InícioDestaqueCASO MARILZA/ Laudo do IML aponta que idosa foi assassinada

CASO MARILZA/ Laudo do IML aponta que idosa foi assassinada

Marilza Marins, de 79 anos, foi vítima de asfixia por esganadura após fazer compras em Bacaxá

O laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou que Marilza Marins, de 79 anos, encontrada morta no último domingo (13), em Saquarema, foi assassinada. A idosa estava desaparecida desde a quarta-feira anterior (9), quando saiu para fazer compras na localidade de Bacaxá. 

Segundo o laudo inicial do IML, Marilza foi morta por asfixia causada por esganadura. Um estudo detalhado da perícia será entregue à delegacia de Saquarema, onde o caso foi registrado. A família agora aguarda os esclarecimentos das autoridades policiais para saber as circunstâncias da morte, bem como os culpados e a motivação dos crimes. 

Antes mesmo de encontrarem o corpo da idosa, em um matagal no bairro Rio de Areia, parentes já questionavam a polícia pela falta de informações durante o período em que procurava notícias. De acordo com a familia, todos os avanços obtidos foram conseguidos por meios próprios, inclusive imagens do mercado onde a idosa esteve. Com a morte de Marilza, a busca agora é por respostas. A página do Instagram (@marilzadesaparecida) criada para buscar pistas continua ativa, agora para cobrar uma solução.  

 Neste momento, precisamos entender o que de fato aconteceu. Independente de qualquer coisa, há um crime que precisa ser investigado e os criminosos presos. Outras Marilzas poderão desaparecer e morrer. Queremos entender como ela foi parar nesta propriedade particular fechada, com sem roupas, sem documentos pessoais, cartões e dinheiro, morta. Precisamos deter quem fez isso desabafa Tatiane Sandes, sobrinha da vítima.

Em nota, a Polícia Civil disse que tão logo o desaparecimento foi comunicado pela família, o protocolo investigativo foi implementado pela 124ª DP (Saquarema). Diligências foram realizadas a fim de localizar a idosa. A unidade aguarda o laudo da necropsia e a investigação está em andamento para elucidar o caso.

* Com informações da Folha dos Lagos

Graduada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Universidade Veiga de Almeida.

Já atuou como apresentadora na Jovem TV Notícias, em 2021. Escreve pelo Portal RC24h há três anos e atua, desde julho de 2022, como repórter do Jornal Razão, de Santa Catarina.

É autora publicada, com duas obras de romance e mais de 500 mil acessos nas plataformas digitais.

- Advertisement -
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Mais Lidas

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -
- Advertisement -spot_img
Pular para o conteúdo