Morte de Pamela Carvalho causa comoção em Búzios

Secretária da Mulher e do Idoso da cidade, Daniele Martins, lamentou morte de Pamela, se comprometeu a cobrar respostas sobre o caso e explicou papel da Prefeitura nas buscas pela jovem

2949

A morte da jovem Pamela Carvalho, de 26 anos, em Armação dos Búzios causou comoção no município e em toda a Região dos Lagos neste fim de semana.

Mãe de duas crianças, Pamela desapareceu após sair do trabalho na Rua das Pedras, em Búzios, por volta das 20h30 de sexta-feira, 11 de março. O corpo dela foi encontrado na Lagoa da Ferradura, atrás da 127ª Delegacia de Polícia Civil de Búzios, neste sábado (19), após oito dias.

As redes sociais foram tomadas por moradores da península e de diversas cidades vizinhas manifestando seu pesar e condolências pela trágica morte de uma mulher, mãe, trabalhadora e tão jovem de uma maneira que deixou tantas perguntas sem respostas.

O Portal RC24h ouviu a secretária da Mulher e do Idoso de Armação dos Búzios, Daniele Martins, sobre o caso neste domingo.

Daniele lamentou a morte de Pamela e disse que, assim que tomou conhecimento do desaparecimento, passou acompanhar de perto o caso e cobrar respostas junto também ao Ministério Público para que a situação fosse resolvida o mais rápido possível.

A secretária disse que ainda tinha esperança de encontrar Pamela com vida, mesmo que fosse em um cativeiro, devido às condições do sumiço dela.

Martins relembrou que, embora o corpo estivesse atrás da sede da Polícia Civil do municipio, foi a Guarda Municipal que encontrou o corpo de Pamela.

Daniele também informou que a Prefeitura de Búzios forneceu material com registros de câmeras de segurança que mostravam Pamela andando sozinha pelas ruas do município após deixar o trabalho no dia de seu desaparecimento. A secretária mensurou o esforço feito pela Guarda no município nas buscas pela jovem.

Os próximos passos, segundo Daniele, serão no sentido de cobrar explicações sobre o caso, que está sendo conduzido sob sigilo para que não atrapalhem o andamento das investigações.

Também no sentido de pedir o respostas e solução para o caso, um grupo está marcando uma manifestação para o próximo fim de semana no Pórtico de Búzios. A data e o horário ainda não foram confirmados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui