InícioBalanço PolicialMiliciano acusado de provocar morte de menina de 9 anos é preso...

Miliciano acusado de provocar morte de menina de 9 anos é preso em Cabo Frio

Em Araruama, corpo é encontrado com marca de tiro; e três mulheres são presas por tráfico em São Pedro da Aldeia

Policiais civis da Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA) prenderam, no sábado (10), um integrante de uma milícia de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, acusado de envolvimento na morte de Ana Cristina Pacheco, de apenas 9 anos. O crime ocorreu em abril de 2019. Wesley Muniz Pollete, de 38 anos, e outros comparsas perfuravam um duto de combustível, em Duque de Caxias, quando houve um vazamento. A menina caiu dentro do poço de gasolina quente, tendo 80% do corpo queimado. Ela faleceu um mês depois.

O criminoso foi localizado em Cabo Frio, após trabalho de inteligência e monitoramento. Segundo as investigações, o indivíduo é extremamente perigoso e possui diversas passagens criminais, como homicídios, formação de quadrilha e furtos de combustível. Ele é acusado, ainda, de atentar contra a vida de policiais civis após uma tentativa de prisão, em fevereiro de 2020, reagindo com disparos de arma de fogo e fugindo ao cerco policial.

Conforme os agentes, para realizar a prisão foi utilizada uma embarcação para efetuar a abordagem em Cabo Frio. Desta forma, os policiais minimizaram todos os riscos com planejamento e ação cirúrgica.

Corpo com marca de tiros é encontrado em Araruama

O corpo de um rapaz foi encontrado na tarde de domingo (11) no bairro Engenho Novo, em Araruama.

Segundo a ocorrência, a vítima estava sem camisa e vestindo apenas um short vermelho e aparenta ser um jovem. Ele foi atingido por disparo de arma de fogo.

O corpo foi removido para o IML e a ocorrência registrada na 118 DP.

Três mulheres são presas por tráfico em São Pedro da Aldeia

Três mulheres foram presas neste final de semana no bairro Balneário, em São Pedro da Aldeia, durante um patrulhamento da Polícia Militar.

Os agentes avistaram um grupo com comportamento suspeito na Rua Pureza, e, ao realizar a abordagem, elas estavam com uma sacola contendo 43 trouxinhas de maconha e dois pinos de cocaína.

As mulheres foram encaminhadas para a delegacia e uma quantia de dinheiro foi localizada nas partes íntimas de uma das suspeitas.

Elas foram autuadas e vão responder pelo crime de tráfico de drogas.

Letycia Rocha
Graduada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Universidade Veiga de Almeida. Atuou como produtora/repórter na Lagos TV e Coordenadora de Programação na InterTV - Afiliada da Rede Globo. Colabora no jornal O Dia e Blog Cutback.
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content