InícioBoca MiúdaBOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA TERÇA-FEIRA...

BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA TERÇA-FEIRA (20)

Alexandre Martins acusa oposição de fazer politicagem; Zé vai ao Rio para 'reunião preparatória'; obra anunciada por MM foi solicitação de Renatinho; ex-prefeito de Araruama na mira do MP; números da COVID caem em Iguaba; vereador aldeense quer estudantes na fila da vacina; prefeito de Macaé exonera irmão; e muito mais...

‘POLITICAGEM’ EM BÚZIOS

O prefeito de Armação dos Búzios, Alexandre Martins (REP) comentou sobre o pedido da oposição de levantamento dos vacinados contra a Covid: “pediu uma coisa que já está no site”, seguindo instruções do Ministério Público. Segundo o prefeito, não passa de politicagem, assim como os pedido de “bolsa disso, ajuda de custo daquilo”. As afirmações foram feitas durante conversa rápida pelo telefone com o Portal RC24h na manhã desta terça-feira (20). O chefe do Executivo informou que o município já dá R$ 1,8 milhão por mês em auxílios diversos, como o programa que atende os universitários buzianos. A Prefeitura ainda planeja fazer um kit para alimentação escolar. “O problema é que nós estamos há três anos sem abastecer o sistema da Educação, acarretando a não-arrecadação agora”, explicou Martins, citando que do PNAE, por exemplo, só tem entre R$ 800 e 900 mil na conta. O prefeito ainda informou que está tentando reestruturar a secretaria de Educação, que “nem prédio tinha”. Agora, os esforços estão direcionados para o aluguel de um prédio provisório até a construção da sede definitiva. Que situação, hein?

VISITA PREPARATÓRIA

O prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio (PDT), foi a sede do TJRJ, na capital, nesta terça-feira (20), para uma reunião com o presidente do tribunal. Pelo telefone, o chefe do Executivo municipal informou que foi fazer uma “visita preparatória” por conta de uma nova regulamentação federal que estende o prazo para pagamento de precatórios, o que beneficia Cabo Frio. Além de verificar essa possibilidade, o prefeito afirmou que iria agradecer o juiz, que deu sentença favorável ao município na questão do arresto, e apresentar o Fundo Municipal com 30% dos pagamentos de dívida ativa. O fundo foi aprovado em janeiro pela Câmara e já tem mais de R$ 1 milhão reservado, só dependendo de a Receita Federal liberar o CNPJ para ser feito o depósito. “É uma nota garantidora para o pagamento de precatórios”, contextualizou o prefeito. O ex-deputado estadual Jânio Mendes (PDT) e o procurador-geral de Cabo Frio, Dr. Victor Martim, acompanharam o encontro.

CPI DA COVID

O vereador Roberto Jesus (MDB) disse que vai protocolar pedido de abertura de uma CPI para apurar a aplicação das verbas destinadas ao combate à pandemia da Covid-19 em Cabo Frio. A Comissão irá avaliar ainda a transparência nos contratos e serviços feitos com recursos destinados ao enfrentamento da doença. O assunto deve ser debatido na sessão da próxima semana.

‘VACINA NO BRAÇO E COMIDA NO PRATO’

O vereador de Cabo Frio Davi Souza (PDT) mostrou preocupação com a vacinação e alimentação da população mais vulnerável do município durante discurso na sessão da Câmara nesta terça-feira (20). O líder do governo na casa afirmou estar empenhado em monitorar a distribuição e a chegada das doses em Cabo Frio e aproveitou para chamar atenção para o auxílio alimentação, afirmando que “o poder público precisa tomar as rédeas da situação”, seja pelo kit alimentação ou pelo fortalecimento da distribuição de cestas básicas pelo CRAS. “Vacina no braço e comida no prato”, concluiu o parlamentar.

A OBRA ATUAL É DO EX

O ex-prefeito de Arraial do Cabo, Renatinho Vianna (REP), não gostou nada de ver um detalhe na publicação no Portal RC24h que informa que a obra emergencial do Mirante da Prainha começa na próxima segunda-feira (26). O release da Prefeitura afirma que a obra foi uma solicitação do atual prefeito, Marcelo Magno (SDD), ao presidente Departamento de Estradas e Rodagem, Luiz Roberto Pereira. Acontece que, na verdade, o então governador Wilson Witzel (PSC) veio à região em 2019, na gestão Renatinho, e entregou o “poderoso checão” de plástico que, em tese, garantia essa obra, que foi realizada até o então momento. Renatinho ficou praticamente o ano de 2020 inteiro batendo na porta do DER cobrando a execução dessa obra e chegou até a entrar com uma ação na Justiça contra o departamento para ver se conseguia que a execução não só dela, como também da pavimentação das estradas dos distritos e da pontinha da RJ-140. Porém, foi só Natinho sair que o projeto andou. Será que tinha gente que estava embarreirando as coisas no Estado. Parece que alguém não simpatizava com o ex. E taca-lhe fogo no parquinho.

‘ANOTA A SENHA NO PAPELZINHO’

Os internautas mais atentos do Portal RC24h perceberam que o prefeito de Arraial do Cabo, Marcelo Magno (SDD), aparentemente, não está muito lembrado das senhas das redes sociais dele ou a Comunicação do prefeito que segue distraída mesmo. O empresário, que, vira e mexe, publicava alguma coisinha durante a campanha eleitoral esqueceu o perfil, principalmente, no Instagram, onde a bio dele ainda o apresenta como candidato a prefeito. A última publicação de MM na rede social de Mark Zuckerberg foi antes do começo da gestão dele, em 31 de dezembro de 2020, desejando um feliz Ano-Novo. A dica que a gente pode dar para o chefe do Executivo cabista é relembrar os velhos tempos e anotar a senha do Instagram no papelzinho, para que não esqueça mais. Ou quem sabe, a Comunicação dar aquela “acordadinha do soninho gotoso” quem vem tirando… Já dizia Chacrinha, quem não se comunica, se trumbica.

IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

O Ministério Público Federal ingressou com ação civil por improbidade administrativa contra o ex-prefeito de Araruama Miguel Jeovani, “por omissões em prestação de contas de verbas públicas”. O MPF apurou irregularidades na aplicação de verba repassada pela União, através da Secretaria Nacional de Segurança Pública para a prefeitura. O órgão requer a indisponibilidade de bens do ex-prefeito até o valor de R$ 193.966,00, com o objetivo de ressarcir os cofres públicos. Já foi aplicada ao ex-prefeito Miguel Jeovani uma multa de R$ 24 mil, e o MPF requer indisponibilidade de seus bens para que o valor seja ressarcido pela União com correção monetária. O repasse dos recursos referentes ao convênio ocorreu durante o mandato do ex-prefeito André Mônica. De acordo com os dados fornecidos pela Caixa Econômica Federal, o dinheiro permaneceu no Fundo de Investimento até o término do mandato de Mônica. Na época, Miguel Jeovani foi notificado, porém não se manifestou a respeito do fato. Ele não foi encontrado para se pronunciar sobre o caso.

ENDURECER MEDIDA ADIANTA SIM

Há quem ainda duvide, mas seguir o protocolo de segurança e endurecer medidas restritivas para evitar a disseminação do coronavírus adianta sim. Proibir eventos públicos, determinar toque de recolher, impedir permanência na praia, entre outros, ainda é o melhor caminho para sairmos desse pesadelo. Em Iguaba Grande, por exemplo, a taxa de internação na emergência da Covid caiu vertiginosamente nas últimas duas semanas. Para se ter ideia, no início da semana passada, a ocupação de leitos chegou a 95%; nesta segunda (19), esse número caiu para 42%, e hoje, terça-feira (20), a marca é de 20%. A propósito, o prefeito Vantoil Martins (CID) determinou que a partir de agora, um boletim geral será divulgado todos os dias, com números de casos, internações, óbitos e vacinação. Mais uma prova contundente que o negacionismo é o atalho para a morte. Ao passo que o bom senso e respeito à ciência, é a única saída possível.

ESTUDANTES NO GRUPO PRIORITÁRIO DE VACINAÇÃO

O presidente da Câmara de São Pedro da Aldeia, vereador Denilson (SDD) quer incluir alunos das redes pública e privada de ensino no grupo prioritário da vacinação contra a Covid. Na sessão desta terça-feira (20), ele apresentou projeto de lei nesse sentido. Segundo o parlamentar, “sabendo que recentemente foi aprovado pelo Governo do Estado a inclusão dos profissionais da Educação, a proposta visa contribuir para que o retorno das aulas presenciais ocorra o quanto antes, de forma segura para todos”. O PL será analisado pelas comissões responsáveis, depois entrará para votação nas próximas sessões e, se aprovado, será encaminhado ao executivo para análise e posterior decisão.

ATENDEU PEDIDO DO MP

O prefeito de Macaé, Welberth Rezende (CID) atendeu a um pedido do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), e exonerou o irmão, Márcio Porto de Rezende, do cargo de secretário municipal de Infraestrutura. O MPRJ expediu a recomendação no dia 05 de abril por entender que Márcio não possuía a “qualificação técnica necessária” para o cargo e por ser familiar de Welberth. A exoneração do irmão do prefeito foi publicada em uma Portaria no Diário Oficial de Macaé da última quinta-feira (15). Em nota, a Prefeitura afirmou que cumpriu a recomendação “apesar do entendimento do governo municipal reconhecer a qualificação técnica de Márcio Rezende, comprovada por registro no Conselho Regional Engenharia, Arquitetura e Agronomia (CREA-RJ) e atuação por quase 20 anos na indústria de óleo e gás”.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content