Procon de Búzios autua e interdita posto por aumento de combustível sem justificativa

Órgão recebeu denúncias que havia postos de combustíveis aumentando o valor ao longo da sexta-feira (1º), após governador anunciar a redução da alíquota de ICMS da gasolina

527

O Procon de Búzios, recebeu nesta sexta-feira (1º), inúmeras denúncias que havia postos de combustíveis aumentando o valor ao longo do dia, em alguns casos mais de R$ 1,00, após o governador do Estado, Cláudio Castro (PL), anunciar a redução da alíquota de ICMS da gasolina de 32% para 18% no Rio de Janeiro.

Essa redução deverá representar uma economia de R$1,19 por litro do combustível para o consumidor.

Mediante essas denúncias, a coordenadora do Procon de Búzios, Hanna Maia, iniciou uma fiscalização com sua equipe às 22h, solicitando a nota fiscal de todos os postos de combustíveis do município.

Com isso, um posto que já é reincidente foi autuado e interditado por 24h, por abuso de poder econômico, propaganda enganosa alegando ter o preço mais barato.

Segundo Hanna, é uma falta de respeito direta com o consumidor, vários clientes lesados com um aumento abusivo, sem justificativa. O certo é diminuir o preço do combustível.

“A partir de segunda-feira (4), vamos fiscalizar todos os postos de combustíveis do município para conferir a redução dos preços nas bombas”, disse Hanna.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui