InícioEconomiaCartões do Supera RJ são entregues aos beneficiários com nomes iniciados de...

Cartões do Supera RJ são entregues aos beneficiários com nomes iniciados de B a E, em São Pedro

Contemplados podem consultar listagem nos CRAS, CREAS e Bolsa Família para verificar se estão aptos a receber o benefício

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH) de São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos, entregará, a partir desta segunda-feira (23), os cartões do Programa Supera RJ do Governo do Estado aos beneficiários com nomes iniciados com as letras de B a E. O documento deve ser retirado na sede da secretaria, que fica na Rua Hermógenes da Costa, 19, no Centro, das 9h às 16h, até a próxima sexta-feira (27). Os contemplados devem apresentar documento de identificação com foto e CPF. 

O programa estadual é uma iniciativa que oferece auxílio emergencial de renda para os cidadãos em estado de vulnerabilidade econômica. O objetivo é auxiliar a população no atual período de enfrentamento da crise econômica ampliada pela Covid-19. A ação está sendo implementada no município pela prefeitura, que é parceira na entrega dos cartões. A listagem dos beneficiados pode ser consultada nos CRAS, CREAS e na sede do Bolsa Família. 

Quem tem direito 

São contemplados pelo programa os cidadãos inscritos no Cadastro Único de Programas Sociais (CadÚnico) com renda familiar per capita igual ou inferior a R $178,00 sem vínculo empregatício no momento e que não estejam recebendo Bolsa Família nem auxílio-emergencial. As pessoas que ficaram desempregadas em meio à pandemia também têm direito ao auxílio.  

Como funciona 

O programa consiste em um auxílio de até R $300,00. O valor inicial é de R $200,00 e pode ser acrescido de R $50,00 por filho, até o máximo de dois filhos. Sendo assim, os valores são de R $250,00 para quem tem um filho e R $300,00 para quem tem dois filhos ou mais. O pagamento do benefício é feito por meio do cartão do programa. A previsão de repasse é até dezembro deste ano, podendo ser prorrogado de acordo com a situação da pandemia.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content