BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA TERÇA-FEIRA (22)

Câmara de Iguaba Grande aprova Caboclinho e reajuste do funcionalismo municipal; Salineira vai retirar ônibus de São Pedro e Fábio do Pastel vai à justiça; Câmara aldeense aprova reajuste do magistério; Vereadora de Araruama diz que foi ameaçada de morte; Sai novo decreto em Cabo Frio e Câmara discute Américo Vespúcio; Miguel Pereira faz reunião sobre Operação Carnaval; Marcelo Magno reúne secretários sobre próximo feriadão... E muito mais!

1190

LEGISLATIVO APROVA PAUTAS IMPORTANTES EM IGUABA

A coluna Boca Miúda desta terça-feira (22) começa por Iguaba Grande, porque o parlamento trabalhou hoje com duas pautas que deixou a todos bastante entusiasmados, foram aprovações importantes para o município. Uma foi a moeda social Caboclinho, aprovada por unanimidade, e a outra, a data-base do servidor público municipal. Nesta, a proposta aprovada foi um reajuste de 14,58% para todos os servidores, que já cai na folha de pagamento de fevereiro. Segundo o vereador Luciano Silva (CID), líder do governo na Câmara, o prefeito Vantoil Martins (CID) está correndo contra o relógio para pagar antes do Carnaval, e todo mundo sair com um dinheiro a mais no bolso. “Vantoil sempre compromissado com o servidor. Ele quer que esse aumento esteja na conta antes do Carnaval”, destacou.

APROVADA POR UNANIMIDADE

Luciano Silva fez questão de salientar que, conforme ele havia antecipado e estava articulando, o PL da Caboclinho foi aprovada por unanimidade e nesse caso também existe uma corrida contra o tempo para que comece a funcionar e ajude a população. Ele destacou que o vereador Alan Rodrigues deu importante contribuição, com a emenda que garante a inclusão da gestante e que ela seja priorizada na hora de receber a moeda social. Na sessão, o líder pediu, gentilmente, que a gente citasse nominalmente os vereadores que auxiliaram na empreitada dessa noite, os quais merecem dividir os louros desse momento. “A Câmara mostrou comprometimento. Apesar da independência dos poderes, os vereadores foram parceiros por entender a importância dos dois PLs”, disse. Além dele e de Alan, contribuíram para a aprovação Balliester Werneck (CID) – presidente da Casa, Marcelo Durão (PL), Paulo Rito (CID), Marciley Lessa (PL), Roberto Antunes (MDB), Junior Bombeiro (MDB), Tikinho (DEM), Elifas Ramalho (PP) e Junior Negão (PATRI).

SALINEIRA VAI RETIRAR ÔNIBUS E PREFEITURA VAI À JUSTIÇA

A prefeitura de São Pedro da Aldeia está com um tremendo dum abacaxi pra descascar, um déjà vu que ninguém queria, principalmente os usuários de transporte público. É que a Salineira entrou com liminar para retirar de circulação os ônibus da Viação São Pedro (de novo) a partir de sexta-feira (25), véspera de Carnaval. Segundo fontes da coluna, a alegação da empresa é a mesma, que não compensa financeiramente circular por lá, mesmo depois que os servidores passaram a pagar com cartão da empresa ao invés de dinheiro; isso não foi suficiente. A procuradoria-geral do município disse que vai entrar nessa briga para impedir que a empresa faça essa movimentação, no mínimo covarde, em pleno início de feriadão.

ACORDO ENTRE CAVALHEIROS RICOS

É importante salientar que o prefeito Fábio do Pastel (PL) amarga enorme rejeição desde que fechou acordo com a Salineira (imagem), ano passado, substituindo por cartão magnético o pagamento do transporte ao servidor, que antes recebia essa verba em dinheiro. A maioria não gostou, teve até protesto. Fábio fez tudo que a empresa queria para impedir a saída de circulação. Mas, ao que tudo indica, mesmo ele contrariando a população e sendo até sangrado pela oposição, não foi suficiente para a empresa manter o acordo. Nos corredores da Prefeitura o comentário é que o governo municipal estaria estudando a possibilidade de assumir a responsabilidade pelo transporte público na cidade, o que, em se tratando de transporte no estado do Rio, onde o setor é “mapeado” e definido através de acordo entre cavalheiros ricos, é um grande desafio.

VAI PAGAR PRA VER?

Nessa questão da Prefeitura assumir o transporte público aldeense, vale considerar que o município até teria condição de fazer esse papel, haja vista a vitória destacada esse ano com o aumento no repasse dos royalties. Nesse sentido, os planos do prefeito Fábio do Pastel são de investimentos em melhoria de infraestrutura, principalmente saneamento, pavimentação. Logo, separar uma parte desses recursos para a Salineira pode custar ainda mais ao executivo; será que Pastel está disposto a pagar? Bem, quem o conhece disse que ele cansou desse imbróglio e vai encarar a briga. É aguardar pra ver.

PISO APROVADO E A FALTA DE PROFESSORES

Na Câmara aldeense, foi aprovado nesta terça-feira (22), o Projeto de Lei de reajuste de 33,24% do piso do Magistério. A proposta, de autoria do prefeito Fábio do Pastel (PL), foi votada em regime de urgência. Ainda na seara da Educação, os vereadores Mislene de André (SDD) e Franklin da Escolinha (CID) questionaram a falta de professores nas escolas municipais. Para suprir esta demanda, Mislene reivindicou agilidade na convocação dos aprovados no concurso de 2021. Franklin da Escolinha indicou, ainda, a necessidade de reforma das escolas. Outro PL aprovado é de Isaías do Escolar (PROS), que formaliza a atividade de locutor de propaganda e animação no comércio. Atualmente é proibido na cidade. A proposta seguiu para o Executivo.

AMEAÇA DE MORTE

Em Araruama, a sessão da Câmara dos Vereadores desta terça-feira (22) foi marcada por discussões acaloradas e até mesmo uma denúncia da vereadora Penha Bernardes (PL) de que teria sido ameaçada de morte pelo ex-prefeito, primeiro-cavalheiro de Araruama e pré-candidato a deputado estadual, Chiquinho da Educação. A confusão toda, repercutida pelo jornal O Dia, veio em uma fala de Penha contra a recusa da prefeita Lívia Belo (PP) de receber R$300 mil de emenda parlamentar da deputada federal Daniela do Waguinho (MDB) para aquisição de um castramóvel para o município. O líder do Governo na Câmara e irmão de Penha, Luiz do Táxi (PL), usou a tribuna para tentar descreditar Waguinho (UNIÃO), prefeito de Belford Roxo, e foi respondido, tanto pela irmã, quanto pelo cunhado, o também vereador Oliveira da Guarda (MDB). A partir daí, diversas falas foram colocadas e a sessão descambou para um lado completamente apolítico, uma vez que o que se viu foi um verdadeiro “Casos de Família”. Mas foi aí que a coisa ficou interessante…

CHAMA A CHRISTINA ROCHA

Completamente contrário à proposta de outros vereadores, como Roberta Barreto (DEM), que afirmou que a Casa não era local para isso, a troca de chumbo entre Penha, Oliveira e Luiz do Táxi foi uma lavação de roupa suja daquelas. Luiz acusou Oliveira de fazer uma perseguição contra ele e afirmou que o ex-guarda municipal é apenas “uma erva daninha que entrou em sua família”. Penha, por sua vez, tomou as dores do marido e disse que Oliveira é muito bem-vindo na casa dela e que é o irmão que não frequenta muito o local, tanto que Oliveira passou o Natal e ano novo junto da família de Penha. Oliveira também respondeu o cunhado e disse que as irmãs e a família de Penha toda, votou nela e não nele. Por fim, Penha ainda afirmou de Oliveira é respeitado e visto como um exemplo pelos próprios filhos, dando uma leve indireta no irmão, que, dentro da cidade, é conhecido por ter problema de relacionamento com uma de suas filhas. Enfim, só faltou a Christina Rocha para coordenar o barraco. Tudo indica que esse folhetim eletrizante e imperdível, vai ter mais um capítulo nesta próxima quinta-feira (24). Só se fala nisso na cidade.

DECRETO SAIU

Em Cabo Frio, como havíamos antecipado aqui na coluna, nesta terça (22), o prefeito José Bonifácio (PDT) baixou decreto enumerando as proibições para o período de Carnaval. Isso porque, apesar de já estar proibida a festa em si, alguns empresários e comerciantes foram procurar a Prefeitura para pedir autorização de fechamento de ruas ou pequenos espaços para colocação de mesas e cadeiras ao ar livre. Não pode. Sendo assim e para evitar infrações, o documento deixa claro que estão proibidos: realização de eventos festivos de pré-Carnaval e Carnaval em locais e logradouros públicos; concentrações e desfiles de blocos; bem como autorização para o comércio ambulante temporário e de licenciamento para a realização de qualquer evento carnavalesco.

PONTO FACULTATIVO

Falando nisso, Zé Bonifácio (PDT) decretou nesta segunda-feira (21), ponto facultativo na cidade na próxima segunda-feira (28), véspera de Carnaval. Segundo o documento, na quarta-feira de Cinzas (2), o expediente será iniciado às 12h em todos os órgãos públicos municipais. Serviços essenciais, porém, como as unidades de saúde, limpeza urbana, Guarda Civil, Guarda Marítima Ambiental e Defesa Civil funcionarão em sistema de plantão ou prontidão, a fim de garantir que os serviços continuem sendo realizados mesmo durante o ponto facultativo.

AMÉRICO VESPÚCIO EM PAUTA

Ainda em Cabo Frio, mas na Câmara, nesta terça-feira (22) o assunto principal foi o possível fechamento da Escola Municipal Américo Vespúcio. Todos os vereadores se posicionaram contra o fechamento, não só desta, mas de qualquer unidade da rede. Os edis também se manifestaram a favor do diálogo entre o Legislativo, secretaria de educação e comunidade escolar. Foi colocado em pauta um requerimento pedindo informações de forma detalhada de todas as despesas de custeio de investimento aplicadas a escola desde 2020. O documento foi aprovado e será encaminhado ao Executivo. Também foi solicitado que o Executivo faça uma campanha contra a evasão escolar e divulgue amplamente a lista de escolas e vagas disponíveis no município.

O POSICIONAMENTO DE FERNANDES

Fora das instalações da Câmara, o vereador Felipe Fernandes (PDT) também se posicionou nas redes sociais. Nesta segunda-feira (21), Felipe afirmou que conversou com a secretaria de Educação, Elicéia da Silveira, e ela confirmou que vão haver conversas com servidores e alunos. “Acredito que esse é o melhor caminho para tomarmos as decisões”, disse o vereador. O parlamentar ressaltou a boa estrutura da Escola Américo Vespúcio após uma reforma e apontou que a comunidade escolar poderá ter oportunidade de “usufruir melhor desse espaço e reconquistar a confiança desses alunos”.

DISK TAPA-BURACO

Ainda falando do Legislativo cabo-friense, o vereador Vanderson Bento (PTB) apresentou uma indicação para criação do Disk Tapa-Buracos. O assunto foi cobrado pelo parlamentar ao longo de 2021 e trazido de volta à discussão nesta terça-feira (22). Nas redes sociais, Vanderson explicou que o serviço serviria para que os cidadãos possam informar as prioridades no recapeamento asfáltico do município e, com isso, aumentar a celeridade das ações da secretaria do município, ajudando até mesmo a administração pública a entender as principais demandas. Mas verdade seja dita, do jeito que Cabo Frio está esburacada, o serviço vai precisar de umas 30 atendentes 24h por dia. E “elazinhas” vão precisar de atendimento psicológico para suportar a ira do povo, pode apostar.

REUNIÃO DO CCS

Continuando em Cabo Frio, nesta quarta-feira (23) tem reunião do Conselho Comunitário de Segurança. Segundo a diretora do CCS, Patrícia Cardinot, além das estatísticas de apreensões e ações da polícia, bem como um balanço geral, o encontro vai tratar do período de Carnaval, quando a cidade, que proibiu quaisquer tipo de eventos, já se sabe, vai estar bastante movimentada.

OPERAÇÃO CARNAVAL

O prefeito interino e secretário de Obras de Búzios, Miguel Pereira (PL), esteve reunido na manhã desta terça-feira (22), com os representantes das secretarias de Segurança e Ordem Pública, Saúde, Ambiente e Serviços Públicos para traçar metas sobre Operação de Carnaval que começa na sexta (25). De acordo com o gestor cada secretaria irá promover ações para manter o ordenamento da cidade. “Neste período de Carnaval a cidade tem o triplo de moradores ambulantes. Precisamos traçar metas com objetivos de atender a todos. Com o cancelamento do Carnaval, a cidade oferece belíssimas praias e locais bucólicos, bem propícios ao descanso, sendo um destino perfeito para os turistas. As ações de ordenamentos da cidade precisam estar intercaladas entre as secretarias para obter êxito”, disse Miguel.

CÂMARA DE BÚZIOS DE CASA NOVA

Ainda em Búzios, os vereadores se encontraram em uma sessão ordinária nesta terça-feira (22), e aprovaram o Projeto de Lei em regime de urgência que autoriza a desafetação de área pública no loteamento Praia Baía Formosa para construção do novo prédio do Legislativo. A área de recreação possui 7.157 m². O projeto veio do Poder Executivo, assinado pelo prefeito Alexandre Martins (REP). Os vereadores também aprovaram, em segundo turno, o Projeto de Lei Complementar que autoriza, em caráter provisório, a atividade de estacionamento e guarda de veículos em Zonas de Conservação da Vida Silvestre (ZCVS), como, por exemplo, a Praia da Tartaruga. Os projetos aprovados seguem para sanção.

CARNAVAL COM 250 MIL POR DIA

O Carnaval em Arraial do Cabo, como em todo estado, está cancelado, ainda assim, a Prefeitura estima que 250 mil pessoas devem visitar, por dia, a Capital do Mergulho nesse período. Sendo assim, estratégias foram definidas durante uma reunião, realizada nesta terça-feira (22), do prefeito Marcelo Magno (PL) com as secretarias de Meio Ambiente, Turismo, Posturas, Segurança Pública e Diretoria de Eventos a fim de fazer valer o decreto que proíbe eventos em espaços públicos, ensaios, desfiles e apresentações de blocos, escolas de samba e demais agremiações carnavalescas, além de shows, apresentações musicais e eventos com sonorizações mecânicas ou por instrumentos em todo o Município. Além da fiscalização sobre eventos clandestinos e música ao vivo nos bares e quiosques, a Prefeitura vai redobrar a vigilância nas praias. Aparelho de som, recipientes de vidro, drones sem autorização, barracas de acampamento, colchonetes e similares, são algumas das proibições nas praias de Arraial do Cabo. O trânsito receberá atenção especial do poder público, com o aumento do efetivo da Guarda Municipal e alterações em vias importantes. A Praça do Cova, por exemplo, terá as vias do entorno fechadas no período de 18h à meia noite. Vale lembrar que a cidade não ter barreiras sanitária, mas é preciso que o turista ou morador apresente a carteira de vacinação para utilizar espaços de uso coletivo.

SEM SESSÃO NO CABO

A Câmara de Arraial do Cabo não teve sessão legislativa nesta terça-feira (22). Aparentemente, houve um problema de internet e a pauta para o encontro não pode ser fechada. Um vereador informou à coluna que o problema só foi informado a eles na hora e que quase todos os nobres edis já estavam na casa, prontos para a sessão. O próximo encontro do Legislativo cabista será na quinta (24), às 10h.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui