Série Jovens Pianistas tem mais uma edição neste sábado (23) em Cabo Frio

O paulista Bernardo Borges se apresenta no Charitas a partir das 19h, com entrada franca

230

Cabo Frio vai receber mais uma edição da série “Jovens Pianistas”, que será realizada na Casa de Cultura José de Dome (Charitas), neste sábado (23), a partir das 19h. Este será o quinto concerto da temporada 2022, da série que foi criada em setembro de 2002 pelo diretor artístico Hasenclever da Silva Oliveira.

O pianista paulista Bernardo Borges será a atração desta que é a 95ª edição do recital. No repertório, o pianista vai tocar clássicos de Johann Sebastian Bach, Ludwig van Beethoven, Frédéric Chopin e Mily Balakirev.

Todas as apresentações da série são gratuitas e têm o objetivo de formar novas plateias, divulgar a música clássica e proporcionar oportunidades aos jovens pianistas de talento em início de carreira. No local haverá uma caixa de contribuição voluntária que será repassada integralmente ao artista. O uso de máscara de proteção facial é obrigatório.

O evento conta com apoio da Prefeitura de Cabo Frio, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e faz parte de contrapartida da lei emergencial de auxílio ao setor cultural, conhecida como Lei Aldir Blanc. Os concertos também contam com o apoio cultural do Restaurante Torres Gêmeas; Hotel La Brise; Rádio Estação 104 FM; Jornal Ponto de Vista e do afinador de pianos, Bruno Buzzacchi.

BERNARDO BORGES

Bernardo Borges Martins é filho de músicos e sempre esteve em contato com o mundo da música, tendo sido musicalizado precocemente. Aos 7 anos começou a fazer aulas de piano na escola de seu pai, com Letícia Garays Contarelli, onde teve também a oportunidade de aprender vários instrumentos.

Aos 12 anos se apresentou como pianista na orquestra de alunos da Escola Waldorf Rudolf Steiner. Aos 13 anos começou a estudar com Felipe do Val e no ano seguinte, em 2017, foi premiado com o 2° lugar no I Concurso Nacional de Piano Yamaha. Essa premiação fez Bernardo dar prioridade aos estudos de piano, sendo levado por seu instrutor a tocar para o pianista e professor Dr. Luiz Guilherme Pozzi, que recomendou que fizesse teste para integrar sua classe de piano na Escola de Música do Estado de São Paulo (Emesp), onde foi aprovado e desde então integra a classe de piano do Prof. Pozzi.

Em julho de 2020 foi premiado com o 1° lugar na IV edição do Concurso Nacional de Piano da Escola Pró-Música de Campinas, e em agosto foi agraciado com a mais alta colocação designada em seu turno no I Concurso Internacional de Piano Linda Bustani.

Em fevereiro de 2021 foi laureado com 3° lugar no Concurso Internacional de Piano do Centro Franz Liszt, de La Nucia, na Espanha e foi o ganhador do 1° prêmio em duas edições consecutivas (XXIX e XXX) do Concurso Internacional Souza Lima, em São Paulo. Em janeiro de 2022 foi aprovado para iniciar seus estudos de bacharelado no Instituto de Artes da Universidade Estadual Paulista.

O artista sustenta um repertório que abrange obras desde compositores do período barroco até composições contemporâneas, assim como peças de música de câmara e obras para piano e orquestra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui