InícioRegião dos LagosCabo FrioProva do Detran é cancelada sem aviso prévio e causa confusão em...

Prova do Detran é cancelada sem aviso prévio e causa confusão em Cabo Frio

Devido a falta da renovação de contrato com a empresa terceirizada Valid, além do município, o exame foi cancelado em vários municípios do estado nesta terça (1)

Quem tinha prova prática de motocicleta marcada na manhã desta terça-feira (1), pelo DETRAN, em Cabo Frio, ficou na mão. Devido à falta da renovação de contrato com a empresa terceirizada Valid, responsável pela coleta de biometria dos alunos, o exame foi cancelado, não apenas na cidade, mas em vários municípios do Rio de Janeiro, sem aviso prévio, causando revolta.

As provas são realizadas quinzenalmente nos postos definidos pelo DETRAN, entre 8 e 9h ou 10h e 11h. Em Cabo Frio, elas acontecem em um espaço localizado na Rua Luiz Feliciano Cardoso, no bairro Praia do Siqueira. O lugar é conhecido por ser isolado e pouco acesso.

Durante o primeiro horário, alunos e examinadores, incluindo donos de auto escolas, chegaram no local e aguardaram durante longo tempo. Em seguida, receberam a informação de que teriam que remarcar o teste prático por conta do cancelamento pela falta da biometria, causando surpresa em todos.

A revolta foi geral, principalmente levando em consideração que muitos alunos que estavam ali pagaram aulas extras para efetuarem o teste. “Nós perdemos tempo treinando e dinheiro, para chegar na hora e não acontecer o exame”, disse Carla, uma das pessoas que se sentiu lesada com a situação.

A maior reclamação de quem estava aguardando a realização do exame prático foi em relação à falta de comunicação entre o departamento e os alunos. “Vocês tinham que ter avisado antes! Não tem otário aqui não, nós somos trabalhadores”, reclamou um dos instrutores.

Em nota, o Detran informou que devido a uma questão contratual, a empresa terceirizada, responsável pela captura de digitais, interrompeu o serviço no início da manhã desta terça-feira (1), impossibilitando a realização dos serviços de habilitação, mas que o problema já foi resolvido e o atendimento normalizado.

Ainda segundo o departamento, o usuário que não pôde realizar o serviço integralmente deverá retornar à mesma unidade, em até cinco dias úteis, para finalizar o serviço. Não há necessidade de reagendamento.

Em relação às provas teóricas, no período da tarde, serão realizadas normalmente. Já as provas que não puderam ser realizadas na parte da manhã terão que ser remarcadas pela autoescola. “As provas práticas que não puderam ser realizadas serão remanejadas para uma nova data”, finalizou.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content