Linhas de ônibus da Salineira param de circular a partir de 9 de maio em São Pedro da Aldeia

Empresa enviou nota sobre o encerramento do serviço nesta segunda-feira (25). Prefeito estuda alternativas, como ter frota própria ou abrir nova licitação para empresas

1521

A partir do dia 9 de maio, daqui a duas semanas, a viação São Pedro, da Salineira, para de circular na cidade. A informação foi dada por meio de nota (leia na íntegra ao final da matéria), na manhã desta segunda-feira (25). O motivo, segundo a Salineira, é que ficou inviável financeiramente de manter os serviços na cidade.

“Infelizmente, devido à falta de planejamento dos últimos governos para a mobilidade urbana da cidade, a Viação São Pedro vem sofrendo com uma concorrência desleal e predatória que tornou real, primeiramente, a necessidade de readequação de linhas e horários, com o objetivo de tornar possível, a continuação dos serviços prestados, priorizando a qualidade e a eficiência do transporte coletivo que atende às zonas rurais e urbanas da cidade. O efeito da pandemia agravou ainda mais a situação da empresa causando uma diminuição drástica no número de passageiros, o que comprometeu seriamente o sistema que possui altos custos”, diz um trecho da nota.

O Portal entrou em contato com a Prefeitura e aguarda um posicionamento sobre qual será a solução para a população que depende do transporte público.

O problema da suspensão da circulação dos ônibus já vinha sendo objeto de discussão há meses, inclusive a previsão anterior era de que as linhas seriam encerradas já no fim de abril, quando vence o contrato com a empresa, mas o prefeito Fábio do Pastel (PL) conseguiu mais dez dias. “O assunto não foi deixado de lado não, estou cuidando disso de perto”, disse ele, em recente entrevista à coluna Boca Miúda, completando que todas as possibilidades estão sendo estudadas.

Entre as alternativas, o chefe do executivo aldeense estuda com sua equipe a possibilidade do município ter sua frota própria de ônibus para atender a população. Uma outra opção seria abrir nova licitação para outras empresas de ônibus e concessão de transporte alternativo (vans). “A população não vai ficar sem transporte público em São Pedro da Aldeia”, garantiu Pastel, na ocasião.

NOTA DA SALINEIRA

Há algumas décadas, a Viação São Pedro iniciou as atividades no município de São Pedro da Aldeia, sendo por muitos anos, a principal indutora de desenvolvimento, ao trazer empregos, renda e acesso dos bairros ao centro da cidade. A empresa se tornou um verdadeiro patrimônio do município, ao investir em uma frota moderna e confortável, renovada a cada 2 anos em média; bilhetagem eletrônica, sendo pioneira da implantação que substituiu o vales de papel no Estado do Rio de Janeiro e acessibilidade em todos os ônibus para atender os portadores de necessidades especiais.

Infelizmente, devido a falta de planejamento dos últimos governos para a mobilidade urbana da cidade, a Viação São Pedro vem sofrendo com uma concorrência desleal e predatória que tornou real, primeiramente, a necessidade de readequação de linhas e horários, com o objetivo de tornar possível, a continuação dos serviços prestados, priorizando a qualidade e a eficiência do transporte coletivo que atende às zonas rurais e urbanas da cidade. O efeito da pandemia COVID-19 agravou ainda mais a situação da empresa causando uma diminuição drástica no número de passageiros, o que comprometeu seriamente o sistema que possui altos custos.

Foram realizados esforços diários e constantes para resgatar a empresa, como reuniões com o Poder Concedente Municipal, associações de moradores e outros representantes, porém, a crise instaurada no transporte coletivo de passageiros em todo o país, também, reflete gravemente no município aldeense, e tornou lamentavelmente, inviável, a sobrevivência do sistema que atendia aos usuários pagantes e não-pagantes.

Sendo assim, o pequeno número de passageiros pagantes inviabilizou a manutenção do padrão de qualidade da empresa. É com pesar, que a Viação São Pedro, vem respeitosamente, comunicar aos seus clientes, autoridades e imprensa, o encerramento das atividades na cidade de São Pedro da Aldeia, a partir da zero hora, do dia 9 de maio de 2022.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui