Crimes contra a flora são identificados em Saquarema após denúncia

Ação aconteceu nesta quarta-feira (16), no bairro Guarani

290

Policiais militares ambientais, através de informações repassadas pelo programa Linha Verde, do Disque Denúncia, identificaram nesta quarta-feira (16) a degradação ambiental de uma área com 3 mil metros quadrados em Saquarema, devido à crimes cometidos contra a flora.

Munidos com as informações, os agentes lotados na 6ª UPAm estiveram na Rua Guandu, bairro Guarani, onde observaram uma área de terras com diversos cortes seletivos de árvores com características nativas do bioma mata atlântica. O local integra a zona de amortecimento da APA Massambaba, mas não havia nenhuma placa informativa de autorização ou licença ambiental autorizando a atividade ali executada e os responsáveis não foram encontrados.

Durante diligências, os agentes obtiveram a informação de que o proprietário do local vinha desmatando e parcelando os terrenos para venda. Diante dos fatos, a equipe da UPAm se dirigiu à 124ª DP onde após perícia no local, a ocorrência foi registrada.

O Linha Verde reforça a solicitação para que a população continue denunciando crimes ambientais em todo o Estado do Rio através dos telefones 0300 253 1177 (custo de ligação local) e (21) 2253 1177, além do APP “Disque Denúncia RJ” disponível para celulares. Por essa modalidade, o denunciante pode enviar fotos e vídeos, com a garantia do anonimato. É possível denunciar também através da página do Linha Verde no facebook, www.facebook.com/linhaverdedd ou ainda pelo site do Disque Denúncia (www.disquedenuncia.org.br). Lembrando que em todos os canais, o anonimato é garantido ao denunciante.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui