InícioCabo FrioFECHADO HÁ 5 ANOS/ Termo de cooperação vai permitir a reabertura do...

FECHADO HÁ 5 ANOS/ Termo de cooperação vai permitir a reabertura do IML de Cabo Frio

Assinatura do documento aconteceu nesta sexta-feira (21), no Palácio das Laranjeiras. Governador já autorizou abertura de concurso para a contratação de 25 peritos legistas que irão atuar na região

Após cinco anos fechado, em breve o Instituto Médico Legal de Cabo Frio (IML) será reaberto. Como publicado no Portal RC24h, na coluna Boca Miúda desta sexta-feira (21), um termo de cooperação técnica assinado entre o governador Cláudio Castro (PSC) e os secretários de Ciência, Tecnologia e Inovação, Dr. Serginho, e de Polícia Civil, delegado Allan Turnowski sacramentou o acordo para a reabertura do órgão. A Secti, através da Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj), vai financiar a reforma.

O governador Cláudio Castro ressaltou a importância de investir em infraestrutura para combater o crime com inteligência.

“Não tenho dúvida que é reestruturando nossa capacidade de investigação e elucidação que vamos fazer uma política pública. Queremos uma polícia que tenha capacidade de investigação”.

Para o secretário Dr. Serginho, a integração entre as secretarias é fundamental para levar os serviços que a população precisa. “A Região dos Lagos fica muito feliz com a reabertura do IML de Cabo Frio. Isso porque os moradores de Cabo Frio, atualmente, precisam se deslocar para o IML de São Gonçalo para resolver os trâmites antes de poder enterrar o familiar”.

O secretário de Polícia Civil, Allan Turnowski, revelou que o governador já autorizou a abertura de concurso para a contratação de 25 peritos legistas para atuarem na região. “O secretário disponibilizou, via Faperj, não só a reforma mas uma estrutura de ensino dentro da IML. O governador autorizou o concurso para perito legista e, a partir daí, conseguimos reformular outros IMLs da região para reabertura e facilidade da vida do cidadão”.

O presidente da Faperj, Jerson Lima da Silva, ressaltou o protagonismo dos investimentos em pesquisa no estado.

“O estado do Rio de Janeiro, por milhão de habitante, é o que mais investe em ciência, tecnologia e inovação. Temos o compromisso de usar o recurso e fazer com ele chegue à sociedade”, disse.

DEPUTADO DE SILVA JARDIM JÁ HAVIA FORMALIZADO PEDIDO

Lembrando que no último dia 14, divulgamos aqui no Portal que a Polícia Civil informou o avanço das tratativas de reabertura do IML cabo-friense, depois que o deputado Anderson Alexandre (SDD) formalizou o pedido ao governador Cláudio Castro. Anderson é ex-prefeito de Silva Jardim, que, apesar de não estar geograficamente próxima de Cabo Frio, certamente também será beneficiada com a abertura de mais um IML, uma vez que, atualmente, as demandas de toda essa região são levadas para São Gonçalo ou Macaé.

“É incompreensível que um município com o porte de Cabo Frio esteja tanto tempo com o IML desativado. A viagem para outras cidades para a liberação de corpos prolonga o sofrimento de quem perde um familiar ou amigo, além de prejuízo e transtornos. Agradeço ao governador Cláudio Castro e aos secretários Alan Turnowski e Bruno Kazuhiro pela sensibilidade em priorizar a reabertura do IML”, afirmou.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content