InícioRegião dos LagosInvestimentos em saneamento básico reduzem internações e gastos com a saúde

Investimentos em saneamento básico reduzem internações e gastos com a saúde

Prolagos já investiu mais de R$1,4 bilhão em saneamento

A pandemia da Covid-19 ressaltou o quanto é essencial o ato de lavar as mãos. Investir não só em água, como também em esgoto tratado, é indispensável para prevenir essa e outras doenças. A Organização Mundial da Saúde (OMS) aponta que para cada R$1,00 investido em saneamento há uma economia de R$4,00 em saúde pública.

Das enfermidades relacionadas ao saneamento, as diarreias representam mais de 80% dos casos, sendo responsáveis por cerca de 40% das internações hospitalares em crianças menores de 5 anos no mundo, segundo o Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e a OMS.

“O início da saúde está ligado ao saneamento básico. Isso engloba coleta de esgoto e principalmente o abastecimento de água, que permite que diversas doenças como hepatite, disenterias, amebíase, cólera, tifo, que tem veiculação pela ingestão de água contaminada ou pelo uso recreativo em locais onde a água não é tratada, sejam evitadas” – explica o médico sanitarista, Beto Nogueira.

Na Região dos Lagos, as cidades de Arraial do Cabo, Armação dos Búzios, Cabo Frio, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia, a Prolagos, uma empresa da Aegea Saneamento, já investiu mais de R$1,4 bilhão ao longo de 23 anos de atuação, representando mais que o dobro de investimentos realizados por habitantes, do que a média nacional, de acordo com o Instituto Trata Brasil. Neste período, a concessionária triplicou o fornecimento de água potável, passando de 30% para 98%, e saltou 0 para 80% o tratamento do esgoto.

Os reflexos dos investimentos em saneamento básico já podem ser percebidos na saúde dos municípios. Dados do Ministério da Saúde indicam que a taxa de mortalidade por diarreias é reduzida nas cidades, sendo zero em quase todos os anos.

“Trabalhamos incansavelmente todos os dias, levando saneamento básico para milhares de pessoas. Somos movidos pelo propósito de proporcionar qualidade de vida, bem-estar e saúde para a população da Região do Lagos por meio dos nossos serviços. Nesta semana em que celebramos o Dia Mundial da Saúde (7 de abril) reforçamos o nosso compromisso de cuidar da água e de levar saneamento para as famílias. Afinal, cuidar da saúde é da nossa natureza” – fala José Carlos Almeida, diretor executivo da Prolagos.

Letycia Rocha
Graduada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Universidade Veiga de Almeida. Atuou como produtora/repórter na Lagos TV e Coordenadora de Programação na InterTV - Afiliada da Rede Globo. Colabora no jornal O Dia e Blog Cutback.
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content