‘Dia de Darwin’ é celebrado na Fazenda Campos Novos, em Cabo Frio

Atividades em comemoração ao aniversário de Charles Darwin acontecem neste sábado (12), em parceria da Prefeitura com a Uenf

477

Comemorando o aniversário de Charles Darwin e os 190 anos da visita do naturalista britânico em Cabo Frio, a Prefeitura está realizando neste sábado (12), data de nascimento do famoso cientista, na Fazenda Campos Novos, em Tamoios, o “Dia de Darwin”, em uma série de ações em conjunto com a Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (Uenf).

A programação começou pela manhã, no Parque de Exposições de Tamoios, com a já tradicional Feira do Produtor Rural. A programação conta artesanato, passeio de pônei e música ao vivo, entre outras atividades. Assim como fez Darwin em sua passagem por Cabo Frio, os visitantes também poderão degustar a famosa gastronomia rural do distrito.

Na ocasião, aconteceu a assinatura do termo de cessão de uso da sede da Fazenda Campos Novos para a Uenf, e dos planos de trabalho com a Escola Agrícola Municipal Nilo Batista e a Escola Municipal Prof. Edilson Duarte. As atividades vão contar com a presença do prefeito José Bonifácio e do reitor da Uenf, Raul Palacio. A cerimônia será realizada na Capela de Santo Inácio.

Também teve início a Expo Ciência, que destaca as contribuições de Darwin e levar as coleções biológicas da Uenf ao conhecimento do público em geral. No local haverá estandes com os acervos da Universidade. Atualmente existem 13 do tipo, classificadas em botânicas, zoológicas e microbiológicas.

Ainda no evento, tem Feira de Troca de Sementes e Saberes, com a participação de produtores rurais de outras cidades do Estado do Rio e apresentação de Thâmara Figueiredo, da Uenf. Na ocasião também será realizada uma oficina com agricultores e quilombolas.

Na parte da tarde, às 14h, na Capela de Santo Inácio, terá o lançamento do livro “O Brasil de Darwin – As contribuições do Brasil para a Teoria da Evolução”, do professor Luiz Mors Cabral, da UFF.

CHARLES DARWIN NO BRASIL

Charles Robert Darwin nasceu no dia 12 de fevereiro de 1809, na Inglaterra. Ele foi um naturalista, geólogo e biólogo britânico, célebre por seus avanços sobre evolução nas ciências biológicas. Darwin ficou conhecido por sua obra “A Origem das Espécies”, que contribuiu para o entendimento da evolução e, atualmente, é considerado um dos livros acadêmicos de maior influência na história.

A passagem dele pelo Brasil foi muito importante para a Teoria da Evolução das Espécies. Foi em solo brasileiro que ele se deparou pela primeira vez com a diversidade da floresta tropical e também se chocou com a escravidão, reforçando suas convicções abolicionistas de que todos os seres humanos compartilham a mesma linhagem sanguínea em razão da ancestralidade comum.

Foi em 1832, há 190 anos, que a Fazenda Campos Novos, em Cabo Frio, recebeu a visita e teve a honra de hospedar Charles Darwin, durante sua viagem em excursão pelo interior do Rio, de 8 a 24 de abril daquele ano. Em 10 de abril ele registrou em seu diário elogios à comida, ao clima e colheu mostras de minérios no solo fértil da fazenda cabo-friense.

“Em Campos Novos, comemos suntuosamente com arroz, frango, biscoito, vinho e aguardente no almoço, café à noite e café com peixe para o desjejum. […] Foi uma noite muito fresca e agradável. O termômetro na grama marcava 74ºF (23ºC). Saí para coleta e encontrei algumas conchas de água doce”, escreveu na época.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui