InícioComportamentoMODARC24h / PAOLA SIMÕES: Possibilidades para quem quer trabalhar no Mundinho Fashion

MODARC24h / PAOLA SIMÕES: Possibilidades para quem quer trabalhar no Mundinho Fashion

É preciso estar ligado no que acontece no universo das artes, estar por dentro das novidades culturais e, ainda, conhecer sobre economia e as mudanças do mercado consumidor

Para quem sempre me pergunta sobre as possibilidades que um curso de moda promove… Não tem nada haver com estar por dentro das tendências e se vestir bem. É preciso também estar ligado no que acontece no universo das artes, estar por dentro das novidades culturais e, ainda, conhecer sobre economia e as mudanças do mercado consumidor. Até porque esses assuntos também são abordados em matérias distintas em um bom curso de moda.

A moda, como carreira, não em relação a se tornar blogueiro (a), em relação a se profissionalizar e trabalhar nessa engrenagem… É uma carreira em constante movimento, coisas além do glamour das capas da revista Vogue ou dos desfiles de Paris, Milão ou do eixo Rio-São Paulo (online ou presencial). 

Vou começar falando do Designer e Estilismo, que são as primeiras que vem a cabeça quando se pensa em trabalhar com moda. Aqui nessa categoria é gritaria e babado. Poderia listar vários estilistas que amo, mas gosto é uma coisa pessoal… O importante é saber que independente do estilo o designer fashion, ou estilista, é o responsável pelas obras de artes têxteis que desfilam por ai, sejam em tapetes vermelhos ou pelas ruas. 

Esse segmento é responsável por identificar o que está em alta no momento, desenhar coleções temáticas para a estação e acompanhar o processo de desenvolvimento dos produtos inteirinho.

Seu trabalho é dividido em diversos nichos, podendo ser com roupas, calçados, bolsas, joias, criação de estampas e de novos tecidos para tecelagem.

Geralmente você acaba até se surpreendendo por escolher algo totalmente diferente do que você realmente amava, assim que você ingressa no curso de moda, um leque de matérias é apresentado e seu mundo muda em períodos.

Para quem curte negócios, existe uma área fantástica chamada de Negócios da Moda… Permite que o profissional participe ativamente  dos negócios, desde a produção até a fabricação e comercialização dos produtos.

A maioria dos formandos em moda vislumbra um destaque como gerente de moda, para isso  é preciso ter conhecimentos atualizados sobre as últimas tendências do mercado para trazer inovações constantes e investir pesado em táticas de gestão e marketing diferenciadas para conquistar e fidelizar o público-alvo da marca. Eu costumo dizer que o gerente de moda é aquele cara que fica puxando o designer/estilista para o mundo real… Para mim é a área mais incrível…

O gerente de moda vai ser responsável pelo gerenciamento e posicionamento da marca; elaboração, desenvolvimento e planejamento da marca; gestão financeira e jurídica; identificação de oportunidade para novos produtos e serviços; estruturação de planos de negócios e administração de estratégias para a comercialização dos produtos desenvolvidos… Basicamente isso.

Importante saber que o gerente de moda e o comprador são carreiras diferentes. A função de comprador é muito disputada, mesmo sendo uma carreira ultra desafiadora.

Não é só o bom gosto para escolher a matérias-primas correta. A escolha de bons fornecedores, negociação de valores e prazos de entrega é o que vai nomear como excelente profissional. Outra função que deve ser exercida com louvor é o acompanhamento das entregas e conferência dos pedidos. 

A criatividade aqui é posta em pratica devido às rápidas mudanças do mercado e a concorrência cada vez mais acirrada entre as empresas. É um profissional que precisa ser atualizado constantemente, não que os outros também não necessitem, mas aqui é num piscar de olhos… Pesquisar muito e acompanhar com frequência a demanda dos consumidores para que a marca não caia no ostracismo…

Outra possibilidade do profissional de moda é a carreira de  visual merchandiser, função que tenho exercido já há oito anos. O foco principal deste profissional é sempre o ponto de venda, e o seu objetivo são as estratégias que aperfeiçoem cada vez mais a experiência do consumidor dentro da loja.

A finalidade é encontrar formas criativas de deixar as vitrines mais atrativas aos olhos do seu público, escolher bons lugares para expor os produtos. O produto precisa chamar a atenção do comprador e estar  acessíveis. A composição da loja precisa estar de acordo com o perfil da marca ou o tema da coleção escolhido para o período/estação.

O produtor de moda, o responsável pela organização de desfiles, campanhas publicitárias, editoriais e tudo que seja referente às ações para lançamento de coleções. O profissional por trás do sucesso ou fracasso do evento de moda.

Umas das enumeras funções estão: a seleção, contratação e coordenação de modelos, figurinistas, maquiadores, cabeleireiros, fotógrafos e todos os demais profissionais da equipe responsável por fazer o evento acontecer. 

Para os amantes de fotografia, unir o útil ao agradável… entender  de moda e ainda possuir  conhecimentos técnicos de fotografia. O senso estético, sensibilidade e  olhar aguçado é primordial para captar os melhores momentos, cenários e ângulos que vão evidenciar o produto.

E nessa era digital, para atingir o resultado esperado, o fotógrafo também precisa saber usar softwares de edição de imagens.

O fotográfico trabalha o produto final, ele é a peça chave que dará destaque ao produto em revistas, redes sociais e catálogos. Participa da engrenagem de produção, direção de modelos. Em sintonia com toda a equipe de figurinistas, maquiadores e cabeleireiros.

Para quem se satisfaz cuidando diretamente da imagem pessoal dos outros, temos os personal stylists e personal shoppers. São especialistas em estudar minuciosamente o perfil de seus clientes, através das características físicas e de personalidade para ajudá-los a definir seu próprio estilo. Ter exclusividade em seus looks.

O objetivo desse profissional é dar dicas valiosas para que esses clientes saibam combinar corretamente roupas, acessórios, cores e modelos, escolher o corte de cabelo que combine com  seu estilo, usar a maquiagem certa para cada ocasião. Saber utilizar as peças do guarda-roupa com estilo e criatividade. 

Para turma que preferem um ambiente acadêmico, tem a veia que pulsa no compartilhamento…  existem diversas  oportunidades em cursos técnicos, de extensão, graduação e pós-graduação em diversas áreas da moda… inclusive com oportunidade de ir para o exterior.

Você pode trabalhar como professor  diretor/coordenador do curso, caso tenha experiência suficiente para isso… tudo é empenho.

Alias o mundo da moda é literalmente para profissionais que se dedicam, vestem a camisa, entram de cabeça… como exige dedicação e tempo acaba se tornando um life style…O segredo aqui é atualização, disposição e dedicação. Para uma carreira que pode te fazer conhecer o mundo, falar vários idiomas e estar sempre cercado de pessoas interessantes… é fácil!

Escolha um bom curso e se joga!

*Paola Simões atua no mercado da moda há 17 anos. Atualmente exerce a função de Visual Merchandising para algumas lojas da Região.

Formada em Designer pela Universidade Anhembi Morumbi (SP), História da Arte pela Bircham International University e Figurino e Indumentária na instituição Senai Cetiqt (RJ).

Contatos: (22) 98851-7570 / paolasimoesmd@gmail.com / @eupaolasimoes (Instagram) Facebook/Paola Simões  / @eupaolasimoes (Snapchat)

**Todas as informações contidas neste texto são de inteira responsabilidade da colunista.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content