Prefeitura flexibiliza uso de máscaras em Saquarema

Nova diretriz foi publicada em edição extra do Diário Oficial nesta quinta-feira (10)

230

A Prefeitura de Saquarema publicou um decreto nesta quinta-feira (10) que torna facultativa a utilização de máscaras de proteção facial no município, em locais abertos e fechados, inclusive nos meios de transporte coletivo e nas repartições públicas.

O uso do equipamento passa a ser recomendado para pessoas imunodeprimidas, com comorbidades de alto risco, não vacinadas e com sintoma de síndrome gripal.

Nos estabelecimentos de ensino público e privado, aos alunos que ainda não receberam as duas doses da vacina contra o coronavírus, e até 15 (quinze) dias após a administração da segunda dose da vacina, também é recomendada a utilização da proteção facial.

Pelo Decreto, deixam de valer as medidas restritivas com relação ao funcionamento e horários de abertura e fechamento dos estabelecimentos comerciais, industriais, de serviços e de eventos, bem como aquelas referentes à prática de esportes em ambientes públicos e privados.

Permanece, entretanto, obrigatória a apresentação de comprovante de vacinação, em dia, para ingresso e permanência em boates, danceterias, casas de shows, cinemas, teatros e circo, sendo recomendável a disponibilização de álcool em gel por parte dos estabelecimentos.

A decisão sobre a flexibilização das restrições pôde ser tomada por conta de parecer técnico-científico da Direção-Geral de Vigilância em Saúde, da secretaria de Saúde, que emitiu parecer técnico-científico no qual é informado o alcance de alto índice de imunização em todo o território municipal.

Até o dia 09 de março, 88,52% da população se encontrava imunizada com o esquema vacinal completo, com a 1ª e 2ª doses, e 43 % já haviam recebido a dose de reforço. Já a vacinação de crianças de 11 a 05 anos, que se encontra em andamento, apresentou, até aquela data, 66% de cobertura.

Além disso, desde o dia 25 de fevereiro não são registrados casos de coronavírus no município de Saquarema.

Mais informações e acesso ao Decreto nº 2.267, na íntegra, podem ser obtidas no Diário Oficial do Município.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui