InícioRegião dos LagosMaricáCom onda de frio, Maricá reforça arrecadação de agasalho e abre abrigo...

Com onda de frio, Maricá reforça arrecadação de agasalho e abre abrigo emergencial

A ação de acolhimento foi realizada nos bairros de Ponta Negra, Cordeirinho, Centro, Mumbuca, São José de Imbassaí, Inoã e Itaipuaçu

Devido às baixas temperaturas que estão atingindo Maricá desde quarta-feira (28), serão realizados até o próximo 1º de agosto, plantões de acolhimento às pessoas em situação de rua nos bairros da cidade, com o objetivo de encaminhá-las, emergencialmente, ao antigo endereço da Casa Abrigo Ernani Gomes Duarte (Rua Tenente Coronel Aviador Roberto de Souza Machado, n° 18, Araçatiba), que recentemente passou por reformas e será entregue à população oficialmente no próximo mês.

A ação de acolhimento foi realizada nos bairros de Ponta Negra, Cordeirinho, Centro, Mumbuca, São José de Imbassaí, Inoã e Itaipuaçu.

Para a ação de acolhimento e distribuição de agasalhos foram mobilizadas equipes do Serviço Especializado em Abordagem Social (SEAS).  De acordo com o secretário de Assistência Social, Jorge Castor, a participação da população é essencial para o sucesso da iniciativa. “É importante que as pessoas doem nos polos de recolhimento agasalhos em bom estado sempre que possível, já que a população em situação de rua precisa continuamente de casacos e mantas, principalmente em um momento como esse, de drástica diminuição na temperatura. Além disso, faremos os plantões pela cidade até domingo, buscando e acolhendo as pessoas em situação de rua que aceitem ir ao abrigo emergencial”, destacou.

Na primeira ação, realizada na noite de quarta-feira (28), 18 pessoas foram encaminhadas ao abrigo, enquanto nesta quinta-feira (29) o local abrigou 26 pessoas. Além disso, o Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop) mecanismo dedicado à proteção social de pessoas que se encontram em situação de rua, abriga essa população diariamente até às 18h, oferecendo alimentação, higienização e diversos atendimentos. O local fica na Rua Fúlvio Chebabe Guida, n° 32, Centro, e realiza também a entrega de agasalhos às pessoas em vulnerabilidade arrecadados pela campanha “Maricá Solidário”.

Quem recebeu o agasalho ficou aliviado. Para o frequentador do Centro Pop e morador de rua, Júlio César Fontoura, 50 anos, esse projeto ajuda os grupos que precisam de um agasalho nesse tempo. “É um projeto que incentiva as pessoas a doarem seus agasalhos e cobertores para nós que estamos precisando. Graças ao abrigo eu tive uma noite quente, segura e tomei um banho quentinho nesse frio”, atesta.

“Fiz tratamento durante um tempo no Centro POP e eles sempre me trataram muito bem, agora com as doações desses cobertores e agasalhos várias pessoas estão amenizando o frio”, disse Bruno Lobão, 49 anos, morador do bairro de Ponta Negra e frequentador do Centro POP.

Para Tadeu Henrique Oliveira, que utiliza a rua como espaço de moradia, o Centro POP e o local que forneceram para abrigá-lo nesse período frio são essenciais para ajudá-lo. “Sou extremamente grato pelo espaço e pelo apoio que recebo”, disse.

A funcionária Vânia dos Santos e os donos do estabelecimento ‘Estação mais Sabor’, que acolhem Tadeu Oliveira durante o dia, disseram que no horário de funcionamento do estabelecimento, se tornaram uma Rede de Apoio, e ressaltam que todos só precisamos de oportunidades. “Seu Tadeu apareceu aqui e fomos acolhendo. Ele é uma pessoa super tranquila e do bem. Todos só precisam de oportunidades e de ajuda”, declarou.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content