Mulher é agredida com garrafada no rosto em beach bar de Cabo Frio

Ocorrência aconteceu na madrugada deste sábado (16), no restaurante Kabôa, no bairro São Bento

3884

Uma mulher, identificada como Luana, postou nas redes sociais, durante a madrugada deste sábado (16), que foi agredida com uma garrafada no rosto dentro do restaurante e beach bar Kabôa, no bairro São Bento, em Cabo Frio. Em seu relato, ela conta que o empreendimento não ofereceu auxílio, além de ter cobrado os drinks mesmo que estivesse ensanguentada. Além disso, afirmou que a agressora estava bêbada e arrumando briga com várias pessoas.

A motivação, segundo relata em seu instagram e facebook, foi por ter tentando separar uma briga entre uma mulher, que estava derrubando bebida em outras pessoas, e seu amigo. Foi durante este momento em que, uma das acompanhantes da jovem envolvida na briga atirou uma garrafa de vidro em seu rosto. “Dois centímetros a mais e a garrafa que ela quebrou iria pegar no meu olho (…)”, enfatiza. A identidade da agressora não foi divulgada.

Diante do caso, Luana critica a falta atitude do empreendimento em que se encontrava. “Pior dia da minha vida! Kabôa, como vocês deixam vários caras velhos e mulheres bêbadas continuarem no local mesmo querendo arrumar briga com todo mundo? Acabaram com a minha vida, sendo que fui separar briga. Só queria curtir e sair, agora não sei nem o que fazer! Ainda queriam que eu pagasse o que eu bebi lá dentro, dois drinks horríveis, sendo que eu estava toda ensanguentada. Não ofereceram nenhum suporte! Isso nunca aconteceu comigo, já fui para vários lugares e sempre curti na moral. (…) Vocês esperam o pior acontecer e aconteceu! (…) Já estou indo à delegacia fazer os procedimentos e entrar em contato com advogado!”, contou em uma publicação.

Além disso, a vítima disse que “espera que o Kabôa tome as medidas cabíveis, pois ela irá tomar. Informou, ainda, que tem o rosto e nome de todos os agressores”. “Não estava bêbada e estava curtindo na minha. Nunca na minha vida pensei que isso fosse acontecer, acabaram com a minha vida”, publicou.

O Portal RC24h entrou em contato com as partes envolvidas e, até a publicação desta matéria, não obteve retorno.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui