Espaço Cultural do Surfe é reaberto com homenagens em Cabo Frio

Cerimônia de reinauguração do local, agora repaginado e em funcionamento, celebrou a história de Telmo Moraes e Victor Ribas

597

Os amantes do surfe voltaram a ter um local de contemplação à história da modalidade em Cabo Frio. Em cerimônia na noite desta quarta-feira (2), o Espaço Cultural do Surfe foi finalmente reaberto após longo período sem funcionar. O local foi repaginado e agora tem um novo formato de exposição, contando cronologicamente sobre a evolução do surfe até os dias atuais.

A celebração foi marcada por duas grandes homenagens: a primeira foi para Telmo Moraes, falecido em 2018, que foi o idealizador do espaço e dono de todo o acervo. O surfista Victor Ribas foi o outro homenageado, que teve sua estátua restaurada e reinstalada em frente ao espaço, em um jardim recém construído pela Prefeitura.

A solenidade de reabertura contou com a presença do prefeito José Bonifácio. Ele convidou o ex-prefeito Marquinho Mendes, que inaugurou o Espaço do Surfe em 2012, e o ex-prefeito Alair Corrêa, que inaugurou a estátua de Victor Ribas em 2003. O diretor financeiro da Alerj, Janio Mendes, também participou da cerimônia. Em seu discurso, Bonifácio agradeceu pela presença dos convidados, entre eles membros da família de Telmo Moraes.

“Estamos apenas reconhecendo e relembrando momentos importantes da história e da vida da cidade, porque nada disso se apaga. O nome do local onde está instalado o Espaço não é Praça da Cidadania à toa, pois é o local que temos que dar exemplo e exercer a cidadania. Por isso convidei os prefeitos que já passaram por aqui e gostaria apenas de agradecer a todos por este momento marcante”, afirmou José Bonifácio.

A coleção do Espaço Cultural do Surfe abriga mais de 2.500 peças, entre itens decorativos, pranchas de surfe, bodyboard e longboard, skates, pôsteres, quadros e miniaturas, entre outros objetos que vão desde a década de 1950 até os dias atuais. O espaço também engloba técnicas sobre a fabricação das pranchas, entre outras informações.

Localizado em frente ao Teatro Municipal Inah de Azevedo Mureb, o funcionamento agora acontece de quinta a domingo, das 17h às 20h. Em todos os dias de funcionamento, o público poderá participar de uma visita guiada com Victor Ribas, sempre às 18h.

“É um momento muito especial para todos nós, de podermos realizar a reabertura deste espaço maravilhoso. O Victor Ribas além de homenageado vai trabalhar com a gente. De quinta a domingo ele estará monitorando todos os visitantes que desejam aprender um pouco mais sobre a história do surfe na cidade”, explicou o secretário de Turismo, Esporte e Lazer, Carlos Cunha.

No fim da cerimônia, em atividade da programação da Semana Municipal do Surfe, que é lei em Cabo Frio desde 19 de fevereiro de 2021, Victor Ribas entregou um troféu ao atleta cabo-friense Pablo Gabriel, de 12 anos, que é uma das promessas do surfe brasileiro.

“São muitos motivos de felicidade em um dia só. Estou muito contente em poder entregar esse troféu ao Pablo e reinaugurar essa estátua em minha homenagem, junto da reabertura do Espaço Cultural do Surfe. Quando me perguntaram onde eu gostaria que a estátua fosse recolocada não hesitei, porque foi exatamente aqui que cresci. Só tenho a agradecer a todos que fizeram parte deste processo. O surfe de Cabo Frio nunca vai morrer”, declarou Victor Ribas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui