InícioRegião dos LagosMacaéHostel no Sana é notificado pelo Conselho Veterinário por castração ilegal de...

Hostel no Sana é notificado pelo Conselho Veterinário por castração ilegal de animais

Vizinhos relataram o óbito de diversos animais após a realização das intervenções cirúrgicas em condições precárias

O Conselho Regional de Medicina Veterinária do Rio de Janeiro (CRMV-RJ) interviu e notificou, recentemente, um hostel localizado em Arraial do Sana, distrito de Macaé, por permitir a realização de ovariosalpingohisterectomias (OSHs) e orquiectomias em cães e gatos, conhecidas popularmente como castrações, em condições higiênico sanitárias precárias.
Segundo o CRMV-RJ, as intervenções cirúrgicas aconteciam em um hostel, sem registro no CRMV-RJ, logo em desacordo com ao mínimo exigido pela Resolução CFMV nº 1275/2019.
“Vários animais foram submetidos às castrações, que aconteciam em ambiente aberto e sobre uma mesa de madeira forrada, de forma totalmente insalubre. Vizinhos relataram o óbito de diversos animais após a realização destas intervenções cirúrgicas”, afirmou o órgão fiscalizador.

Ainda de acordo com o Conselho, além do hostel não possuir registro no CRMV-RJ – sendo assim, um ambiente clandestino – fotos recebidas de protetores revelam médicos-veterinários sem paramentação, ou seja, sem vestimentas adequadas, como uniforme e os EPIs (propés, touca, jaleco e máscara).

“O Conselho repudia e se indigna com tamanha conivência e participação dos profissionais envolvidos, maculando o bom nome da Medicina Veterinária”, ressaltou o CRMV-RJ.

Denúncias adicionais revelaram que “leigos” também realizavam tais cirurgias


“Estamos de posse dos nomes dos profissionais envolvidos e os mesmos serão requisitados para que compareçam a sede da autarquia para prestar maiores esclarecimentos que podem culminar com a abertura de processo ético. Estamos adicionalmente informando a Vigilância Sanitária, Secretaria Municipal de Saúde e Secretaria Municipal de Fazenda para que reveja a concessão do alvará deste hostel, já que houve a realização de cirurgias junto a hóspedes, em um ambiente totalmente inapropriado”, informou o Conselho.

*Com informações do O Dia

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content