Prolagos apoia prefeitura de Búzios no combate à ligação clandestina de esgoto

Irregularidades podem causar extravasamentos e danos ao meio ambiente

196

Apesar de ser a cidade com a maior cobertura de coleta de esgoto por rede separativa na Região dos Lagos, Armação dos Búzios ainda sofre com inúmeros casos de ligações clandestinas, que podem causar extravasamentos e danos ao meio ambiente. Em apoio à Prefeitura do município, a Prolagos esteve nesta quinta-feira (27), na Praia dos Ossos, auxiliando em uma operação de combate ao lançamento irregular de esgoto, uma ação coordenada pela secretaria de Obras, Saneamento e Drenagem.

Desde o início das operações para coibir esse tipo de ligações, além de ajudar na orientação da população, a concessionária também auxilia na desobstrução da rede de drenagem, com a utilização de caminhões vacol e equipe. A Prolagos também mantém uma rotina de manutenção preventiva de suas redes, com limpeza periódica. Além do Centro, essas redes exclusivas podem ser encontradas na Ferradura, Manguinhos, Geribá, e João Fernandes.

Embora o município já tenha uma das maiores coberturas no modelo separador absoluto, a Prolagos implantará nos próximos cinco anos 40 quilômetros de tubulação, um investimento de R$ 70 milhões para garantir que metade da população seja atendida por este sistema. Um projeto que prevê a migração do atual modelo de esgotamento sanitário em vigor, Coleta em Tempo Seco.

Para ampliar ainda mais o acesso a este sistema a prefeitura já estuda um projeto para viabilizar essas obras. “A Prolagos está pronta para contribuir com este projeto para acelerar a universalização dos serviços de esgotamento sanitário em Armação dos Búzios. Além de operadores do sistema, somos parceiros do município e um dos agentes que contribuem para a preservação do meio ambiente”, comentou Pedro Freitas, diretor-presidente, que, nesta semana, se reuniu com o prefeito Alexandre Martins.

Participaram ainda da reunião o vice-prefeito e secretários de Obras, Saneamento e Drenagem, Miguel Pereira, e de Ambiente, Pesca e Urbanismo, Evanildo Nascimento. Além da ampla cobertura por rede separativa, Búzios conta ainda com uma das mais modernas estações de tratamento de esgoto, instalada no bairro São José, que opera em nível terciário. A unidade conta ainda com uma estação de água de reuso (ETAR), inaugurada em 2013, a primeira do Estado do Rio de Janeiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui