InícioDestaqueMaio Amarelo: DER-RJ realiza blitz educativa na RJ-140, na Região dos Lagos

Maio Amarelo: DER-RJ realiza blitz educativa na RJ-140, na Região dos Lagos

Rodovia é a quarta no estado em número de acidentes. Ação, em parceria com a Polícia Rodoviária, visa conscientizar motoristas para a redução de acidentes de trânsito

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RJ) realizou na manhã desta quarta-feira (29) uma blitz educativa para marcar o encerramento da campanha internacional do Maio Amarelo, na RJ-140, na Região dos Lagos, onde cerca de 58.500 veículos devem passar neste feriado prolongado de Corpus Christi. De acordo com dados da Polícia Militar, a rodovia é a quarta no estado em número de acidentes.

Durante a operação, realizada com apoio do Comando da Polícia Rodoviária (CPRv), os motoristas participaram de simulações com óculos de realidade virtual que mostram o que acontece ao dirigir sob os efeitos do álcool e do sono, além de teste de conhecimento sobre a legislação de trânsito, com placas de sinalização. distribuição de material educativo e brindes, como chaveiros e lixeiras para carros.

O presidente do DER, Pedro Ramos, chamou atenção para a necessidade de promover ações de conscientização para a redução de acidentes nas estradas.

“A maioria dos acidentes nas rodovias estaduais tem como causa a imprudência de motoristas. A ultrapassagem em local proibido e o excesso de velocidade são as principais infrações. É preciso que os motoristas tenham consciência de que a paz no trânsito é uma escolha, como diz o lema da campanha Maio Amarelo deste ano”, diz Ramos.

O vice-presidente do DER, Gladstone Felippo, que coordena as ações educativas, ressalta que a blitz não terá intenção punitiva. Ele destacou que o objetivo é informar as pessoas das consequências da irresponsabilidade dos motoristas nas estradas.

“Nosso objetivo é conscientizar as pessoas de que práticas simples, como colocar o cinto de segurança, que é obrigatório por lei, pode salvar vidas. É importante respeitar os próprios limites antes de pegar o volante. Se não estiver em boas condições para dirigir, não se arrisque. Os simuladores que usamos nas atividades interativas durante as ações, por exemplo, mostram como a visão e coordenação motora ficam prejudicadas e impossibilitam os motoristas de prestarem atenção e tomarem decisões rápidas”, afirmou.

Motoristas que participaram da ação destacaram a importância de blitzes educativas para a redução de acidentes nas estradas. O servidor público, José Luiz Albuquerque, passou pelos cones colocados na tenda do DER após usar os óculos simuladores.

“Essa é uma ação que reforça as coisas que a gente deveria saber. Às vezes as pessoas dirigem sem responsabilidade, então esses simuladores ajudam a a gente perceber o quão perigoso é dirigir sob efeito de álcool ou com sono”, reforça o motorista.

O comerciante Felipe Silva Stoque está viajando para outro estado e elogiou a ação conjunta do DER e PM: “a experiência é muito educativa. Eu perdi totalmente os reflexos e me senti inseguro ao usar os óculos simuladores. É irresponsabilidade dirigir sem estar em condições. Colocamos a nossa e a vida dos outros em risco”.

Mais de 800 acidentes nas rodovias estaduais em quatro meses

Em 2023, foram registrados quase 5 mil acidentes nas rodovias estaduais fluminenses. Do total, 4.617 pessoas ficaram feridas e 234 morreram. Somente nos primeiros quatro meses deste ano, foram 830 acidentes, com 792 feridos e 38 mortos.

Educação no trânsito e solidariedade às vítimas das enchentes no RS

Durante a ação, as equipes do DER e da Polícia Rodoviária montaram um ponto de coleta de donativos para as vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul. As doações entregues no posto do CPRv, onde foi realizada a blitz educativa, serão encaminhadas para o RioSolidário, que vai enviar os itens para o estado do Sul. Os itens essenciais, neste momento, são alimentos não perecíveis, garrafas de água, produtos de higiene pessoal, fraldas, material de limpeza, ração de animais, roupas e cobertores.

MTb 0022570/MG | Coordenadora de Reportagem | Site do(a) autor(a)

Pós-graduada em Jornalismo Investigativo pela Universidade Anhembi Morumbi; e graduada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Universidade Veiga de Almeida.

Atuou como produtora/repórter na Lagos TV, Coordenadora de Programação na InterTV - Afiliada da Rede Globo, apresentadora na Rádio Costa do Sol FM e editora no Blog Cutback. É repórter no Portal RC24h desde 2016 e coordenadora de reportagem desde 2023, além de ser repórter colaboradora no jornal O Dia/Meia Hora. Também é criadora de conteúdo para a Web 3.0 na Hive.

Vencedora do 3º Prêmio Prolagos de Jornalismo Ambiental, na categoria web.

- Advertisement -
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Mais Lidas

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -
- Advertisement -spot_img
Pular para o conteúdo