InícioPolíticaBoca MiúdaBOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA QUINTA-FEIRA...

BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA QUINTA-FEIRA (2)

Marcelo Magno vai até Araruama para se encontrar com secretário Estadual em confraternização; liberação de entrada da Prainha ganha nova previsão; Vantoil Martins vai mandar projeto de moeda social para a Câmara; "meia dúzia de servidores" e mais alguns vão à Câmara de Araruama cobrar Prefeitura por auxílio, enquanto vereador se posiciona sobre decisão da Justiça; Zé Bonifácio inaugura Núcleo de Saúde e vereador cabo-friense apresenta PL da cannabis medicinal; Alexandre Martins visita obra; Fábio do Pastel recebe comandante da PM; sem réveillon em Macaé; e muito mais...

ENCONTRO DE ELITE

A coluna Boca Miúda desta quinta-feira (2) começa por Arraial do Cabo, município cujo prefeito, Marcelo Magno (PL), esteve em evento daqueles. Um almoço de confraternização do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) em Araruama com presença de diversas autoridades, como o secretário Estadual de Meio Ambiente, Thiago Pampolha. Marcelo disse ao Portal RC24h que foi ao local para conversar com Pampolha sobre a licença necessária para construir os postos de salva-vidas de Arraial. Segundo o prefeito, a licença foi dada. O secretário de Planejamento de Iguaba Grande, Eron Bezerra, também estava entre os presentes, representando o prefeito, Vantoil Martins (CID). Marcaram presença ainda os responsáveis pela pasta de Ambiente em Arraial do Cabo, Jorge Augusto da Costa Oliveira, e em São Pedro da Aldeia, Mário Flávio Moreira.

FICOU PARA SEMANA QUE VEM

A obra de contenção na RJ-140, na Prainha, entrada de Arraial do Cabo, vai ficar para semana que vem. Na reta final, como pode se ver nas fotos acima recebidas nesta quinta-feira (2), a intervenção deve ser entregue a população na terça (7), segundo a Comunicação da Prefeitura. Os motoristas do Cabo esperam que a data, enfim, se concretize, já que caos é pouco para definir a entrada no município pela Rebeche, em especial nos dias de chuva, né? O Governo do Estado, inicialmente, entregaria a obra na última terça (30), o que não se concretizou por conta do tempo instável.

Em Iguaba Grande, o prefeito, Vantoil Martins (CID), informou a coluna que o Projeto de Lei do Executivo que cria a moeda social iguabense será encaminhado à Câmara nesta sexta-feira (3). Inspirado nos modelos de Maricá e Cabo Frio, a expectativa é que a proposta entre em pauta já na próxima semana.

MOVIMENTO EM POLVOROSA

Enquanto, na Praça João Hélio, a população araruamense aguardava a chegada do Papai Noel na abertura do Natal nesta quinta-feira (2), na Câmara, a coisa pegava fogo por conta da reivindicação dos professores por conta do auxílio tecnológico. Mais uma vez, mais de 70 servidores ocuparam o plenário do Legislativo. Ao Portal RC24h, o grupo organizador afirmou que “o movimento está crescendo”, ao contrário do que disse Lívia Bello (PP), se referindo a eles como “uma meia dúzia de professores”. É, prefeita, pelo visto a meia dúzia cresceu consideravelmente, hein?. Os manifestantes também distribuíram uma carta com as reivindicações dos professores na sessão com uma “bofetada”, derrubando os argumentos dados até o momento como resposta.

DANDO O QUE FALAR

Ainda no Legislativo de Araruama, a cassação do mandato do vereador Sérgio Murilo (REP) por conta da anulação dos votos do partido dele nas eleições municipais do ano passado estão dando o que falar. Apesar da repercussão estar mais restrita ao meio político, virou assunto até nas rodas de conversa cabo-frienses. O parlamentar, que ainda não perdeu a vaga na Câmara, disse ao Portal RC24h durante a manhã desta quinta-feira (2) que usaria o plenário da Casa para se posicionar na sessão no começo desta noite.

INAUGURAÇÃO EM CABO FRIO

O prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio (PDT), inaugurou, nesta quarta-feira (1º), a expansão do programa de atenção básica na saúde de Cabo Frio, com a nova etapa do Núcleo Ampliado de Saúde da Família (NASF). Segundo Bonifácio, o serviço é de grande importância para que a população tenha mais facilidade no acesso aos serviços de saúde. O programa disponibiliza uma equipe multidisciplinar, composta por diversos profissionais de saúde da família. “Constatamos que 60% dos casos atendidos nas UPAs podem ser resolvidos com a equipe da Saúde da Família, nos postinhos de saúde. Agora, os bairros Jacaré, Tangará e Praia do Siqueira, e regiões no entorno desses bairros, podem contar com esse reforço, que seguirá em expansão para outras áreas”, explicou José Bonifácio.

ARRUMAR A CASA PRIMEIRO, FESTA DEPOIS

Assumir uma prefeitura é pedir para receber críticas de todos os lados. Depois que José Bonifácio (PDT) de Cabo Frio sabe disso, mas mesmo assim optou por não investir em evento pirotécnico ou musical e teve uma grata surpresa: recebeu muito apoio das redes sociais. E essa pode não ser a única novidade relacionadas a próximas festividades: o Carnaval também está na mira do prefeito e pode ‘não rolar’. Mas mesmo assim ele está recebendo apoio da população que já está pedido: “Aproveita e já anuncia que não haverá carnaval também”, disse um internauta. A decisão do pedetista de “arrumar primeiro a casa para depois receber visitas” parece fazer sentido e agradou muita gente.

MOVIMENTAÇÃO PELO CANABIDIOL

Em Cabo Frio, mães de pacientes de condições tratáveis com medicamentos à base de cannabis medicinal fizeram uma manifestação com placas devido ao Projeto de Lei do vereador Felipe Monteiro (PDT) que regulamenta o uso desses remédios ter sido apresentado na sessão da Câmara desta quinta-feira (2). O PL segue propostas parecidas com as que tramitam nas câmaras de Florianópolis (SC) e Niterói e o que foi aprovado essa semana em Armação dos Búzios. Ao Portal RC24h, o vereador informou que o projeto, que deve beneficiar milhares de pacientes, já tem apoio na Câmara entre vereadores como Jean da Autoescola (PL), Josias da Swell (PL) e Luís Geraldo (REP). Em relação ao Executivo, Felipe aposta no progressismo do prefeito José Bonifácio (PDT) e do secretário de Saúde Felipe Fernandes.

FRANÇA EM NITERÓI

O secretário de Administração e Direitos Humanos e Segurança de Cabo Frio, Coronel Ruy Franca, visitou, na manhã desta quinta-feira (2), a Guarda Municipal de Niterói. O objetivo da visita foi criar intercâmbio na busca de experiências positivas. Ruy França está acompanhado de 20 agentes da Guarda Municipal cabo-friense.

NÃO DEU OUTRA

Conforme a coluna Boca Miúda já havia antecipado há alguns meses, a Spartacus Investimentos, do empresário Capitão Diogo, tem enfrentados sérios problemas para cumprir os acordos que têm com seus investidores. Um grupo desses clientes, inclusive, está convocando um ato das “vítimas da Spartacus” para segunda-feira (6) na frente da 126ªDP com o objetivo de provocar a polícia para abrir inquérito e apurar o caso. Segundo levantamento dos clientes, a empresa funcionava em esquema de pirâmide financeira e deve R$92 milhões para 1.800 clientes. Muitos desses, de certo, entraram na empresa por conta do dono trazer consigo a chancela da Polícia Militar, ser um empresário badalado do município, dono de um patrimônio que chama atenção. Pessoas essas que acreditaram que ele fosse cumprir com a palavra. Em pensar que o empresário concorreu à Prefeitura cabo-friense, município com previsão de arrecadação no ano que vem na ordem de R$1,1 bilhão. Que sufoco os cofres municipais escaparam, hein?

DE OLHOS NAS OBRAS

O prefeito de Armação dos Búzios, Alexandre Martins (REP), vistoriou as obras de recapeamento da Avenida José Bento Ribeiro Dantas no Cruzeiro da Rasa nesta quinta-feira (2). A intervenção é feita em um trecho entre localidade Cruzeiro, no bairro Rasa, e o Pórtico, na sede da Secretaria de Turismo. Na ocasião, o chefe do Executivo municipal conversou com a engenheira responsável pela obra para saber detalhes da execução do projeto, que prevê calçadas, ciclovias, ciclofaixas e asfalto. A pavimentação tem aproximadamente 6km. Segundo Alexandre Martins, essa obra é uma parceria com Governo do Estado, por meio do Programa Somando Forças, que o governo conseguiu recuperar. “A técnica responsável me garantiu que até o Natal a obra estará pronta. A drenagem e manilhamento já foram finalizadas, o meio fio está sendo concluído, a próxima etapa será o asfalto em todo o trecho”, disse o prefeito.

SEGURANÇA NA PAUTA

Na semana em que um empresário de São Pedro da Aldeia sofreu uma tentativa de sequestro e na sequência de outros dois crimes dessa modalidade no município, o prefeito aldeense, Fábio do Pastel (PL), esteve com o comandante do 25° Batalhão da Polícia Militar, Coronel Bastos. O Tenente Nuno, Soldado Caldas e o secretário de Ordem Pública da cidade, José Maria Cadimo, também estiveram no encontro nesta quarta-feira (1º) para tratar da segurança do município. Foi realizada ainda, no mesmo dia, uma reunião com a Guarda Municipal para alinhamento, ouvindo os agentes e “buscando trazer clareza sobre a estratégia de valorização de cada profissional do município”.

AUDIÊNCIA PÚBLICA DO ORÇAMENTO

Ainda em São Pedro da Aldeia, a Prefeitura vai apresentar as propostas para o orçamento de 2022 em uma audiência pública nesta sexta-feira (3), às 14h, na Câmara Municipal. Além do planejamento para o próximo ano, será apresentado o Plano Plurianual do quadriênio 2022/2025. A audiência será transmitida de forma online pela página oficial da prefeitura no Facebook. O evento será aberto para a participação à distância de autoridades do município, representantes de conselhos municipais e de organizações da sociedade civil organizada, bem como para a população.

DINHEIRO PRO NATAL NÃO SOBROU
A falta de iniciativa de Rio das Ostras relacionada as decorações natalinas está incomodando os moradores que estão tecendo comentários pouco elogiosos nas redes sociais. Muitos não entendem que uma cidade com previsão de verba de cerca de R$850 milhões em 2022, e recebeu mais de R$17 milhões de royalties não consegue enfeitar a cidade para estimular as compras de natal e ano novo e ajudar a alavancar o comércio nesse período. Algumas pessoas chegaram a estar agradecendo ao SESC-RJ e a Fercomércio pela inciativa, que só teve o apoio de Rio das Ostras. A cidade não está sendo vista com ‘bons olhos’ (e a gestão de Marcelino Borba (PV) muito menos) por ter jogado a responsabilidade para os outros. De qualquer forma a pergunta sempre é: Para onde está indo toda a verba da cidade? Porque com certeza não é para a Saúde, visto os escândalos de corrupção, falta de pagamentos dos servidores e funcionários e outras vergonhas municipais. Pelo menos deveria sobrar dinheiro para umas simples luzinhas de Natal, né?

SEM FESTA EM MACAÉ

Macaé finalmente se pronunciou sobre as festividades de fim de ano. Nesta quinta-feira (02), o prefeito, Welberth Rezende (CID), divulgou nas suas redes sociais que a cidade não vai realizar shows no Réveillon e vão manter a queima de fogos de forma simbólica. É de comum conhecimento que ‘o forte’ de Macaé nunca foi turismo de eventos e lazer. Mas será que Welberth e sua gestão estão totalmente errados? O motivo é bem plausível. A publicação exalta que Macaé “é a cidade com melhor desempenho do Estado no combate a COVID-19, segundo a UFRJ. E que a Pandemia não acabou”. É um bom ponto para disfarçar a falta de aptidão turística de Macaé logo no primeiro ano da gestão. Mas está seguindo outros prefeitos da região, como Zé Bonifácio de Cabo Frio, que afirmou “não haverá fogos nem show no Réveillon”.

- Advertisement -
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Mais Lidas

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img
Pular para o conteúdo