Início Cabo Frio Cabo Frio prepara o Hospital de Tamoios para receber casos de Covid-19

Cabo Frio prepara o Hospital de Tamoios para receber casos de Covid-19

Adequações já estão sendo feitas para abrir o andar térreo

A Prefeitura de Cabo Frio deu início a diversas melhorias no andar térreo do Hospital Municipal de Tamoios. O objetivo é fazer as adequações necessárias para que seja feita a reabertura do espaço, que será dividido com alvenaria para separar pacientes de Covid-19 daqueles das alas de pediatria e clínica médica.

“Precisamos ampliar o atendimento à Covid-19 em Tamoios, assim como de pediatria e clínica médica. As melhorias estão sendo realizadas dentro do que seja legal e seguro para a reabertura”, explicou o secretário de Saúde, Felipe Fernandes.

No térreo, a primeira recepção será para os atendimentos de Covid-19, que terão 20 leitos disponíveis. Já a segunda recepção servirá para atendimentos de Raio-X, consultas, sala de medicação, além de atendimento de emergência tanto da pediatria quanto da clínica médica.

“Esse é um momento muito importante para os moradores de Tamoios porque a reabertura do hospital é um anseio antigo da população do nosso distrito. Então, a decisão do prefeito José Bonifácio de fazer as melhorias necessárias na unidade, nesse momento de pandemia e de fragilidade da população, além de extremamente importante, é muito significativa para os moradores de Tamoios”, afirmou o secretário-adjunto de Obras e Serviços Públicos em Tamoios, Alan Nascimento.

VISTORIA APONTOU PRINCIPAIS MELHORIAS A SEREM REALIZADAS

No final de fevereiro, uma equipe de profissionais da Prefeitura, incluindo engenheiros da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos e a direção do Hospital de Tamoios, realizou vistoria no local, e o laudo técnico apontou quais reparos básicos seriam necessários para a reabertura.

Entre as ações apontadas estão a remoção do chafariz e da grama sintética, proibidos por lei por promover a proliferação de fungos e de mosquitos; melhorias na cozinha; realocação de portas e janelas para melhor aproveitamento da funcionalidade dos espaços; reparos na alvenaria de todo o andar térreo.

Na sala de isolamento uma parede será erguida para separar a área do paciente da parte de preparação dos profissionais, além de troca de pias. Na parte elétrica serão feitos reparos na instalação de tomadas, ligação da energia que vem da rua para a unidade e mudança da fiação que chega até aos disjuntores, além da troca do transformador de 30 Kva de potência para um com capacidade de 150 Kva.

Letycia Rocha
Graduada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Universidade Veiga de Almeida. Atuou como produtora/repórter na Lagos TV e Coordenadora de Programação na InterTV - Afiliada da Rede Globo. Colabora no jornal O Dia e Blog Cutback.
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -

Mais Lidas

Skip to content