MARICÁ/ Campeonato Internacional de Bodysurf termina neste domingo (10)

Evento conta ainda com aulas gratuitas de yoga, oficinas de bodysurf, beach tennis e defesa pessoal. As atividades vão até às 17h

199

Este domingo (10) é o último dia do Campeonato Internacional de Bodysurf, na Praia de Cordeirinho, em Maricá, que conta com diversas atrações.

Além do campeonato, o público pode participar de aulas de yoga, de bodyboard, de beach tennis, oficinas de bodysurf com a referência internacional Kalani Lattanzi, e de defesa pessoal com o ex-lutador de artes marciais Thales Leites, que já competiu com o lutador de MMA Anderson Silva. As atividades vão até às 17h.

O secretário de Turismo, Robson Dutra, falou sobre a importância de trazer grandes eventos para Maricá. “Atrações como essas são um diferencial da nossa cidade, porque a Prefeitura proporciona para a população a experiência de assistir e participar de grandes eventos”, afirmou.

Um dos organizadores do evento, Gustavo Villar, mencionou a beleza natural da cidade de Maricá como um dos principais atrativos de público. “É maravilhoso poder trazer um evento desse paras as pessoas, principalmente nesse período em que estamos carentes de atrações, diversão e alegria. Quando acabar o evento, desejo que fique uma lembrança boa e algo positivo para a cidade que nos acolheu tão bem”, contou.

Atleta convidado

Ex-lutador de MMA, Thales Leites foi o convidado para passar seus conhecimentos aos jovens participantes. “Estar de eventos assim é sempre bom porque, além das artes marciais trazerem todos os benefícios que conhecemos como a autoestima e a socialização, o aluno aprende a se defender, a ter autoconhecimento e se torna uma pessoa mais calma”, disse o ex-atleta que possui 38 lutas no seu currículo.

Participante do campeonato, Maurus Ismael, de 22 anos, aproveitou a oportunidade para pegar umas dicas de defesa pessoal com o ex-atleta. “É gratificante participar de uma aula que muita gente não tem a oportunidade vivenciar, principalmente com uma pessoa que é referência no MMA. Isso é muito bom para a juventude e ainda incentiva a prática do esporte”, declarou.

Disputa do campeonato

Ao todo, foram 85 competidores inscritos e divididos em cinco categorias: sub-14; sub-18, open (qualquer idade), feminino, handsurf (pranchas de mão) e máster. Na competição, quatro atletas entram na água simultaneamente com o tempo máximo de 15 minutos para surfar melhor onda. Entre os critérios avaliados pelos juízes, estão a criatividade da manobra, o desempenho do competidor e o tamanho da onda. Os quatro finalistas ganharão camisa e boné e o vencedor conquistará um prêmio especial.

Confira a programação deste domingo (10):

7h – Aulão de Yoga
8h – Campeonato de Bodysurf
10h – Campeonato de altinha / Clínica de Beach Tennis
14h – Seminário de Jiu- Jitsu
15h – Oficina de Bodyboard
15h – Finais de campeonato- 2ª fase
17h – Entrega de medalhas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui