte, foi inaugurado nesta semana o novo quiosque de apoio à Guarda Civil Municipal. Na cerimônia também foi apresentado à população o novo grupamento de praia da Guarda, que contará com 35 agentes. O foco deste grupamento é o ordenamento e a fiscalização nas orlas do município.

O quiosque de apoio vai funcionar de maneira integrada, com equipes da Guarda Municipal, Fiscalização de Posturas, Capitania dos Portos, Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros.

Nesta semana também foi formalizada a assinatura do Programa Estadual de Integração na Segurança (Proeis), que tem como objetivo contratar policiais militares em seus dias de folga para aumentar o efetivo disponível. Em relação ao policiamento, o 25º Batalhão da Polícia Militar informou ter recebido um aporte de mais 500 homens para esse período na Região dos Lagos, totalizando 750 policiais a serviço, sendo que cerca de 200 policiais vão atuar em Cabo Frio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui