InícioCovid-19Maricá inicia vacinação contra a gripe

Maricá inicia vacinação contra a gripe

A vacinação contra Influenza será feita nas 24 Unidades de Saúde da Família (USF) no horário das 8h às 17h

A Prefeitura de Maricá iniciou nesta quarta-feira (14) a vacinação da H1N1, contra o vírus Influenza, para os grupos prioritários, formado por crianças de 6 meses e menores de 6 anos, trabalhadores da saúde, gestantes, puérperas até 45 dias e indígenas receberão a primeira dose. A cidade recebeu inicialmente um lote de 4.900 doses do imunizante, quantidade considerada abaixo do necessário para imunizar o público-alvo da campanha no município.

A vacinação contra Influenza será feita nas 24 Unidades de Saúde da Família (USF) no horário das 8h às 17h, é importante ter em mãos o cartão de vacinação, principalmente das crianças, além de um documento de identidade.

No Posto de Saúde Central, no Centro, a procura foi grande neste primeiro dia de imunização. A dona de casa Viviam Cristina, de 16 anos, mãe da Sophia Manuella, de um ano, levou a pequena para vacinar.

“Aproveitei a consulta com o pediatra para já vacinar a minha filha. Nesse momento, quanto menos sair de casa, melhor. Ainda mais com criança”, afirmou a mãe.

Integrante do grupo prioritário, a técnica de Enfermagem, Wanessa Carneiro, de 41 anos, tomou a vacina e aproveitou para ressaltar que é muito importante os profissionais ficarem atentos e não perderem a vacinação. “A gente precisa ficar atento e tomar a vacina da gripe, já somos linha de frente e quanto maior a prevenção, melhor”, ressaltou.

Outro profissional da Saúde que recebeu a vacina foi o dentista Osmar César Rosa, de 61 anos, que atende na Unidade de Saúde da Família, em Ponta Grossa, foi um dos primeiros a tomar a vacina contra gripe na USF.

“Todas as vacinas são importantes e a da gripe nesse momento tem um peso maior, já que os sintomas são parecidos com a de Covid”, relatou.

Vale ressaltar que a orientação do Ministério da Saúde para quem já tomou doses da vacina contra a Covid-19 é a de deixar um intervalo mínimo entre a aplicação dos dois tipos de vacina.

“São necessários 15 dias entre a aplicação da segunda dose e a vacina da Influenza. O mesmo número de dias para iniciar a vacina Covid-19, após fazer qualquer vacina. A pessoa também não pode estar sentindo qualquer sintoma de uma síndrome respiratória” alerta a subsecretaria de Saúde de Maricá, Solange Oliveira.

Etapas

A campanha de vacinação contra o vírus Influenza está dividida em três etapas:

1ª etapa – (14/04 a 10/05) – crianças de 6 meses e menores de 6 anos, gestantes, puérperas, povos indígenas, trabalhadores da saúde.

2ª etapa – (11/05 a 08/06) – idosos com 60 anos ou mais e professores.

3ª etapa – (09/06 a 9/07) – pessoas com comorbidades, com deficiência permanente, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo rodoviário, passageiros urbanos e de longo curso, trabalhadores portuários, força de segurança e salvamento, forças armadas, funcionários de sistema de privação de liberdade, população privada de liberdade e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content