Cavalos-Marinhos são flagrados na lagoa de Araruama, em Figueira, distrito de Arraial do Cabo

Nesta quarta-feira (29), a Prefeitura de Arraial do Cabo fixou placas informativas sobre o Projeto Cavalos-Marinhos no local

1240

Cavalos-Marinhos foram novamente flagrados na Lagoa de Araruama, desta vez, no trecho que fica em Figueira, distrito de Arraial do Cabo. Depois de anos desaparecendo por conta da poluição, a espécie voltou a residir na laguna, chamando a atenção de especialistas e pesquisadores, que o Projeto Cavalos-Marinhos, do Rio de Janeiro, passou a monitorar e catalogar os animais.

O cavalo-marinho é um peixe ósseo encontrado nos recifes de regiões tropicais e subtropicais de todo o planeta, normalmente em águas rasas e despoluídas, sempre causa grande comoção nas pessoas quando avistado. Vale lembrar que, por ser muito sensível, ele não deve ser tocado e nem colocado em nenhum recipiente.

Prefeitura instala placas

A Prefeitura de Arraial do Cabo fixou hoje (29), às margens da laguna de Araruama – na extensão de Figueira – placas informativas sobre o Projeto Cavalos-Marinhos. A ação, realizada por meio da Secretaria do Ambiente e Saneamento em parceria com o projeto, visa informar moradores e visitantes sobre a importância da preservação da espécie.

O Projeto Cavalos-Marinhos já existe há 20 anos, mas monitora a Laguna desde maio do ano passado, quando começaram os relatos de avistamentos de cavalos-marinhos na Região dos Lagos. Além disso, também estuda as alterações na salinidade em alguns pontos da laguna e acompanha as mudanças que tornaram o lugar, um espaço tão hospitaleiro à estes peixes.

O que fazer quando avistar um cavalo-marinho?

Não tire da água, contemple. São animais muito sensíveis e podem abortar seus filhotes.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui