InícioRegião dos LagosAraruamaÔnibus municipais de Araruama deixam de aceitar dinheiro como forma de pagamento

Ônibus municipais de Araruama deixam de aceitar dinheiro como forma de pagamento

Lei Municipal estabelece o cartão eletrônico como forma de pagamento das passagens com valor social; quem não tiver o cartão Setransol, poderá continuar pagando a passagem em dinheiro, porém, com o valor fixado em R$ 4,30

A partir desta sexta-feira (26), os ônibus municipais de Araruama deixarão de aceitar o dinheiro como forma de pagamento, de acordo com a Viação Montes Brancos. A medida é válida para as passagens com valor de tarifa social em R$ 2,50. Quem não tiver o cartão Setransol, poderá continuar pagando a passagem em dinheiro, porém, com o valor fixado em R$ 4,30.

Conforme estabelecido pela Lei Municipal 2.505, de 30 de Abril de 2021, os munícipes deverão adquirir o cartão eletrônico recarregável que garante uma tarifa mais barata, fixada no valor de R$2,50 para trajetos municipais, e que se torna o único meio de pagamento das tarifas de ônibus.

Para retirar o Cartão Tarifa Social, os moradores deverão comparecer pessoalmente na central de atendimento do Setransol, localizada na Av. Araruama, n°163 no centro da cidade, e apresentar identidade, CPF e comprovante de residência.

O atendimento é realizado de segunda a quinta, das 08h às 17h40, e nas sextas-feiras, das 08h às 16h40.

A regra é válida somente para linhas municipais. As intermunicipais, de cidade para cidade, continuam com pagamento em dinheiro normalmente.

Coordenadora de Reportagem na Portal RC24h | Site do(a) autor(a)

Pós-graduada em Jornalismo Investigativo pela Universidade Anhembi Morumbi; e graduada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Universidade Veiga de Almeida.

Atuou como produtora/repórter na Lagos TV, Coordenadora de Programação na InterTV - Afiliada da Rede Globo, apresentadora na Rádio Costa do Sol FM e editora no Blog Cutback. É repórter no Portal RC24h desde 2016 e coordenadora de reportagem desde 2023, além de ser repórter colaboradora no jornal O Dia/Meia Hora.

Vencedora do 3º Prêmio Prolagos de Jornalismo Ambiental, na categoria web.

- Advertisement -
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Mais Lidas

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -
- Advertisement -spot_img
Pular para o conteúdo