InícioDiversãoCarnavalIguaba Grande cancela Carnaval de rua

Iguaba Grande cancela Carnaval de rua

De acordo com o prefeito, procura por atendimentos na tenda da COVID-19 "explodiu" na cidade

O prefeito de Iguaba Grande, Vantoil Martins (CID), anunciou, nesta segunda-feira (10), o cancelamento do Carnaval de rua. Durante live feita na página pessoal de Vantoil e da Prefeitura de Iguaba Grande no Facebook, o prefeito explicou detalhes da decisão.

“Diferente de eventos de menor proporção, que é possível realizar um controle maior do uso de máscaras de proteção, álcool 70 e distanciamento social, no carnaval esse controle não seria possível. São pessoas na rua se aglomerando, fazendo o uso de bebidas alcoólicas, pessoas muito próximas, dificilmente iríamos conseguir fazer o controle indicado pela Organização Mundial de Saúde”, disse Vantoil.

Mais cedo, ao Portal RC24h, o prefeito informou que o número de atendimentos na tenda da Covid-19 “explodiu”, com pessoas procurando teste e apresentando sintomas.

“Nos estamos preocupados com o grande aumento de procura no atendimento da nossa Unidade de Pronto Atendimento (UPA). De novembro para dezembro, tivemos quase 200% de aumento. Em 10 dias de janeiro, já houve um novo aumento em relação a dezembro”, pontuou o secretário de Saúde, Valdeci Junior.

“Nossa equipe epidemiológica ficou muito preocupada com esses aumentos consecutivos. Realizamos estudos e apontamentos, seguindo sempre as determinações dos órgãos de saúde, e assim viemos com a orientação ao executivo para o cancelamento do carnaval”, finalizou o secretário.

Antes da Pandemia, em 2020, Iguaba fez um Carnaval memorável na Praça da Estação. Inclusive, trouxe a bateria da Estação Primeira de Mangueira para se apresentar.

A cidade tem certa tradição em blocos de rua, que contam com subsídios do município.

“Esse é o segundo ano em que a cidade não realiza a tradicional festa popular. Teremos outras oportunidades de realizar os festejos. Buscar o equilíbrio entre as comemorações e a saúde da nossa população. Nossa cidade já recebeu um aumento no número de visitantes. Vamos nos cuidar e nos proteger”, comentou a secretária de Turismo, Esporte e Lazer, Carla Valle.

A preocupação da Prefeitura com os índices de contágio da Covid-19 e da influenza vem em um momento pós-festas de fim de ano, em que dados preocupantes do avanço da variante Ômicron tem sido registrados em todo o país.

A decisão iguabense segue a de outros municípios da região, como Araruama, Saquarema e Maricá.

Luiz Felipe Rodrigues
Estudante de Jornalismo pela Universidade Veiga de Almeida. Atuou como estagiário do G1 na InterTV, afiliada da Rede Globo. Desde junho de 2020, escreve para o Portal RC24h.
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content