InícioRegião dos LagosSão Pedro da AldeiaSão Pedro da Aldeia disponibiliza testes gratuitos a recém-nascidos

São Pedro da Aldeia disponibiliza testes gratuitos a recém-nascidos

Teste do pezinho, da orelhinha e da linguinha são realizados no Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher, Criança e Adolescente (PAISMCA)

A Secretaria de Saúde de São Pedro da Aldeia realiza, gratuitamente, exames direcionados aos recém-nascidos do município. São disponibilizados os testes do pezinho, da orelhinha e da linguinha. Os procedimentos auxiliam no diagnóstico precoce de algumas doenças, garantindo melhor proteção aos bebês. As avaliações são oferecidas na sede do Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher, Criança e Adolescente (PAISMCA). 

O teste do pezinho é realizado de segunda a quinta-feira, das 13h às 15h. Já os testes da orelhinha e da linguinha devem ser agendados na sede do programa.

Para ter acesso aos exames é necessário apresentar Cartão do SUS da criança, Caderneta de Vacinação, Certidão de Nascimento; documentos pessoais da mãe, além de comprovante de residência.

O Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher, Criança e Adolescente (PAISMCA) está situado na Estrada do Porto, nº 36, no Centro.

Entenda cada procedimento:

Teste do pezinho: tem a finalidade de diagnosticar e impedir o desenvolvimento de doenças genéticas ou metabólicas que podem levar à deficiência intelectual ou causar prejuízos à qualidade de vida. Por meio dele é possível diagnosticar até 50 doenças. Muitas delas não apresentam sintomas ao nascimento e podem aparecer mesmo sem casos na família. E para maior eficácia a coleta deve ser efetuada entre o 3º e 5º dia de vida do bebê.

Teste da orelhinha: procedimento obrigatório por lei que deve ser feito nos bebês para identificar alterações na capacidade auditiva do bebê. É gratuito, fácil e não machuca o bebê e deve ser realizado 48h após o nascimento até um mês de vida da criança.

Teste da linguinha: é realizado em recém-nascidos para detectar alterações do freio da língua, como a língua presa, cientificamente chamada de anquiloglossia. Também serve para avaliar a espessura e de que forma o freio da língua está fixado, além de analisar como o bebê movimenta a língua e se apresenta dificuldades para sugar o leite materno. Também deve ser feito entre 48h após o nascimento e um mês de vida do bebê.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content