Início Boca Miúda BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA TERÇA-FEIRA...

BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA TERÇA-FEIRA (13)

Lívia de Chiquinho nomeia primeira mulher a assumir Segurança Pública, mesmo diante de protestos; Polêmicas na Câmara de Cabo Frio; Câmara de Búzios planeja antecipar eleição da mesa para o biênio 2022-2024; Vantoil Martins tem manhã de visitas e adia reunião com secretariado; Fábio do Pastel e o drive-thru da oração; E não é que a prefeitura de Arraial divulgou material dos 100 dias? Vacina Sputnik nas mãos do STF... E muito mais!

EXPECTATIVA: DEMISSÃO vs. REALIDADE: PROMOÇÃO

A gestão de Flávia Corrêa como comandante da Guarda Municipal de Araruama (GMA) deu muito pano para manga no município. Com o apoio integral da chefia do Executivo, a servidora construiu uma reputação de certa hostilidade e criou resistência de parte da GMA, que fez até protesto pela saída de Flávia. Porém, não foi dessa vez que o movimento surtiu efeito. Nesta terça-feira (13), Lívia Bello (PP) concretizou especulações e oficializou Flávia como a primeira mulher a assumir a secretaria de Segurança Pública de Araruama. Não deixa de ser histórico, né? E é aquilo, quando o assunto é decisão de Lívia, o papo é um só: Falem bem ou falem mal, já dizia Zagallo, “vocês vão ter que engolir”.

PL CONTRA PROTESTO DE DÉBITOS

A prefeitura de Cabo Frio começou nesta segunda (12), a enviar para o Cartório de protesto as primeiras 200 certidões de Dívida Ativa no município, com o objetivo de comunicar ao contribuinte que ele está em dívida com algum imposto municipal, dando prazo de até 3 dias para regularização. O aviso deixou muitos contribuintes irritados, visto que a maioria deles teve que fechar as portas durante a quarentena e outros sequer reabriram, quebraram mesmo. O assunto chegou à Câmara e na sessão desta terça (13), o vereador Vinícius Corrêa (PP) apresentou projeto de lei, em regime de urgência, que propõe a suspensão temporária da cobrança. “Pelo menos enquanto o estado de calamidade pública (por causa da pandemia) estiver em vigor. Não é para eliminar dívida, porque isso é ilegal. É muita falta de sensibilidade, nesse momento, incluir o nome do empresário, do comerciante, no SPC e no Serasa. E já que o governo não se mobiliza, que a gente faça alguma coisa para essa situação não ficar pior”, disse. O PL já está na Comissão de Constituição e Justiça e pode ser votado semana que vem. O líder do governo na Câmara, vereador Davi Souza (PDT), sugeriu ampliar esse diálogo com o executivo enquanto o PL está em análise na CCJ, “para chegarmos a uma solução”, completou.

JESUS PEDE, MIGUEL CEDE…

Algo inusitado vem acontecendo no parlamento cabo-friense que virou objeto de especulação na Casa nesta terça-feira (13). Pela segunda vez, o presidente da Câmara, Miguel Alencar (DEM), cede seus 10 minutos regimentais para o vereador Roberto Jesus (MDB). Esse artifício não é comum entre os vereadores, afinal, cada minuto na tribuna é precioso para os nobres edis. Parece que a parceria vai se repetir outras vezes, e a predileção está causando burburinho entre os demais vereadores. Sabe como é, né? Tanta parceria e generosidade acaba chamando a atenção.

ZÉ BONIFÁCIO NA INTERTV

Ainda de Cabo Frio, o prefeito José Bonifácio (PDT) deu uma entrevista no RJ1 e RJ2 desta terça-feira (13), para comentar sobre o balanço dos primeiros 100 dias de governo. Sobre as ações de combate à pandemia, destacou como fundamental a instalação da superbarreira, fruto de força-tarefa entre os municípios de Cabo Frio, São Pedro da Aldeia, Búzios e Arraial do Cabo. Acontece que Zé fez questão de destacar que a ideia do super equipamento foi do prefeito aldeense, Fábio do Pastel (PODE), informação até então desconhecida, ou pelo menos não divulgada. Fábio não é engenheiro, mas é empresário, pensa em estratégias que deem retorno certo, o prefeito foi assertivo. Outro ponto destacável foi de noite, quando o prefeito confessou, meio que desconcertado, que diante da morosidade para abertura do Unilagos, promessa do governador que já vai para um mês, Zé buscou diálogo com Secretaria de Estado de Saúde e foi informado que o assunto compete agora a outra secretaria (Ciência e Tecnologia). Em outras palavras, “não se mete que agora quem toca a banda é Dr. Serginho”. Zé disse então que partiu para ampliação de leitos próprios na rede municipal. Que situação, hein?! Enquanto isso, o povo vai morrendo por falta de UTI…

MANHÃ DE VISITAS

O prefeito de Iguaba Grande, Vantoil Martins (Cidadania) passou parte da manhã desta terça-feira (13), empenhado em visitar obras que estão sendo realizadas no município. Entre elas, o chefe do Executivo esteve no local onde vai funcionar o CRAS II, do bairro Vila Nova. A visita foi acompanhada pela secretária de Assistência Social, Trabalho e Renda do município, Cláudia de Souza, e a subsecretária, Wanessa Homobono. Ao lado do espaço, será erguida a nova sede da Academia da Saúde de Iguaba. As autoridades visitaram ainda o prédio do Curumim, onde será implantado um centro para cursos profissionalizantes, além de uma padaria comunitária. Eles também passaram pela fábrica de sextavados, que funciona com mão de obra da própria Prefeitura. Agenda regada, hein? À propósito, Vantoil teria uma reunião com o secretariado durante esta tarde, mas o encontro foi adiado para esta quarta (14), a partir das 15h. Os detalhes, é claro, você confere na próxima edição da coluna Boca Miúda.

ELEIÇÃO ANTECIPADA

Os edis da Câmara Municipal de Armação dos Búzios estão planejando antecipar a eleição para a Mesa Diretora da casa para o biênio 2023/2024. A ideia, segundo o atual presidente do Legislativo buziano, Rafael Aguiar (REP), é que a eleição seja realizada entre 15 de abril e 5 de maio deste ano. Quando questionado se tinha a intenção de concorrer a uma reeleição antecipada, Aguiar optou pela discrição e disse que vai cumprir as recomendações do prefeito, Alexandre Martins (REP). Segundo o vereador, se Martins quiser que Rafael seja candidato no próximo biênio, ele será. Simples assim.

DRIVE-THRU DA ORAÇÃO

Em tempos de pandemia, não tem jeito: é drive thru de tudo que é coisa. Tem de comida, tem de vacina e, em São Pedro da Aldeia, até a oração ganhou um drive thru para chamar de seu. O prefeito do município, Fábio do Pastel (PODE), inclusive, participou e divulgou a iniciativa, realizada na noite desta segunda-feira (12), em frente ao Pronto Socorro Municipal. Nas redes sociais, Fábio incentivou a participação popular no ato, que consiste nas pessoas, dentro de seus respectivos carros, se unirem em um círculo de oração pelas vítimas da COVID-19. Gesto nobre e seguro, né, gente? Será que essa moda pega?

FICOU BARATO

O Portal RC24h acompanhou, em dezembro do ano passado, o quiproquó envolvendo um grupo de São Pedro da Aldeia que foi vítima de intolerância religiosa em uma sessão de análise da Lei Aldir Blanc. Na ocasião, a parecerista e ex-secretária de Cultura aldeense, Edlúcia Marques, afirmou que iria dar zero para o projeto de cultura afro e disse que, caso o grupo não aceitasse, poderia “jogar macumbinha” para ela. A novidade é que, em março deste ano, o Ministério Público propôs um acordo a Edlúcia, que consistia em confissão e pagamento de R$ 1,1 mil para um abrigo do município, ao maior nível “isso é tudo, pessoal”. O escritório que representa as vítimas, Kostrzepa Jaworski, emitiu uma nota de repúdio sobre o fato. “[o escritório] vem manifestar publicamente o descontentamento com um Acordo de Não Persecução Penal (ANPP), oferecido pelo Ministério Público. Trata-se do crime de injúria racial com elementos referente à religião, na qual a autora do fato ofendeu, não somente a honra e decoro da Juliane [vítima], como também toda uma sociedade que preza pela laicidade”, disse a nota. Será que o MP ao propor tal acordo realmente cumpriu sua tarefa institucional de defesa da ordem jurídica e dos interesses da sociedade? A gente aguarda o desenrolar desse novelo.

ANTES TARDE DO QUE NUNCA

A prefeitura de Arraial do Cabo divulgou no meio da noite desta segunda-feira (12), por volta das 20h, um vídeo em sua fanpage sobre série especial que retrata os primeiros 100 dias da gestão Marcelo Magno (PL). Serão cinco episódios no total irão apresentar as ações realizadas ao longo desse tempo. Na coluna de ontem, dissemos que a prefeitura não tinha soltado nem uma linha e que a comunicação municipal afirmou que um material sobre isso sairia até o fim da semana. Mas o material foi publicado, e se tivessem encaminhado conforme solicitação, a nota certamente teria sido diferente. Mas fica o registro. O povo tem o direito de saber mesmo que tardiamente. Afinal, antes tarde do que nunca.

VALE A RESSALVA

Na coluna Boca Miúda desta segunda-feira (12), destacamos os dados da escala Brasil Transparente – Avaliação 360°, que deu nota 10 no quesito transparência para a Prefeitura de São Pedro da Aldeia, além de distribuir avaliações acima de 8 para Cabo Frio e Saquarema. Os internautas questionaram ao nosso portal sobre as pontuações de outros municípios da região, que não foram citados na ocasião. Esclarecemos aqui que o ranking Brasil Transparente, feito pela Controladoria Geral da União (CGU), foi realizado nos estados, capitais e municípios com mais de 50 mil habitantes. Portanto as cidades da área de cobertura do Portal RC24h, Armação dos Búzios, Arraial do Cabo e Iguaba Grande, não foram alcançadas pela escala, logo não há avaliações disponíveis neste levantamento da CGU, que pode ser visto na íntegra neste link.

BARREIRAS CONTINUAM

Mesmo após o fim do temido ‘superferiadão’, instituído pelo governo do Estado entre os dias 26 de março e 4 de abril, a Prefeitura de Maricá anunciou que as barreiras sanitárias continuam em vários pontos do município. Para que o munícipe não seja barrado nas instalações, é necessário portar o comprovante de residência. Para a Prefeitura, as barreiras sanitárias são consideradas uma medida importante para o combate à COVID-19. Nesta terça-feira (13), inclusive, o prefeito Fabiano Horta (PT) pediu, mais uma vez, que a população colaborasse “para que possamos frear a disseminação do vírus e preservar vidas”. Tá dado o recado, então, né, galera?

VACINAÇÃO E AUXÍLIO EMERGENCIAL

A Câmara de Macaé ouviu o prefeito Welberth Rezende (Cidadania) e representantes da secretaria da Saúde, sobre o combate à pandemia, nesta terça-feira (13). Os vereadores perguntaram sobre testagem, vacinação e outros temas. “Segundo a coordenação dos programas de pós-graduação (Coppe) da UFRJ estamos, mesmo em meio ao caos, com números melhores que Niterói e municípios da Baixada Fluminense”, disse o prefeito, que se recupera de trombose, como sequela da Covid-19. Ele declarou que os macaenses não enfrentam falta de leitos. Também nesta terça, o Executivo protocolou projeto de lei que estabelece novo auxílio emergencial para categorias que foram afetadas diretamente com a suspensão de atividades. Serão duas parcelas mensais de R$ 500. Nesta nova etapa, serão beneficiados trabalhadores do transporte escolar, auxiliares de serviços escolares, merendeiras e feirantes. O recurso é de R$ 1,8 milhão, proveniente do fundo próprio da Câmara. O regime de urgência foi aprovado, por unanimidade, e uma sessão extraordinária foi convocada para quinta-feira (15).

STF DÁ PRAZO À ANVISA SOBRE SPUTNIK V

O ministro do STF Ricardo Lewandowski definiu nesta terça (13), prazo até o fim deste mês, para que a Anvisa decida sobre a “importação excepcional e temporária” de doses da vacina Sputnik V. O ministro tomou a decisão em uma ação protocolada pelo governo do Maranhão, que diz ter negociado 4,5 milhões de doses da vacina produzida pelo Instituto Gamaleya, da Rússia. Acontece que milhares de municípios, incluídos os da Baixada Litorânea (de Macaé a Maricá passando por Cabo Frio, Búzios e Iguaba) já negociaram o imunizante russo via consórcios e aguardam ansiosamente a decisão da Agência para poderem comprar e ampliar a vacinação. A decisão do Supremo chegou como um balde de água fria nos prefeitos e governadores. A impressão que temos é que o governo Federal faz de tudo para dificultar a vacinação em massa. Quem consegue entender?

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -

Mais Lidas

Skip to content