InícioRegião dos LagosMaricáMARICÁ/ Vermelhinhos vão circular de Jaconé ao Recanto

MARICÁ/ Vermelhinhos vão circular de Jaconé ao Recanto

A partir do dia 5 de março começam a circular as novas linhas dos vermelhinhos nos distritos de Inoã e Itaipuaçu, ampliando a circulação do transporte público gratuito oferecido pela Prefeitura de Maricá, através da Empresa Pública de Transportes (EPT) para todos os distritos do município. Dentre as novas rotas, Itaipuaçu contará com duas novas linhas, ambas com início na Praça do Ferreirinha (São Bento da Lagoa). 

Uma será a Praça do Ferreirinha (Circular), que ligará a localidade de São Bento da Lagoa à Rua 128, no Jardim Atlântico Leste, passando pelo Barroco e Rua 34. Já a a segunda linha, será a Praça do Ferreirinha X Itaocaia Valley, também circular, que passará pelo Barroco, Estrada de Itaipuaçu e seguindo pela Avenida Itaocaia Valley. Os horários, itinerários e todas as linhas estarão disponíveis no site da empresa e no aplicativo, a partir da próxima semana.

“Essa ampliação dos vermelhinhos, após algumas questões procedimentais, esperamos passar das atuais 21 mil pessoas transportadas por dia para 50 mil diariamente” , afirmou Celso Haddad, presidente da EPT.

Além do início da operação em Inoã e Itaipuaçu, as linhas da EPT que circulam no primeiro distrito (Centro) e no segundo distrito (Ponta Negra) passarão por uma reformulação a partir de 25 de fevereiro, buscando otimizar o transporte gratuito do município. Algumas rotas terão alterações do seu itinerário e numeração; outras serão divididas, originando novas linhas.

No momento em que os ônibus circularão pelos quatro distritos da cidade, as bicicletas gratuitas — as Vermelhinhas — entrarão em atividade nas cinco primeiras estações. O meio de transporte é importante por ser uma forma de deslocamento sustentável, além de uma ferramenta de integração modal.

“Com o início da operação dos Vermelhinhos em todo o município em 05 de março e a liberação das primeiras estações das bicicletas Vermelhinhas no mesmo dia, esperamos que a população utilize esses meios de transporte como forma de integração ao deslocarem-se aos seus trabalhos e às suas residências. Todo o projeto é, também, atento à sustentabilidade e preocupado em facilitar o acesso dos maricaenses de uma ponta a outra do município” , completou Celso Haddad.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content