Investimentos em saneamento básico levam mais saúde para moradores da Região dos Lagos

No bairro Monte Alegre, em Cabo Frio, moradores comemoram a chegada da rede de distribuição de água

147

O acesso ao saneamento básico proporciona melhor infraestrutura para as cidades, geração de emprego e renda, saúde e qualidade de vida para a população. Para colaborar ainda mais com o desenvolvimento dos municípios onde atua, a Prolagos está implantando 6 km de extensão de rede de distribuição de água para o bairro Monte Alegre, em Cabo Frio. Com a ação, 20 ruas serão contempladas, abastecendo cerca de 170 famílias, como a do Thiago José Rodrigues, morador da localidade desde 2001. “É um alívio ter rede de água na nossa rua. Antes era muito sacrificante. Alguns moradores precisavam comprar caminhão pipa, já outros, enchiam galões de água na casa dos parentes que moram em outros bairros”, pontua o morador.

A ampliação da rede de abastecimento faz parte do Programa de Melhoria Contínua da Prolagos, que tem foco em levar mais saneamento para a população por meio de obras de extensão de rede de água e de coleta de esgoto, melhorias nas estações de tratamento e implantação de novas unidades de bombeamento (boosters). Ao longo de 2022, a previsão é de implantação de mais de 77 km de extensão de rede de distribuição em Arraial do Cabo, Armação dos Búzios, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia, levando água de qualidade para mais de 8 mil pessoas. Todas essas obras são custeadas pela tarifa de água paga pelos usuários. “Para mim, é um sonho ter água encanada. Ficarei satisfeita em pagar a fatura para ter água na minha torneira sempre que precisar”, ressalta a moradora do Monte Alegre, Ana Cristina dos Santos.

Os investimentos feitos pela Prolagos não param por aí. Nos próximos cinco anos, a concessionária irá investir aproximadamente R$ 1 bilhão em obras de saneamento básico, resultando no aumento da capacidade de produção de água tratada, construção de 22 mil metros de adutora (tubulação de grande porte para transportar água), implantação de aproximadamente 25 mil metros de rede de água, que irão beneficiar em média, 100 mil pessoas.

Além disso, uma das principais demandas da população será atendida, com a implantação de rede separativa de esgoto, ampliando o sistema de esgotamento sanitário com implantação e atendendo, neste modelo, 50% da população na primeira fase do projeto. Para otimizar os investimentos foram consideradas as áreas que tenham estações de tratamento e estações elevatórias (unidades de pressurização de esgoto) já instaladas. As novas redes serão implantadas conforme plano de investimentos aprovado pelas prefeituras dos municípios. ““Como operadores do saneamento, nossa missão é desenvolver projetos de expansão dos serviços de água e esgoto de acordo com as necessidades de cada cidade, contribuindo para a proteção do meio ambiente, valorização do turismo, geração de emprego e renda, além de garantir o principal: saúde para os moradores”, relata Pedro Freitas, diretor-presidente da Prolagos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui