BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA QUINTA-FEIRA (31)

Dia histórico para os prefeitos da Região dos Lagos com o lançamento da obra de recuperação da laguna de Araruama; Zé Bonifácio agradece mas dispara contra Prolagos, que se defende; Cinturão da lagoa começará por Iguaba; Vantoil Martins, Marcelo Magno, Fábio do Pastel discursam no evento; Lívia de Chiquinho também, mas destoa; Prefeito de Cabo Frio vai retirar nódulo do fígado e faz 18ª troca no 1º escalão; Alexandre Martins comemora um ano de Maria da Penha... E muito mais!

1007

DIA HISTÓRICO

A coluna Boca Miúda desta quinta-feira (31) começa por Cabo Frio, dia histórico para os prefeitos que acompanharam o lançamento do programa que vai iniciar a tão aguardada obra de dragagem do Canal do Itajuru, que facilita a renovação da água da lagoa de Araruama com o mar. A previsão é que os trabalhos durem cerca de dez meses e o investimento é de R$ 29,5 milhões. A previsão era de que o governador Cláudio Castro (PL) viesse, mas ele cancelou a agenda e foi representado pelos secretários estaduais de Meio Ambiente e Saneamento, Thiago Pampolha, de Obras e Infraestrutura, Max Lemos, e de Ciência, Tecnologia e Inovação, Dr. Serginho. Prefeitos da Região dos Lagos, que esperam uma resolução do problema há anos também compareceram: de Cabo Frio, José Bonifácio (PDT); de São Pedro da Aldeia, Fábio do Pastel (PL); de Iguaba Grande, Vantoil Martins (CID); de Arraial do Cabo, Marcelo Magno (PL) e de Araruama, Lívia de Chiquinho (PP). Faltou a prefeita de Saquarema, Manoela Peres (DEM). O prefeito de Búzios, Alexandre Martins (REP) não participou do evento, mas vale lembrar que o balneário não está entre os municípios banhados pela laguna.

______________________

ZÉ AGRADECE, MAS DISPARA CONTRA PROLAGOS

O anfitrião da cidade, prefeito José Bonifácio (PDT) participou do evento ativamente. Agradeceu ao governo do Estado pela obra da dragagem, mas fez questão de dizer à Prolagos que “não dá mais para esperar” que seja feita a rede separativa de esgoto na cidade. À coluna, Zé avaliou que a dragagem é uma obra necessária e que, apesar de não resolver o problema da lagoa, vai facilitar a renovação. “Quem tem que resolver o problema da lagoa e tomar vergonha na cara é a Prolagos. Ela recebe na conta de água o que a população paga, e não percebe, que é a taxa de esgoto e não investe um centavo na rede separadora. Estou jogando pesado, não dá mais pra ficar assim”, disparou Zé.

OBRAS DO CINTURÃO SÓ EM JULHO

A Prolagos, duramente cobrada pelos prefeitos, participou do evento. O presidente da empresa, Pedro Freitas disse que a obra do cinturão começa em julho, por Iguaba Grande. Quanto à Praia do Siqueira, em Cabo Frio, que está praticamente apodrecendo por conta do despejo de esgoto e outros efluentes – muito bem cobrado e explicado por Chico Pescador – militante pela recuperação da laguna, essa só vai ver a obra começar lá para setembro ou outubro. Veja o que disse o presidente da Prolagos e, em seguida, Chico Pescador:

_________________________

RENOVAÇÃO DA ESPERANÇA

Falando em Iguaba Grande, o prefeito Vantoil Martins (CID) disse que este foi um dia para celebrar, “um momento histórico e de renovação da esperança”. “O sentimento é de esperança na recuperação da balenabilidade da nossa laguna, nosso cartão postal. Isso significa fomento ao turismo, um olhar muito especial para a área ambiental e também ter de volta o nosso paraíso, é um dia histórico. Esperanças se renovam”, destacou Vantoil. O chefe do executivo iguabense também apoiou a alfinetada do prefeito cabo-friense. “O Zé tem razão, o cinturão é um passo gigantesco para a recuperação da balneabilidade da laguna, se faz extremamente necessário”, completou.

‘É UMA PAUTA QUE NÃO TEM QUE TER DONO’

Em seu último dia como secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Dr. Serginho – que vai se desincompatibilizar do cargo nesta sexta (1º) para a pré-candidatura a deputado, lembrou que a obra foi sua primeira indicação legislativa, em 2019. “Fico feliz em ver a concretização do início de um trabalho para a gente requalificar cada vez mais a nossa laguna. O resultado que a gente espera é o benefício para a população. É um patrimônio natural fantástico que pode gerar divisas no desenvolvimento econômico, resguardando a pesca e mantendo as belezas naturais”. E destacou que “essa é uma pauta que não tem que ter dono. O momento é de unir esforços de todos os que são a favor do meio ambiente e do turismo de qualidade”, acrescentou. E mais, criticou que o contrato que a Prolagos fez com os municípios foi feito de forma errada, já que não se levou em conta o crescimento das cidades, e que as (péssimas) condições da Praia do Siqueira estão no radar dele: “Temos dialogado com a Prolagos sobre o derramamento de esgoto na Praia do Siqueira, retirada do lodo e lama e engorda da praia. Todos os estudos de dragagem são feitos pelos melhores pesquisadores do país, exatamente para que não tenhamos problemas na questão da navegabilidade”, disse Serginho.

AGRADECEU DEUS E TODO MUNDO

Já o prefeito de São Pedro da Aldeia, Fábio do Pastel (PL), só sorria enquanto discursava, até porque está num período de governo em que estão sendo realizadas muitas melhorias na cidade. “Vocês não têm noção da benfeitoria que o governo está trazendo. Essa obra vai beneficiar moradores, pescadores, turistas, obrigada ao secretário e todos os envolvidos. Me lembro bem quando cheguei em São Pedro da Aldeia, em 1994, a lagoa era clarinha. Então a obra é uma felicidade muito grande”, discursou.

ARRAIAL NA VANGUARDA

Outro município presente na cerimônia desta quinta-feira (31) foi Arraial do Cabo, representada pelo prefeito, Marcelo Magno (PL). Em entrevista à coluna, MM comentou sobre um equipamento adquirido pela Prefeitura que vai tratar o lodo produzido pelo esgoto. “Vai ser o pioneiro, né? A gente está para marcar a data da inauguração, tá só esperando o equipamento chegar. Eu acho que isso vai ser importante para toda a região também. Arraial vai virar piloto e o Estado vai replicar para outros lugares”, afirmou Marcelo. Certo tá ele.

COMEÇO DE UM NOVO TEMPO?

O secretário de Ambiente e Saneamento do Estado, Thiago Pampolha, demonstrou muito otimismo com o lançamento do programa de obras no Canal do Itajuru. O deputado estadual licenciado comentou sobre o maquinário para que possa ser feito um trabalho permanente de desassoreamento. “Nós vamos entender qual é o melhor modelo, se a gente envolve a iniciativa privada ou se a gente garante recursos no orçamento do estado”, explicou. Em relação à questão das concessionárias, Pampolha classificou como fundamental que o estado entre exercendo papel fiscalizatório e que os municípios deem apoio nesse aspecto. “A gente dá um passo importante, entregamos as licenças ambientais necessárias para que eles [concessionárias] façam às vezes as funções que eles são remunerados para fazer. Hoje, eu acredito que realmente a gente interrompa um ciclo de pouca ou nenhuma ação e inicia um novo onde o estado entra como um parceiro, como estimulador, mas, também, se necessário, com o rigor da fiscalização para gente poder avançar”, declarou.

PACOTÃO DE OBRAS

O secretário de Obras e Infraestrutura do Estado, Max Lemos, comentou, na cerimônia do lançamento das obras no Canal do Itajuru, sobre o pacotão de investimentos que o Governo do Estado está promovendo em toda a Região dos Lagos. Max citou obras que serão feitas em Araruama, de requalificação e urbanização de Praia Seca, e a Estrada da Posse, que liga São Vicente a Iguaba, porque não pode acessar a ViaLagos. De Iguaba, tem a macrodrenagem do canal central da cidade e a urbanização de dezenas de ruas. Em São Pedro da Aldeia, a Estrada do Alecrim, já licitada, com ordem de inicio para a semana que vem e as do Parque Estoril, que está sendo preparada para o mercado. Em para Cabo Frio, é previsto um investimento milionário para Tamoios com três projetos na ordem de R$ 20 milhões a R$ 30 milhões. O município também vai receber obras na estrada que liga Cabo Frio a Maria Joaquina. Em Arraial do Cabo, será urbanizado todo o Monte Alto e, para Búzios, o governo vai entregar a UPA 24h e uma escola estadual. Detalhe: Max lembrou tudo de cabeça, hein? Que memória.

DESTOOU

A prefeita de Araruama, Lívia Bello (PP), também discursou na cerimônia de lançamento das obras de dragagem no Canal do Itajuru nesta quinta-feira (31). Apesar de ter começado a fala dentro da temática, falando sobre a longa espera por essas obras, a prefeita trocou as bolas e começou a falar sobre feitos de Araruama. Ninguém entendeu muito o contexto, o que tem a ver o município ter sido uma das mais gera empregos. Nenhum demérito, mas nexo?

ZÉ VAI RETIRAR NÓDULO E FICAR OFF DUAS SEMANAS

Para além do evento sobre a laguna de Araruama, em Cabo Frio o prefeito José Bonifácio (PDT) está tranquilo com relação ao procedimento médico que ele vai ser submetido na segunda-feira (4). Há uns 20 dias, apareceu um pequeno nódulo no fígado do prefeito cabo-friense. Pela avaliação dos profissionais, o melhor era fazer uma cirurgia. Os médicos vão aproveitar o ensejo e fazer a de hérnia. O anúncio da situação foi feito por José Bonifácio nesta quarta-feira (30), durante a inauguração da nova sede da secretaria de Assistência Social. “Eu já sabia dessa notícia há 15 dias, só eu e minha mulher. Não mudei meu comportamento em função disso. Ontem achei que era o momento adequado para anunciar”, disse Zé. O prefeito explicou que necessário será fazer a transferência de cargo para a vice, Magdala Furtado (PL). “Devo passar de um a dois dias na UTI e depois para o quarto, mais uns sete a oito dias. Dez dias para a recuperação”, pontuou.

PREFEITO ANUNCIA 18ª MUDANÇA E LEVA NOTIFICAÇÃO DA JUSTIÇA ELEITORAL

Zé aproveitou o evento de inauguração do segundo Ponto de Entrega Voluntária de Coleta Seletiva, na Praça da Bandeira, no bairro da Passagem, para confirmar nova troca no primeiro escalão, como já havíamos adiantado aqui, por ocasião da 17ª troca que ainda viriam outras. A atual titular da secretaria de Obras, Tita Calvet, vai deixar a pasta e assumir a Mobilidade Urbana no lugar de Jefferson Buitrago. No lugar de Tita, assume Alan do Chaparral, que era o secretário adjunto da pasta e atuava em Tamoios, no segundo distrito. Buitrago, que estava acumulando as pastas da Mobilidade e o Ibascaf, permanece no comando do instituto e acumula também a diretoria da Comsercaf, no lugar de Bebeto Cardozo. Cardozo, quando pediu exoneração do Ibascaf, foi logo nomeado como diretor da Comsercaf, mas recusou a vaga. Ufa, haja memória para acompanhar Zé que, a propósito recebeu uma notificação do TRE por campanha eleitoral antes da hora na segunda-feira (28), enquanto inaugurava a nova sede do Pasmed. Zé atuou quase que como cabo eleitoral de Janio Mendes (PDT) para deputado estadual e ainda fez menção a Max Lemos, que estava presente. Na parte da tarde, no evento da coleta seletiva, Bonifácio falou sobre os candidatos que vai votar, citando Janio, o vereador Davi Souza (PDT), pré-candidato a deputado federal, o advogado Ciro Gomes (PDT), pré-candidato a presidência, e o presidente da Alerj, André Ceciliano (PT), que deve tentar uma vaga no Senado.

PARLAMENTO EM CHAMAS, VERSÃO CABO-FRIENSE

Enquanto secretários apresentavam o programa de obras do Governo do Estado, no Centro de Cabo Frio, teve vereador se estranhando no parlamento. O edil Vanderson Bento (PTB) usou a tribuna e criticou, sem citar nomes, páginas da cidade e políticos novos que, segundo Bento, agem parecido com o vereador do Rio Gabriel Monteiro, aquele que ganhou matéria de 16 minutos no Fantástico de domingo (27) por diversas acusações. Pouco depois, Gabriel de Jesus, digo Roberto Jesus (MDB) se declarou fã do PM carioca e disse que ele faz um trabalho pela transparência. Pouco depois, na discussão de um requerimento de Jesus, Vanderson argumentou que o vereador parecia um publicitário, mas disse que, na política, era necessário ter valores como impessoalidade e moralidade. Roberto Jesus, em resposta, falou sobre a palavra moralidade e citou a família de Vanderson Bento. O edil se sentiu ofendido e começou uma discussão generalizada no parlamento, que fez com que o presidente, Miguel Alencar (DEM), suspendesse a sessão por cinco minutos. Pois é, né, gente, engraçado Jesus falar tanto de moralidade. Nem parece que tem ex-funcionário dele nas redes sociais dizendo ter sido demitido por se recusar a devolver parte do salário.

LULA LÁ, MAS E POR AQUI?

Ainda de Cabo Frio, o secretário municipal adjunto de Ciência e Tecnologia, Rafael Peçanha participou nesta quarta (30), na UERJ, da cerimônia de encerramento do encontro internacional do Grupo de Puebla, com a presença dos ex-presidentes Lula e Dilma, além de lideranças latinoamericanas e europeias, como o ex-presidente espanhol José Luis Zapatero. “Um grande momento democrático e um sopro de esperança para o futuro próximo do nosso país”, disse. Rafael filiou-se ao PT recentemente também para movimentar a pré-campanha de Lula na região. Mas cadê o movimento de pré-campanha de Lula em Cabo Frio, alguém já viu?

1 ANO DE MARIA DA PENHA

Em Armação dos Búzios, o prefeito Alexandre Martins (REP) participou do evento em comemoração ao primeiro ano da Patrulha Maria da Penha, na manhã desta quinta (31). Na ocasião, Alexandre abriu o evento e ressaltou a importância da Patrulha para as mulheres buzianas e agradeceu a toda equipe que trabalha com dedicação na viatura. A menção do prefeito faz todo sentido, a ver pelas estatísticas da equipe: em um ano, foram 172 registros de ocorrências, nove prisões em flagrante, quatro por descumprimento de medidas protetivas, 54 mulheres cadastradas com acompanhamento e monitoramento das medidas protetivas e 438 atendimentos telefônicos. Após o evento, o prefeito fez atendimento na subprefeitura da Rasa, como acontece toda quinta-feira.

LUIZ DAS NUVENS

Enquanto isso, na Câmara de Araruama, o líder do Governo de Lívia, Luiz do Táxi (PL), pegou seu veículo e foi longe… Pelo menos, no campo das ideias. É que, na sessão foi apresentado um requerimento por Oliveira da Guarda (MDB) pedindo a cópia de um contrato da Prefeitura com uma empresa firmado em 2019. O requerimento foi aprovado por unanimidade. O vereador Amigo Walmir (PP) chegou atrasado à sessão e, no momento de explicações pessoais, se colocou contra o requerimento. Acontece que Luiz quis surfar na onda, disse que não tinha ouvido o requerimento, quis dizer que era contra, que não estava na sessão quando o documento foi lido. Só que, como a própria irmã dele, Penha Bernardes (PL), afirmou e a transmissão da Câmara mostrou, Luiz tava lá, quietinho no lugar dele, enquanto o requerimento era lido. Será que o vereador estava ocupado demais no plenário para prestar atenção no que acontecia na frente dos olhos dele?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui