InícioDestaqueFachin determina que RJ apresente cronograma para câmeras em fardas policiais

Fachin determina que RJ apresente cronograma para câmeras em fardas policiais

Instalação de câmeras será em fardas e viaturas de agentes de segurança integrantes de unidades especiais, e também dos batalhões com maiores índices de letalidade policial no estado

Em decisão desta segunda-feira (19), o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), deu cinco dias para que o Governo do Rio de Janeiro apresente um cronograma para instalação de câmeras nas fardas e viaturas de agentes de segurança integrantes de unidades especiais e também dos batalhões com maiores índices de letalidade policial no estado.

Fachin aponta que os equipamentos devem captar tanto áudio quanto vídeo. O ministro também indica que o cronograma precisa ser cumprido “da forma mais expedita possível” e inclusive com o remanejamento de equipamentos já instalados em batalhões com menor índice de óbitos, se for necessário.

O Estado tem cinco dias corridos, contados mesmo durante o recesso judicial, para responder. A instalação de câmeras em fardas e viaturas policiais no Rio começou em maio, mas somente em algumas unidades.

Em nota, o Governo do Rio informou que recebeu a notificação do Supremo Tribunal Federal e prestará os esclarecimentos dentro do prazo determinado pelo STF. “Em relação às câmeras operacionais portáteis, já estão em funcionamento na Polícia Militar cerca de 9 mil bodycam, adquiridas pelo governo do estado na maior licitação desse tipo de equipamento já feita no País”, divulgou.

No despacho desta segunda-feira, Fachin também determinou que o Conselho Nacional de Justiça avalie o plano de redução da letalidade policial apresentado pelo Estado e encaminhe um parecer ao STF em 30 dias.

Na última semana, após ser questionado pelo Supremo, o governo apresentou uma nova redação do texto e aponta que acrescentou sugestões vindas da sociedade civil e entidades, após a realização de uma audiência e uma consulta públicas realizadas por determinação judicial.

O terceiro pedido feito por Fachin é que o Governo do Rio de Janeiro ainda apresente um maior detalhamento de metas e indicadores usados para planejar a redução de óbitos durante a ação das polícias.

*Com informações da CNN.

Coordenadora de Reportagem na Portal RC24h | Site do(a) autor(a)

Pós-graduada em Jornalismo Investigativo pela Universidade Anhembi Morumbi; e graduada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Universidade Veiga de Almeida.

Atuou como produtora/repórter na Lagos TV, Coordenadora de Programação na InterTV - Afiliada da Rede Globo, apresentadora na Rádio Costa do Sol FM e editora no Blog Cutback. É repórter no Portal RC24h desde 2016 e coordenadora de reportagem desde 2023, além de ser repórter colaboradora no jornal O Dia/Meia Hora.

Vencedora do 3º Prêmio Prolagos de Jornalismo Ambiental, na categoria web.

- Advertisement -
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Mais Lidas

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img
Pular para o conteúdo