BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA SEGUNDA-FEIRA (25)

José Bonifácio enfim recebe alta no dia em que Magdala faz primeira inauguração enquanto prefeita interina; Prefeitura de Arraial do Cabo publica nota sobre tentativa de invasão ao domicílio de Marcelo Magno; Vantoil animado com chegada de bancos a Iguaba; Fábio do Pastel e a novela do transporte público; Búzios com fila zerada para cirurgias de catarata; a simpaticíssima prefeita de Araruama; e muito mais...

2092

ZÉ DE VOLTA

A coluna Boca Miúda desta segunda-feira (25), começa por Cabo Frio, onde o prefeito, José Bonifácio (PDT), já se encontra em casa. Após 18 dias internado em Niterói por conta de uma cirurgia para retirar um nódulo do fígado, Zé foi liberado e está bem. Bonifácio conversou com a coluna por telefone e dava para sentir que ele estava muito motivado, feliz e entusiasmado. O prefeito afirmou que está em condições de reassumir o cargo, mas ainda está avaliando se o fará. Ele disse que vai conversar com a esposa, Ana Lúcia Valladão, que está de férias e vai decidir com o prefeito. Zé contou que vai fazer alguns telefonemas para a equipe também. Mas a prioridade mesmo é tentar dormir uma noite direto, já que no hospital ele sempre era acordado para tomar medicação. Portanto, ele ainda não crava sua volta para Prefeitura imediata ou se vai tirar uns dias de descanso.

ROTINA DE ZÉ

O prefeito ainda não está liberado para pegar sua ‘magrela’ e dar voltas pedalando pela cidade, como é sua marca registrada. Porém, os médicos recomendaram que ele continue fazendo caminhadas diárias, como fez no hospital. Os pontos só serão retirados na semana que vem, mas não o impedem de fazer qualquer coisa. Mais cedo, Zé Bonifácio contou à coluna que ficou animado em saber que a cidade ficou cheia neste feriadão de Tiradentes e Cabofolia. O prefeito revelou que pensa seriamente em manter a micareta nessa época do ano. “No verão e na Semana Santa sempre vem gente. A gente precisa ter eventos fora da temporada. De repente, podemos manter a data do Cabofolia sempre nessa época”, sugeriu. No final da conversa por telefone, Zé comentou sobre a prefeita em exercício. Disse que é muito bom que ela tenha a experiência de estar comandando o município, mesmo que já tenha várias atividades em andamento. “Assim ela vai tomando pé, conhecendo melhor as pessoas, vai confiando mais em umas, menos em outras, isso é natural, é da vida. O contato direto, permanente, diário com as pessoas é bom. Porque às vezes você tem uma impressão errônea de uma pessoa com a qual se tem pouco contato. E quando começa no dia a dia, se vê que um pré-julgamento faz a gente cometer equívocos”, comentou.

A ESTREIA DE MAGDALA

Por falar na prefeita interina, Magdala fez a sua primeira agenda como chefe do Executivo nesta segunda-feira (25), com a reinauguração da ala emergencial do Hospital Municipal Otime Cardoso dos Santos, no Jardim Esperança, pela manhã. A unidade passará ter atendimento emergencial 24 horas por dia; havia uma expectativa tremenda da população que ficou sem o serviço. Magdala discursou rapidamente, confessando, logo de cara, a sua falta de intimidade com a oratória. Aliás, começou dando “bom dia a todos”, já pode mudar a partir daí. Vale lembrar que o político contemporanizado cumprimenta primeiro as mulheres e depois os homens, especialmente sendo ela uma prefeita em exercício. Pode parecer tolice, mas todos reparam. Depois do rápido discurso e agradecimento, quem falou foi a secretária municipal de Saúde, Érika Borges, que agradeceu à equipe, destacou que “saúde se faz com pessoas” e pediu uma salva de palmas aos funcionários da área. “Viva a saúde pública! Viva a vacinação”, disse a secretária.

MANDOU UM SALVE A ZÉ

Continuando no evento do Jardim Esperança, muita gente foi prestigiar a estreante Magdala em sua primeira atuação como prefeita em exercício de fato. Além de secretários e parte da equipe de Magdala, os vereadores Alexandre da Colônia (DEM), Davi Souza (PDT), Rodolfo de Rui (SD), Léo Mendes (DC) e Josias da Swell (PL) também estiveram por lá. Antes do aplauso final do evento, a prefeita cabo-friense fez questão de mandar um beijo carinhoso para o prefeito José Bonifácio (PDT) “e que papai do céu te abençoe lá onde você está”, completou.

ESCOLA CÍVICO-MILITAR

A Câmara de Cabo Frio realizou nesta segunda-feira (25), uma audiência pública sobre a implantação do Projeto Escola Cívico-Militar na cidade. A reunião foi comandada pelo presidente da Comissão de Políticas Públicas, o vereador Douglas Felizardo (Avante). O debate durou cerca de 3 horas. Estiveram presentes os vereadores Josias da Swell (PL), Léo Mendes (DC) e Thiago Vasconcelos (Avante). Além deles, a representante do vereador Oseias de Tamoios (PDT), Daniela Vitoretti; o deputado federal Gurgel (PL) e seu irmão, Rodrigo Gurgel; o representante da secretaria Municipal de Educação, Fabio Souza e Silva, o presidente do Sepe Lagos, Augusto Rosa; o representante do Sindicato dos Servidores Municipais, Fernando de Paula; policiais militares, professores e sociedade civil. Debate sobre escolas cívico-militar virou “modinha” no governo Bolsonaro. Mas esse tipo de educação fosse realmente de excelência, não estaríamos assistindo estarrecidos os escândalos de corrupção envolvendo as Forças Armadas, como por exemplo, compra de 35 mil comprimidos de Viagra, prótese peniana, gel lubrificante (pra que isso minha gente, alguém explica???), remédio para calvície, sem falar nos camarões, picanha, uísque e outros absurdos que não cabem numa nota. E tem mais um detalhe: o presidente não seria desprovido de inteligência como demonstra de forma recorrente, e tampouco, faria esse governo desastroso com índices de rejeição que falam por si só. Sem destacar o país pária que o Brasil virou por tamanha inabilidade política internacional. Será que é esse tipo de educação ideal para nossas crianças? É demagogia que fala?!?

DISSABOR PÓS-FOLIA

O retorno do Cabofolia ao Espaço de Eventos de Cabo Frio na semana passada reuniu boa parte da classe política para um momento de descontração nessa saída da Pandemia. Mas para Macelo Magno (PL), prefeito de Arraial do Cabo que marcou presença no evento, o fim de semana também foi de dissabor. Uma hora após o chefe do Executivo cabista chegar em casa da festa, na manhã de sábado (23), manifestantes tentaram derrubar o portão e invadir a casa do prefeito, “assustando e causando pânico a sua família”. Segundo a Prefeitura, o que causou o protesto foi uma ação promovida pela secretaria de Posturas, que vem combatendo a prática ilegal de abordagem de turistas em vias públicas, especialmente no quesito aluguel de mesas, cadeiras e barracas.

‘MENTIRA’ NO MEIO

Durante o ocorrido, o prefeito foi até o portão para verificar do que se tratava e entender o motivo da manifestação violenta. Nesse momento, teve quem chegou a dizer que os manifestantes alegaram que Marcelo chegou a ameaçá-los como uma arma de fogo. A Comunicação da Prefeitura, no entanto, disse que é mentira. Marcelo, na verdade, segurava um celular. E pelas imagens, é possível realmente constatar que se trata de um aparelho de telefone. Em tempo de fake news, importante sempre dar uma apurada com mais critérios para evitar erros.

REGISTRO FEITO NA DP

O prefeito registrou uma ocorrência de tentativa de violação de domicilio na 132ª DP no começo da tarde de sábado. Em nota, o prefeito reforçou que “o Governo Municipal está aberto ao diálogo e sempre disposto a atender as reivindicações da população, mas que toda e qualquer solicitação deve ser feita de forma pacífica”. No registro de ocorrências, Marcelo disse que marcaria uma reunião na secretaria de Postura, local apropriado para tal, com os manifestantes para tratar do assunto pautado por eles.

BANCOS EM IGUABA

O prefeito de Iguaba Grande, Vantoil Martins (CID), comentou com a coluna nesta segunda-feira (25) sobre a chegada de agências bancárias ao município. Vantoil disse que está confirmada a inauguração do Sicoob já no mês que vem. Além disso, ele afirmou que a Caixa Econômica Federal também já está pesquisando prédios para abrir uma unidade em Iguaba. “É um ótimo sinal e reflete que a cidade está em desenvolvimento. Uma cidade que tem instituições bancárias, financeiras significa que tem dinheiro circulando na praça. Iguaba, a cada dia, dá sinais de que é um lugar atrativo para quem quer investir”, avaliou o prefeito.

TRANSPORTE PÚBLICO SAI DE CENA

Em São Pedro da Aldeia não se fala noutra coisa a não ser no encerramento das atividades da Viação São Pedro, da Salineira, na cidade. A coluna já vinha divulgando esse imbróglio, inclusive que o prefeito Fábio do Pastel (PL) conseguiu mais dez dias da prestação do serviço, que seria finalizado no fim de abril mas foi prorrogado até 9 de maio, quando termina de vez. O motivo da retirada de circulação da Viação São Pedro foi que, segundo a Salineira, ficou inviável financeiramente de manter os serviços na cidade. Diante disso, Pastel já vem se reunindo com sua equipe há alguns meses na busca de alternativas, entre as quais adquirir frota própria e poder colocar uma passagem mais barata para os usuários. Uma outra opção seria abrir nova licitação para outras empresas de ônibus e concessão de transporte alternativo (vans). Em nota enviada nesta segunda (25), a Prefeitura afirmou, sem dizer nada, que “quando a empresa vai parar de operar na cidade, vai apresentar a solução para o transporte público para os moradores de São Pedro da Aldeia”. Ou seja, resta aguardar.

REUNIÃO COM SECRETÁRIO

Ainda em São Pedro da Aldeia, Fábio do Pastel e o secretário de Obras e Desenvolvimento Urbano, Fernando Frauches, se reuniram com o novo secretário estadual de Infraestrutura e Obras, Rogério Brandi. O encontro nesta segunda-feira (25) teve como objetivo o alinhamento e a continuidade de futuras ações em parceria com o Governo Estadual. “Estamos aqui nos acertos finais das documentações para assinaturas dos termos de cooperação técnica entre o município de São Pedro da Aldeia e o estado do Rio de Janeiro que irão beneficiar vários bairros”, explicou Fábio.

FILA ZERADA COM MUTIRÕES

A semana começou com notícia boa na saúde de Armação dos Búzios. É que a cidade realizou um mutirão, neste domingo (24), de cirurgia de catarata e zerou a fila de espera pelo procedimento na rede municipal. Foram 43 munícipes atendidos no Hospital Municipal Rodolpho Perissé (HMRP). Com a fila para este procedimento zerada, agora as cirurgias serão realizadas, no máximo, em 30 dias após o primeiro atendimento. Para a realização do mutirão, a equipe contou com três cirurgiões e 11 profissionais de enfermagem envolvidos, desde o atendimento aos pacientes até o auxílio aos médicos no centro cirúrgico que teve, recentemente, sua capacidade de execução duplicada. Nesta quarta (27), é a vez de quem realizou o pré-operatório para cirurgia de pterígios. Serão operados 19 pacientes, e mais uma fila de espera zerada. Em breve, está previsto um mutirão para diminuição da fila de espera pela cirurgia de vesícula e outras patologias.

AMIZADE DE LONGA DATA

O procurador-geral de Armação dos Búzios, Thiago Ferreira compartilhou em seu stories, neste fim de semana (de sexta pra sábado), um momento de reencontro com o senador Flávio Bolsonaro (PL), a quem deu um abraço carinhoso num dos camarotes da Sapucaí. Pelo visto, a amizade é de longa data.

QUESITO GROSSERIA

Quem não foi vista por aí pulando carnaval foi a prefeita de Araruama, Lívia Bello (PP), e o marido, Chiquinho “sem Educação”. O casal completou 14 anos de união neste sábado (23) e, no fim de semana, esse foi o assunto da única publicação de Lívia nas redes sociais. Mas o destaque mesmo da prefeita na internet fica para a classe, elegância e simpatia que Lívia, simplesmente, não tem para responder comentários. Em uma publicação, um internauta agradeceu ao vereador Thiago Moura (PP) por conta de obras. Lívia não perdoou nem o parlamentar da base e mandou na lata “pensei que a secretaria de Obras que fizesse esse serviço no município. Não sabia que vereador faz manilhamento”. É, minha gente… Se ela pulou Carnaval, fica a dúvida. Mas no quesito grosseria, a Acadêmicos Prefeitura de Araruama é sempre nota DEZ com estandarte de ouro para a prefeita.

DE NOVO, CLAUDINHO?

Após a festa arrasa-quarteirão de aniversário, outro evento do governador do Rio, Cláudio Castro (PL), pode acabar na mira da Justiça por conta dos gastos. Dessa vez, trata-se do camarote do Governo na Sapucaí nos desfiles de Carnaval do fim de semana. A deputada estadual Renata Souza (PSOL) repercutiu que o abadá do que chamou de “Castro Folia” no sambódromo custou R$2,5 milhões aos cofres públicos e que não se sabe o custo que o camarote teve para as contas do Estado. “O MP será provocado por nós. O povo não pode pagar pelo Castro Folia”, escreveu Renata.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui