OPERAÇÃO CONTÁGIOS/ Combate às fraudes aos benefícios emergenciais tem alvo em Iguaba Grande

A ação faz parte da Estratégia Integrada de Atuação contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial - EIAFAE

743

Na manhã desta terça-feira (12), a Polícia Federal deflagrou a Operação Contágios em continuidade ao combate às fraudes aos benefícios emergenciais, pagos a parte da população, em razão da pandemia. Estima-se que a organização criminosa auferiu pelo menos R$ 6 milhões de reais em benefícios do auxílio emergencial fraudados.

Na ação de hoje, os policiais federais cumprem um mandado de busca e apreensão, expedido pela 6ª Vara Federal Criminal no Rio de Janeiro, além do cumprimento da determinação judicial de sequestro dos bens dos investigados. Um dos alvos tinha como endereço o município de Iguaba Grande.

Os trabalhos realizados resultam de uma união de esforços denominada Estratégia Integrada de Atuação contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial (EIAFAE), da qual participam a Polícia Federal, Ministério Público Federal, Ministério da Cidadania, CAIXA, Receita Federal, Controladoria-Geral da União e Tribunal de Contas da União.

Os objetivos da atuação interinstitucional são a identificação de fraudes massivas e a desarticulação de organizações criminosas, com a responsabilização de seus integrantes, além da recuperação aos cofres públicos dos valores pagos indevidamente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui