InícioRegião dos LagosCabo FrioCaravelas-portuguesas assustam banhistas no Peró, em Cabo Frio, neste domingo (21)

Caravelas-portuguesas assustam banhistas no Peró, em Cabo Frio, neste domingo (21)

Uma delas estava na areia e foi clicada por um banhista que fazia caminhada, perto da água

A aparição de caravelas-portuguesas (Physalia physalis) na Praia do Peró, em Cabo Frio, assustou moradores e turistas que curtiam o sol no final da manhã deste domingo (21). Teve turista que chegou a contar cinco delas naquela área, somente neste fim de semana. Uma delas estava na areia e foi clicada por um banhista que fazia caminhada, perto da água.

Para quem não sabe, o contato com a caravela-portuguesa é altamente perigoso. Ela oferece grande risco, pois pode causar queimaduras de até 3º grau, devido aos seus tentáculos, que liberam uma substância extremamente urticante. A queimadura pode até causar uma parada cardiorrespiratória, levando a pessoa a morte, principalmente em crianças.

Situação semelhante aconteceu na Praia de Geribá, em Búzios, fazendo até a Prefeitura emitir alerta de perigo.

Segundo especialistas, as pessoas devem manter a distância caso observem um animal como este. Quem tiver contato involuntário com uma, no mar ou na areia, não deve coçar ou esfregar o local, para não espalhar o veneno. Outro agravante é que o animal uma toxina paralisante, que continua ativa mesmo fora d’água. O ideal é procurar socorro médico imediatamente, pois como algumas pessoas são alérgicas às toxinas, podem sofrer um choque anafilático.

O nome caravela-portuguesa deve-se à semelhança dos cnidários e as caravelas utilizadas como navios de guerra. São uma colônia de organismos geneticamente diferentes e altamente especializados que aparentam ser uma única criatura.

*Imagem: Igor Santos Souto

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content