População de Iguaba passa a ter atendimento oftalmológico especializado na região

Com o acordo, os pacientes podem ser atendidos no Hospital do Olho Lagos, em São Pedro da Aldeia. Alguns ainda serão atendidos em Niterói, devido às especialidades serem diferentes em cada unidade médica

491

A população de Iguaba Grande, que necessita de tratamento oftalmológico, começou a ser atendida no Hospital do Olho Lagos, em São Pedro da Aldeia. O novo convênio permitirá a realização de procedimentos que não são contemplados pelo hospital oftalmológico mais conhecido, na cidade de Niterói.

De acordo com a secretaria de Saúde, a unidade atenderá a cidade com 36 tipos de exames, entre eles correção cirúrgica de entrópio e ectrópio, tomografia de coerência óptica, ultrassonografia de globo ocular, biometria ultrassônica, topografia computadorizada de córnea, cirurgia de pterígio, mapeamento de retina, entre outros.

Porém, isso não quer dizer que o atendimento de pacientes em Niterói vai acabar. Mesmo não sendo possível a escolha, por parte do paciente, de qual cidade ou hospital deseja ser atendido, devido às especialidades serem diferentes em cada unidade médica, a Prefeitura de Iguaba manterá o transporte até lá.

“Estamos dando mais um passo para a evolução da área da saúde de Iguaba Grande. Esse novo convênio com mais uma instituição médica traz uma maior quantidade de exames e, assim, resolve o problema de uma demanda que estava suprimida aguardando atendimento, além de ser um hospital de altíssimo nível. Estou muito feliz com essa conquista”, comentou o prefeito, Vantoil Martins.

“Esse novo convênio vem para ampliar a demanda de especialidades médicas e de exames oftalmológicos para a nossa população. A demanda de atendimentos é muito grande e a variedade de exames é ainda maior. Tínhamos uma demanda que aguardava a muito tempo a realização de alguns exames que não eram feitos no convênio que temos com a unidade hospitalar em Niterói, agora essas pessoas poderão ter seus tratamentos com qualidade, tudo pelo Sistema Único de Saúde (SUS)”, reforçou o secretário de saúde, Valdecir Junior.

Nesta sexta-feira (18) foram realizados os primeiros atendimentos. Ao todo foram 25 pacientes acolhidos, entre primeiras consultas e realização de exames.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui