Início Boca Miúda BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA QUARTA-FEIRA...

BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA QUARTA-FEIRA (17)

EM ALTA CONTA

O prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio (PDT), que já está recuperado após enfrentar a Covid, tomou um café e saboreou um pedaço de torta (diet, segundo ele) com alguns dedos de prosa no Suísso, na tarde desta quarta-feira (17), com o deputado Federal, Chiquinho Brazão (Avante) e na companhia do presidente da Comsercaf, Jefferson Vidal. "Tô trabalhando pra caramba e comendo pra caramba", justificou o prefeito, entre risos. Zé os recebeu um pouco antes, por volta das 15h, no gabinete da Prefeitura, quando conversaram sobre melhorias na Saúde. O parlamentar já se comprometeu em destinar R$ 2 milhões para o setor, mas a expectativa é que Chiquinho encaminhe pelo menos R$ 4 milhões até o final do ano. Jefferson Vidal disse que a conversa foi muito produtiva e que ele teve que sair antes, deixando Zé conversando mais um pouco com o deputado no tradicional estabelecimento cabo-friense, que fica bem em frente à Prefeitura.

 

 

 

'EPIDEMIA DE AGLOMERAÇÃO'

Continuando em Cabo Frio, deu o que falar a ação da Polícia Militar nas madrugadas de domingo (14) pra segunda (15) e de segunda pra terça-feira (16), que usou tropa de choque para dispersar a população que se aglomerava durante a noite na Praia do Forte. A ação, apesar de inesperada, foi elogiada por muita gente e teve repercussão nacional. O secretário de Meio Ambiente, Juarez Lopes, que fez parte da força-tarefa da Prefeitura para monitorar a cidade nesse período de Carnaval, disse que apesar dos esforços conjuntos, faltou consciência. "Isso é uma epidemia de aglomeração", nomeou ele. E que a estrutura operacional ainda tem que melhorar. "Uma cidade com uma estrutura operacional capenga para 200 mil habitantes ter que enfrentar 600 mil é difícil. É a mesma coisa que um xerife ter que enfrentar 15 pistoleiros com armas maiores que a dele", comparou. Clique aqui para ler a matéria na íntegra.

 

 

 

'CASOU ESTRANHEZA'

Ainda sobre a dispersão que a Polícia Militar fez na Praia do Forte, o prefeito José Bonifácio ficou um tanto "cabreiro" com o episódio, disse que causou estranheza o modo como a PM fez a segurança na ocasião. Zé não chegou a dizer que reprovou, mas que achou muito estranho o fato de haver várias viaturas do Batalhão de Choque. "Não abro mão da presença da Polícia Militar. No Réveillon recebemos viaturas e policiais militares de vários municípios para reforçar nossa segurança. Eles se posicionaram em pontos estratégicos da cidade, orlas, centro da cidade e outros locais, dando mais tranquilidade à população. No Carnaval, ao invés de virem com o mesmo esquema, fomos surpreendidos com uma presença ostensiva. Para o feriado da Semana Santa, o prefeito de Cabo Frio disse que quer conversar com o comandante do 25º BPM, coronel Rodrigo Ibiapina, para saber se a segurança poderá ser feita como foi no feriadão de Ano Novo. "Cabo Frio não precisa de Batalhão de Choque, pelo menos nesse tipo de ordenamento. Nessa correria de dispersão, como aconteceu nesse Carnaval, pode acontecer coisa pior", ponderou Zé.

 

 

 

ANDANÇAS DE CARNAVAL

O feriado de Carnaval foi de muito trabalho para o líder do governo na Câmara dos Vereadores de Cabo Frio, Davi Souza (PDT). Na segunda-feira (15), o parlamentar fiscalizou duas unidades de saúde, conferiu a atuação da Guarda Civil Municipal e ainda passou pela comunidade do Manoel Corrêa para fiscalizar andamentos de serviços da Prefeitura e ouvir as demandas dos moradores. “Estou colocando em prática o compromisso que firmei durante a campanha: estar do lado da população”, afirmou Souza. Foi o legítimo “Bloco do Fiscal”. 

 

 

 

VAI NA CÂMARA

O prefeito de Armação dos Búzios, Alexandre Martins (REP) pediu 15 minutos para falar na sessão da Câmara que acontece nesta quinta-feira (18), a partir das 10h. Alexandre vai falar, principalmente, sobre reforma administrativa e fazer um balanço dos 45 dias de seu governo. "Vou defender o que eu acredito. Acho importante estar ali", colocou o prefeito. Outra pauta que está prevista em sua fala é a segurança pública, tarefa que não está sendo fácil para município nenhum. "Essa é uma função do Estado, mas que está cada vez mais sendo papel do município. É CPROEIS que tem que pagar, é guarda municipal que tem que armar. A gente está atuando, mas está difícil", defendeu Alexandre.

 

 

 

QUEM AVISA AIMGO É

Ainda sobre Búzios, e conforme o prefeito Alexandre Martins (REP) anunciou em vídeo, a tolerância foi zero para os espertalhões que se arriscaram em promover e participar de festas clandestinas de Carnaval. Até os donos de clubes e boates badaladas que sempre se acharam 'acima do bem e do mal' no balneário, sentiram na pele e no bolso que o recado foi sério. Teve gente que se arriscou a pagar R$ 500 em ingresso de evento que não pode participar. Houve festinha cancelada também em casas de veraneio. Mas a força-tarefa designada pela Prefeitura deu conta e teve muita repercussão positiva. "A gente conversou muito antes, a equipe é boa e trabalhou de maneira sincronizada", elogiou. O que foi triste no fim de semana tem a ver com o episódio de latrocínio, que deixou morto o comerciante João Pimentel, a quem Alexandre Martins foi prestar a última homenagem ao participar do velório e levar condolências aos familiares. Nós aqui do Portal também sentimos muito pela perda de um trabalhador inocente. Realmente é hora de dar um basta. 

 

 

HOSPITAL DE CAMPANHA

Continuando em Búzios, o prefeito a assessoria de Alexandre Martins contou que o Hospital de Campanha para atendimento exclusivo de pacientes da Covid está quase pronto, deve ser inaugurada nesta sexta (19) ou no sábado (20). "A estrutura física está montada, falta só montar os equipamentos", segundo assessor. A lembrar, a antiga estrutura, que o governo anterior colocou, era uma mera tenda de triagem. Já essa, segundo o prefeito, está dentro dos conformes para garantir todo atendimento e até internação, com custo inferior àquela contratada pelo ex-prefeito Henrique Gomes.

 

 

 

FERIADO ORGANIZADO

Se em Cabo Frio e Armação dos Búzios o feriado prolongado de Carnaval foi abarrotado de notificações e atuações da Polícia Militar e Prefeitura, a organização de Iguaba Grande nesse sentido chamou muita atenção na Região dos Lagos. Não houve ocorrência de aglomeração na cidade e, aparentemente, os iguabenses respeitaram os decretos municipais de prevenção a Covid-19. A conscientização feita pela prefeitura de Vantoil Martins (Cidadania), parece ter sido eficaz e certeira. É uma pena que no último dia do feriado, terça-feira (16), vândalos tenham depredado parte do píer, detonando a iluminação que tinha sido arrumada para o período de Carnaval. A galera precisa ter mais respeito pelo patrimônio público, né, minha gente?

 

 

 

RAZÕES PARA COMEMORAR

Ainda em Iguaba Grande, o vereador Paulo Rito (Cidadania) completou Maricá anos de idade nesta quarta-feira (17), ao lado da família em uma cafeteria. Razões para comemorar não faltam. O último ano do parlamentar foi conturbado por causa de um tumor descoberto na perna de Rito, em meados de julho. Passada a cirurgia e a recuperação bem-sucedida, o vereador ainda teve o mandato renovado nas Eleições com 804 votos, 3º mais votado. Tem mais é que celebrar mesmo, né? Muita saúde para Paulo Rito e um feliz aniversário.

 

 

 

FERIADO COM TRABALHO

Para quem acha que feriadão de Carnaval é o momento de descansar e tirar uns dias para desacelerar, tem gente que acha que não é bem assim. É o caso da prefeita de Araruama, Lívia Bello (PP). A chefe do Executivo não parou durante os últimos dias, sobretudo no começo dessa semana e continuou cumprindo agenda de inaugurações referentes ao aniversário da cidade e visitas às obras que estão sendo tocadas no município. Na segunda-feira (15), por exemplo, foi inaugurado o Caps infantil, focado no “desenvolvimento do trabalho psicossocial” das crianças no município. No mesmo dia, a prefeita ainda visitou as obras do espaço onde funcionará o Cram, Creas e Conselho Tutelar de Araruama. O espaço será inaugurado na próxima terça (23). Além disso, tem as obras de drenagem e asfaltamento no bairro Vila Capri. Os 916 metros de asfalto serão entregues, de acordo com a Comunicação do município, já nesta quinta-feira (18). A mulher não para. Haja salto alto!

 

 

LIVE DO PASTEL

Impossibilitado na semana passada de fazer a live que havia prometido por causa de um acidente com um funcionário próximo, o prefeito de São Pedro da Aldeia, Fábio do Pastel (PODE), esperou o feriadão de Carnaval passar para realizar a transmissão. Nesta quarta-feira (17), o empresário agradeceu o funcionalismo público pelo trabalho desenvolvido nos últimos dias e prometeu realizar uma nova live na semana que vem, para fazer um balanço do governo. Dando a César o que é de César, é louvável a postura de Fábio manter um contato ativo dessa forma com o aldeense, passando a sensação de transparência e, consequentemente, segurança. Que essa moda pegue entre os prefeitos. O povo gosta e a imprensa idem.

 

 

 

REVOLTOU

O vídeo de uma moradora de Arraial do Cabo indignada por ter sido barrada na entrada do Pontal do Atalaia deu o que falar nas redes sociais neste feriadão de Carnaval. A cabista chegou a afirmar que foi proibida de entrar no local por causa da “máfia”, envolvendo os táxis, já que foi informada que só poderia ter acesso ao Pontal do Atalaia caso pagasse um táxi para subir. Em nota, a Comunicação de Arraial do Cabo disse que, atualmente, somente 140 carros podem subir o Pontal do Atalaia, independente de ser morador ou não. “O morador não paga desde que haja vaga no estacionamento. Do contrário, terá que subir de táxi e pagar a corrida”. O município afirmou que existe um TAC sendo tratado pelo Ministério Público, Inea e institutos municipais relacionados ao ambiente para ordenar o acesso e a previsão é que o termo seja definido ainda no primeiro trimestre.

 

 

 

FERIADÃO EM MARICÁ

A Prefeitura de Maricá divulgou nesta quarta-feira (17), o balanço da operação “Carnaval 2021”, realizada entre sexta-feira (12) e segunda (15). Segundo o município, foram 1.039 pessoas orientadas quanto as medidas de combate à Covid-19, 254 notificações de trânsito entregues, 12 veículos apreendidos e quatro pessoas levadas a 82ª DP. O município informou que a ação contou com 488 agentes, entre os servidores da Guarda Municipal, Seop, Proeis, Polícia Militar. O boletim também disse que 19 viaturas foram utilizadas durante os quatro dias da operação.

 

 

 

DEU RUIM

O deputado federal Daniel Silveira (PSL/RJ), foi preso em flagrante por crime inafiançável na noite de terça-feira (16). A decisão partiu direto de um ministro do STF, Alexandre de Moraes. O plenário do Supremo nesta quarta (17), inclusive manteve, por unanimidade, a prisão em flagrante do parlamentar, que também foi denunciado pela Procuradoria-Geral da República. Silveira é investigado em dois inquéritos do STF que apuram ataques aos ministros do Tribunal e notícias fraudulentas. A denúncia do Ministério Público acusa Silveira de praticar agressões verbais e graves ameaças contra ministros da corte para favorecer interesse próprio, incitar o emprego de violência e grave ameaça para tentar impedir o livre exercício dos poderes Legislativo e Judiciário e incitar animosidade entre as Forças Armadas e o STF. Apesar do fã clube bolsonarista insistir em dizer que a prisão de Silveira é por “crime de opinião”, as infrações das quais Silveira é acusado são previstas no Código Penal e na Lei de Segurança Nacional. Até dentro do próprio partido, a presença de Silveira passou a ser questionada. O presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, afirmou que as falas de Daniel não representam liberdade de expressão e disse que vai tomar todas as medidas cabíveis para que o parlamentar seja expulso do partido. Vamos ver onde isso tudo vai dar…

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -

Mais Lidas

Skip to content