InícioRegião dos LagosCabo FrioBradesco restringe atendimento e sobrecarrega agência do Centro de Cabo Frio

Bradesco restringe atendimento e sobrecarrega agência do Centro de Cabo Frio

Quem precisou de atendimento no Bradesco em Cabo Frio nesta quinta-feira (25), precisou ter paciência. O banco restringiu o atendimento nos guichês de caixa em algumas unidades e os clientes tiveram que se deslocar até a agência do centro da cidade para resolver suas pendências bancárias, o que gerou demora no atendimento e longas filas.

A denúncia foi feita por internautas. “Fila do banco Bradesco, descaso, desrespeito ao próximo. Desde as 9h da manhã sem atendimento no sol, com fome e com as pernas doendo esperando”, disse Valmir Rodrigues, de Cabo Frio.

Outro internauta conta que foi no banco do Jardim Esperança na tentativa de fazer um depósito identificado e não conseguiu atendimento no caixa. Ele foi aconselhado a se dirigir para a agência do centro. “Em plena pandemia, onde precisa ser agilizado, eles estão botando todo mundo numa agência só. O funcionário falou que em Iguaba Grande, Arraial do Cabo, no Jardim Esperança e em São Cristóvão os bancos não estão funcionando para atendimento, tudo tem que ser feito na agência de Cabo Frio”, disse Hosano Vianna, que conta também, que ainda teve que lidar com uma fila enorme e mal organizada ao chegar no local.

 

Agências fechadas

No ano passado, o Bradesco fechou 7.754 postos de trabalho e 1.083 agências em 2020. A estimativa para 2021 é encerrar as atividades de mais 450 agências. Somado ao corte efetuado no ano passado, o número significa uma redução de 34,2% em relação ao tamanho da rede em 2019, que contava com 4.478 agências.

De acordo com o Sindicato dos  Empregados em Estabelecimentos Bancários e Financiários do RJ, o Bradesco lucrou R$ 19,458 bilhões em 2020. Apesar de divulgar uma retração de 24,8% em relação a 2019, o banco transferiu a maior parte de seu faturamento para a Provisão para Devedores Duvidosos (PDD), uma estratégia utilizada pelas instituições financeiras privadas que acabam tornando os números oficiais dos lucros menores do que realmente eles são. Em plena crise sanitária e econômica, o segundo maior banco privado do país teve um crescimento de 35% nos lucros  no último trimestre de 2020. 

 

Banco prioriza autoatendimento

Em resposta, o Bradesco afirmou que não recusa atendimento em nenhuma de suas agências. “Nas agências é realizado o pré-atendimento de clientes no sentido de orientá-los quanto ao uso dos caixas eletrônicos localizados nas salas de autoatendimento para a realização de diversos serviços. O Bradesco tem intensificado a comunicação com os seus clientes para que priorizem a utilização dos canais digitais para realizar suas operações com o Banco. Produtos e serviços disponibilizados pelo Banco podem ser acessados por meio de celular, internet, equipamentos de autoatendimento e Fone Fácil. É importante ressaltar que a melhor opção é sempre o atendimento por meio dos canais digitais”.

O banco completou dizendo que, desde o início da pandemia, a Rede de Agências do Bradesco está funcionando em horário diferenciado de atendimento. “O objetivo é preservar a segurança de todos os clientes e funcionários, evitando riscos de propagação do novo coronavírus pela proximidade de pessoas”.

O horário de atendimento é entre 10h e 14h para o público em geral. Para aposentados e pensionistas do INSS, o atendimento começa uma hora antes e, nos dias de pagamento desse público, a abertura das agências acontece com duas horas de antecedência, ou seja, às 8h.

Sobre as agências terem se transformado em Unidades de Negócios, o banco disse apenas que não divulga dados regionais.

 

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content