InícioRegião dos LagosCabo FrioJustiça mantém a prisão preventiva do 'Faraó dos Bitcoins' por envolvimento em...

Justiça mantém a prisão preventiva do ‘Faraó dos Bitcoins’ por envolvimento em tentativa de homicídio

Glaidson foi denunciado no dia 13 de dezembro pelo Ministério Público do Rio de Janeiro sob a acusação de ter ordenado o homicídio de Nilson

Glaidson Acácio dos Santos, conhecido como o “Faraó dos Bitcoins”, vai continuar preso pela acusação de envolvimento na tentativa de homicídio, junto mais cinco pessoas, contra Nilson Alves da Silva, um dos concorrentes, em 20 de março deste ano, em Cabo Frio.

O desembargador Luiz Zveiter, da 1ª Câmara Criminal do TJ do Rio, negou, neste domingo (19), pedido de habeas corpus ajuizado pela defesa de Glaidson e manteve a prisão preventiva do acusado.

Glaidson foi denunciado no dia 13 de dezembro pelo Ministério Público do Rio de Janeiro sob a acusação de ter ordenado o homicídio de Nilson.

O “Faraó” foi preso em agosto na Operação Kryptos, deflagrada pela Polícia Federal em conjunto com o Ministério Público Federal e a Receita Federal com objetivo de desarticular organização criminosa responsável por fraudes bilionárias envolvendo criptomoedas.

*Com informações dO GLOBO.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content